Um lar é construído com emoções

Um lar é construído com emoções

17, novembro 2015 em Emoções 4036 Compartilhados
Um lar é construído com emoções

Lares felizes, pessoas saudáveis

Cuidar do clima emocional do nosso lar é a chave para se desenvolver como pessoa, se sentir bem e receber todos os benefícios de uma vida em família.

O lar é o lugar onde podemos ser “nós mesmos”. Entretanto, há um grande perigo, o do “vale tudo”. Com a confiança e com os hábitos, podemos negligenciar certos princípios como solidariedade e respeito.

É extremamente importante manter em nossa casa a cordialidade, o respeito, o autocontrole e a bondade. A inteligência emocional está enraizada em nosso lar e é a melhor garantia de uma vida feliz.

A inteligência emocional é muito importante, principalmente quando temos crianças em casa. Elas são as que mais sofrem com os conflitos. Por essa razão, é importante falar sobre nossos sentimentos e emoções, ao invés de explodir e acabar com a nossa saúde familiar.

Meu lar.

É o refúgio de tempestades externas.

É meu descanso, mesmo que haja guerra.

Meu lar.

É a cor, com a qual sempre pinto,

onde quer que eu esteja.

Meu lar.

É o meu descanso para poder seguir em frente.

É o lugar que quero compartilhar.

Meu lar.

É meu hoje, é onde percebo o mundo

Me deixo sentir, é o lugar onde mostro quem sou.

– Mery Bracho –

A influência das emoções na saúde

O teste do vizinho

Imagine que um dia todos estão estressados em casa e você os encontra brigando sem controle. Censuras, gritos, brigas… A tensão invadiu sua casa e você está à beira de um ataque de nervos.

De repente, alguém bate à porta. É o vizinho e milagrosamente tudo se acalma. Esquecemos nosso mau humor, falamos com moderação e bondade, e oferecemos toda nossa hospitalidade.

Quando o vizinho vai embora, podem acontecer duas coisas: cada um retoma suas atividades normais ou a briga recomeça.

Por que precisamos de um vizinho para exercer o autocontrole? Por que não somos capazes de colocar o “pé no freio” e agir com inteligência emocional?

As emoções afetam a nossa saúde

Três chaves para melhorar o clima emocional no lar

Elsa Punset compartilha algumas dicas para melhorar o clima emocional em casa e não sair de sintonia com tanta facilidade.

1- Reflita e desafie a si mesmo

Você é capaz de comportar-se com a sua família como se o seu vizinho estivesse presente? Vai dizer para sua família algo que seu vizinho não pode ouvir?

Como dissemos anteriormente, é uma prova difícil. Os especialistas recomendam utilizar o “teste do vizinho” pelo menos uma vez por semana, para restaurar o equilíbrio emocional do seu lar.

2- Observe suas expressões e como demonstra afeto.

Todos nós precisamos de carinho e afeto. O estresse e a rotina diária nos fazem agir com dureza com os nossos entes queridos e isso compromete a confiança e o aconchego do lar.

3- A prioridade é o bem-estar geral e individual

Em um lar, todos cuidam de todos. Muitas vezes priorizamos nossos interesses, sem perceber que estamos sendo egoístas. É importante compartilhar os momentos e ajudar os demais. Quando o outro percebe seu interesse, se sente reconfortado e o clima emocional se equilibra.

Imagem principal cortesia de Víctor Rivas Fernández, De la Luz e de las Mariposas

Recomendados para você