Mantras para meditar que vale a pena conhecer - A Mente é Maravilhosa

5 mantras para meditar

dezembro 23, 2017 em Psicologia 216 Compartilhados
Mantras para meditar

Os mantras para meditar são palavras ou frases que incitam a aceitação de uma atitude de maior concentração e foco. Esse tipo de fórmula linguística é usado desde tempos imemoriais. Quase todas as culturas deram um valor especial a certas palavras ou expressões. Muitas delas possuem um significado sagrado.

A palavra “mantra” deriva do sânscrito. Ela está composta por duas raízes: “man”, que significa “mente”; e “tra”, que significa proteção. Ou seja, a palavra “mantra” significa: proteção para a mente.

Quem utiliza mantras para meditar diz que a mente é parecida com o mar. Às vezes está em calmaria, mas, em outras ocasiões, se agita freneticamente; ainda mais quando algo está alterado, seja pela ação dos outros ou uma tempestade. Nesses momentos devemos usar os mantras. Eles ajudam a tranquilizar a mente, a deixá-la serena.

“Eu acredito que existe um poder no interior de cada um de nós… quanto mais você se conecta com o Poder que existe dentro de si, mais livre estará em todas as áreas da vida”.
-Louise L. Hay-

O segredo dos mantras

Existem palavras, expressões e sons que induzem a um estado de maior relaxamento. Os mantras são um recurso muito valioso para recuperar o sossego, a serenidade e a força, nos momentos de grande agitação. Sem um trabalho interno sobre a mente, ela costuma se excitar com facilidade.

Também se enche de violência, angustia e inquietação. Ao utilizar um mantra, a mente volta ao seu estado de serenidade.

Mulher meditando

Os mantras proporcionam grandes benefícios. Entre eles, estão os seguintes:

  • Contribuir para reduzir os níveis de tensão e ansiedade;
  • Aquietar a mente, ajudando assim a diminuir os conflitos internos, facilitando o autocontrole;
  • Aumentar a vontade e a força para alcançar os objetivos;
  • Ajudar a desbloquear os sentimentos positivos, como a paciência, a empatia, a generosidade, etc.

Os mantras trabalham, de certo modo, como uma mensagem subliminar. São conteúdos que estão destinados ao subconsciente. Ultrapassam o limite da consciência e penetram nas áreas mais profundas da nossa mente. Assim, conseguem o seu objetivo: induzir um estado de consciência positivo.

Mantras para meditar: os mais clássicos

Alguns dos mantras para meditar têm uma longa tradição. Os mais conhecidos vêm do budismo e da cultura hindu. Em ambas, a meditação tem um valor profundo.

Mantras para meditar

Existem cinco mantras para meditar que são utilizados há milênios. São os seguintes:

  1. OM. É o mantra para meditar mais universal. Na verdade, calcula-se que represente o som do universo. É o som da origem, o primordial, o que abrange todos os outros sons.
  2. OM AH HUM. Ao pronunciar esse mantra se consegue limpar o lugar onde vai se realizar a meditação. Além disso, o som ajuda a aumentar a concentração.
  3. OM TARE TUTTARE. Esse mantra ajuda a concentrar a força interior. É empregado para eliminar os obstáculos internos. Também alimenta a coragem e a confiança.
  4. OM NAMAH SHIVAYA. É um mantra proveniente da cultura hindu. Pronuncia-se para convocar o bem-estar e a felicidade.
  5. OM MANI PADME HUM. Este é um dos mantras mais poderosos para meditar. Invoca a sabedoria essencial, a união com o universo.

Pois bem, o mais importante desses mantras é o seu som. Os budistas insistem que não se deve refletir muito sobre o que eles significam. A essência de tudo está nos fonemas e nos efeitos que eles têm sobre a consciência.

Os mantras próprios

Cada pessoa pode criar seus próprios mantras para meditar ou simplesmente para se acalmar e se fortalecer. Existem palavras ou frases que exercem sobre nós um poder especial. Não importa se elas não têm um significado claro. O fundamental é que nos conectem com uma sensação de sossego e força.

Mulher de olhos fechados

Exemplos de mantras pessoais podem ser: “AVANÇAR”, “CRESCER”, “SOU LUZ”, “ESTOU BEM” ou expressões similares. O aconselhável é utilizá-las por um tempo e logo mudá-las. A repetição faz com que o seu poder de influência vá diminuindo sobre a mente.

Os especialistas no tema recomendam evitar o uso da palavra “NÃO” no mantra. Dizem que ela tem a capacidade de nos bloquear. Portanto, as expressões devem estar formuladas em termos positivos. Assim, em lugar de dizer “NÃO TENHO MEDO”, se deve afirmar “TENHO CORAGEM”.

Não devemos esquecer que o valor de um mantra está, principalmente, na sua capacidade de se conectar com o poder interno que existe em todos nós.

Recomendados para você