Cefaleia de tensão: quais são suas causas e tratamentos?

dezembro 26, 2018

Todos sabemos o quão desagradável pode ser ter uma dor de cabeça. Esse mal-estar nos impede de realizar a maioria das tarefas do nosso dia a dia de forma eficaz, uma vez que sentimos um incômodo que geralmente nos rouba a energia. Infelizmente todos nós já passamos por isso em algum momento da vida. Apesar de existirem muitos tipos e versões de dor de cabeça, a cefaleia de tensão é uma das mais comuns.

Trata-se de um tipo de dor de cabeça que aparece devido a um excesso de tensão dos músculos do pescoço e do couro cabeludo. Calcula-se que essas contrações exageradas da musculatura provoquem 78% dos casos de cefaleia do mundo. Esses casos também costumam estar associados a problemas como a depressão, a ansiedade ou o estresse, ainda que possam afetar praticamente qualquer pessoa.

Apesar desse tipo de dor não costumar provocar mais problemas além de um simples incômodo, a cefaleia de tensão pode se converter em algo relativamente grave caso se mantenha por muito tempo. Nesse artigo, contaremos quais são as principais causas desse problema e o que pode ser feito para tratá-lo.

O que é exatamente uma cefaleia de tensão?

A maioria das pessoas que padecem desse problema descrevem a sensação de ter uma faixa apertando sua cabeça. Sentem uma dor generalizada e não muito forte, mas que pode ser muito desagradável. Geralmente, uma cefaleia desse tipo não impedirá que a pessoa realize suas tarefas da forma habitual, mas produzirá uma sensação de cansaço e mal-estar, de modo que a pessoa não se sente completamente bem.

Homem sentindo dor de cabeça

Ainda que não se saiba exatamente o motivo da cefaleia de tensão ocorrer, o que se sabe é que existem vários fatores que funcionam como uma predisposição para o seu aparecimento:

  • Episódios de estresse, ansiedade ou depressão não pontuais, que se mantêm ao longo de um certo tempo.
  • Insônia ou falta de descanso adequado durante vários dias seguidos.
  • Forçar a vista durante períodos prolongados. Isso pode acontecer, por exemplo, ao olhar para um tela por muito tempo de forma fixa ou não utilizar óculos mesmo tendo miopia.
  • Má postura ao dormir ou ao estar sentado, o que provoca rigidez na região do pescoço.

Em geral, a cefaleia de tensão aparece em menos de 15 dias de cada mês. Se sua frequência for maior do que isso, considera-se que a pessoa já está diante de outro tipo de transtorno, como por exemplo uma dor de cabeça crônica. Ainda que esta também possa ser causada por estresse, geralmente é classificada como um problema diferente.

Como tratar a dor de cabeça de tensão

O segredo mais importante no tratamento da cefaleia de tensão é descobrir por que exatamente ela está surgindo. Se for possível descobrir isso, poderemos saber qual será a maneira mais efetiva de tratá-la para que desapareça. Com esse objetivo, você pode se fazer as seguintes perguntas:

  • O que aconteceu de diferente nos dias anteriores à aparição da dor de cabeça?
  • Você está sofrendo muito estresse ultimamente? Se sua vida já é estressante, houve uma intensificação nos últimos dias?
  • Você forçou os músculos do pescoço ou das costas de algum modo? Isso pode acontecer, por exemplo, ao realizar um exercício físico intenso.
  • Você tem ficado em posturas pouco naturais para o corpo durante muito tempo?
  • Forçou o uso da vista além do normal? Por exemplo, olhando durante muito tempo para a tela de um computador ou de um celular.

Em função das respostas para essas perguntas, você poderá adotar diferente estratégias para combater a cefaleia de tensão. Por exemplo, se você identificou que o problema pode ter relação com um recente aumento das emoções negativas, que se tornaram excessivas, pode tentar fazer uso de técnicas de relaxamento para diminuir o impacto negativo do estresse no seu corpo.

Por outro lado, se você acha que sua dor de cabeça está sendo provocada por fatores físicos (como uma má postura ou uma sobrecarga em certos músculos), pode ser que mudar de hábitos e estar mais atento a posturas e movimentos do dia a dia já seja o suficiente.

Mulher com dor de cabeça

Tenho que ir ao médico?

Geralmente, a cefaleia de tensão não é um motivo para grandes preocupações. Em alguns casos, no entanto, é necessário procurar um profissional para verificar se não há nenhum problema maior por trás. Alguns desses casos são os seguintes:

  • A dor de cabeça se torna muito intensa.
  • A cefaleia aparece de maneira muito repentina.
  • Surgem problemas associados como perda de equilíbrio ou dificuldade na fala.
  • Surge a necessidade de tomar analgésicos de modo frequente, mais de 3 dias por semana.

Nesses casos, a melhor opção é procurar um médico. Na maioria das ocasiões, no entanto, a cefaleia de tensão desaparece sozinha. Fora isso, ela pode ser entendida como um aviso do seu próprio corpo, de que você tem que mudar algum aspecto da sua vida que está sendo problemático.