O desafio de enfrentar a quarentena com filhos

maio 22, 2020
Somos obrigados a ficar em casa, limitando nossa vida social, acadêmica e profissional. Nesse contexto, não precisamos reorganizar apenas nossas vidas, mas também as dos nossos filhos. A questão é: como enfrentar esse desafio?

A crise do coronavírus nos colocou em circunstâncias extraordinárias. Grande parte da população trabalhando em casa, todo o comércio, com exceção dos estabelecimentos considerados essenciais, fechado, e a suspensão das aulas das crianças. Se a situação em si pode ser difícil de gerenciar, enfrentar a quarentena com os filhos pode ser ainda mais complicado.

Muitos pais e mães precisam conciliar o trabalho remoto com o cuidado dos filhos em casa, além de lidar com os problemas diários que podem surgir e com a dificuldade de gerenciar as emoções e estruturar as atividades das crianças.

Para todas as pessoas, recomenda-se seguir com a vida habitual tanto quanto possível. No entanto, no caso de ter filhos, é necessário considerar alguns aspectos específicos.

Irmãos brincando no sofá

A quarentena com os filhos

Muitos especialistas já falaram sobre isso: atividades recreativas para fazer em casa, como informar as crianças da situação, adaptar-se à nova rotina de educação…

Assim, fizemos uma lista dos aspectos mais relevantes para os pais passarem com sucesso pelo período de quarentena.

Primeiro, como conselho geral e básico para todos os outros, é essencial respeitar o espaço e as emoções das crianças. Elas também ficarão frustradas e é ainda mais difícil para elas entender as consequências e o porquê dessa situação. Coloque-se no lugar delas e aceite seus momentos de frustração, demonstrando apoio.

Mantenha a rotina

Uma chave para passar por essa crise é estabelecer e seguir um cronograma. Para as crianças, é importante ter horários fixos para dormir e brincar.

O horário não deve ser muito rigoroso, basta definir um horário para acordar, comer e ir para a cama. Isso também ajuda a tornar o futuro um pouco mais previsível, o que reduz a incerteza e o estresse.

O ideal é seguir, na medida do possível, o mesmo horário escolar. Assim, as crianças se dedicam nesse período às tarefas propostas pelos professores, mas sempre alternando com um tempo para descansar.

Além disso, é importante estabelecer determinadas regras para que os adultos não sejam interrompidos no horário de trabalho, se não for necessário. Dessa forma, os pais podem trabalhar concentrados, assim como as crianças.

Seja criativo

Diante da nova situação, pode ser muito benéfico incorporar novas atividades. Talvez seja hora de pegar o quebra-cabeça que estava guardado ou de finalmente estrear o jogo de tabuleiro que elas ganharam de presente.

É muito melhor se essas atividades incluírem algum exercício leve que possa ser feito em casa. Essa seria uma ótima maneira para as crianças aliviarem a tensão, se estimularem e manterem o ritmo de sono.

Um bom exercício pode animar as crianças a inventar jogos e a fazer um brainstorming. Ou então, brinquem da mesma maneira que vocês já brincavam, mas alterando algumas regras.

Aprenda a gerenciar a ansiedade

O estado emocional dos pais inevitavelmente afeta a forma como os filhos se sentem. Portanto, é importante que os adultos aprendam a lidar com a ansiedade e a preocupaçãoTente evitar os pensamentos catastrofistas e concentre-se em encontrar soluções e alternativas.

Diante da tensão do dia a dia e do medo que pode surgir, é importante manter a perspectiva, envolvendo as crianças apenas quando necessário. Além disso, no caso de se sentir sobrecarregado, é essencial se retirar por um momento para outro cômodo e se desconectar.

Além disso, durante a pandemia da COVID-19, é altamente recomendável limitar o consumo de notícias e informações a uma hora específica do dia. Assim, você não se satura e evita momentos de tensão e preocupação.

Faça planos

Mesmo estando confinados em casa, é essencial continuar fazendo planos. Você pode definir um dia por semana para fazer alguma atividade especial. Claro, se as crianças puderem fazer parte das decisões sobre os planos, melhor ainda!

Por exemplo, você pode planejar cozinhar algo diferente no fim de semana ou simular um playground. O importante é quebrar a rotina e desconectar-se do ambiente de vez em quando. Isso vai fazer bem a todos.

Mãe e filha na cozinha

Atitude positiva para enfrentar a quarentena junto com os filhos

Enfrentar uma quarentena junto com os filhos não é uma tarefa fácil. No entanto, o mais importante é manter uma atitude positiva. Ver a partir de uma perspectiva diferente tudo o que está acontecendo pode ser a chave para que todos os membros da família se deem bem. Por exemplo, troque o pensamento “Que raiva não poder sair para o parque” por “Que bom que podemos passar um tempo juntos em casa”.

Esta é uma oportunidade para você aproveitar todo o tempo que normalmente não tem. Aproveite para conhecer melhor seus filhos, fazer coisas com eles e para que eles também aprendam a lidar com emoções como o tédio e a frustração. Vocês vão sair mais fortes e mais unidos de tudo isso.