Como despertar a luz que possuímos dentro de nós segundo a sabedoria oriental

· março 11, 2018

Todos nós somos capazes de despertar a luz que possuímos dentro de nós se explorarmos o interior de nossa consciência. Cada ser humano possui uma grande quantidade de sabedoria. No entanto, muitos se recusam a permitir que todo o aprendizado venha à tona.

A situação pode ser comparada com o simples ato de acender uma lâmpada. Existe a conexão e a disponibilidade de energia, bem como todos os mecanismos que a transmitem e o foco. Basta pressionar o botão. Despertar a luz que possuímos dentro de nós é algo similar. Trata-se apenas de organizar esses mecanismos que já existem e permitir que a energia flua.

“Se quer ser sábio, aprenda a interrogar razoavelmente, a escutar com atenção, a responder serenamente e a calar quando não há nada a dizer”.
-Johann Kaspar Lavater-

Os sábios orientais nos deram pistas valiosas sobre a melhor maneira de despertar a luz que possuímos dentro de nós. A única coisa necessária é a vontade de fazê-lo. A luz que emerge disso nos permite clarear nosso caminho e até ser um farol para os outros. Estas são as ações que podem nos levar a isso.

Conecte-se com o seu sábio interior

Cada dia contém um aprendizado. Alguns o buscam e o encontram. Outros simplesmente preferem virar a página o quanto antes e se concentrar no dia seguinte. Neste último caso, o que se evidencia é uma desconexão com o que somos.

Porta para o infinito

Basta refletir por um breve momento todos os dias. Examinar brevemente o que conseguimos e o que perdemos. Também no que avançamos e no que retrocedemos. A partir deste simples ato, podemos extrair lições valiosas e construir uma sabedoria própria. Isso contribui para despertar a luz que possuímos dentro de nós.

Escutemos para despertar a luz que possuímos dentro de nós

A audição é uma função superior, tanto da mente como do espírito. Implica livrar-se de preconceitos e permitir que o outro se expresse com total liberdade, como se estivesse escrevendo sua história em um papel em branco.

Só é possível quando há um profundo respeito pelo outro e a capacidade de abrir-se completamente a ele. A escuta respeitosa e amorosa é, por si só, uma maneira de despertar a luz que possuímos dentro de nós. Mais do que qualquer outra coisa, ajuda os outros a escutarem a si mesmos sem interferências.

Concentre-se nos seus sonhos

Onde há sonhos, há vida, e onde há vida, também há luz. Uma maneira de despertarmos a luz que possuímos dentro de nós é focar os nossos objetivos. Isso implica criar metas e objetivos elevados e não parar no caminho até eles.

Lutar pelos nossos sonhos nos ilumina internamente e externamente. É algo que nos inspira a melhorar, a perseverar e a sermos mais tenazes. Também inspira os outros. Quem vai em busca do que deseja é um livro aberto para os outros, já que dá o exemplo. O mundo é melhor quando cada um luta pelo que ama.

Apanhador de sonhos

Aprenda a se expressar a partir do amor

O amor é muito mais que um sentimento romântico. Quem o sente é afortunado. Enriquece muito a si mesmo pelo simples fato de sentir tudo o que envolve amar. Trata-se de um sentimento que traz uma luz calorosa e reconfortante porque faz com que tudo seja visto de forma diferente.

O que falamos aqui não é o amor de um casal, embora este esteja incluído. Sentimos amor por qualquer ser vivo, pela paisagem, pela própria vida. Se há algo que contribui para despertar a luz que possuímos dentro de nós, é o amor.

Este sentimento, é claro, deve ser expressado. Os gestos, as palavras e as ações são um meio para que se manifeste. Quando uma pessoa se expressa a partir do amor, faz com que tudo se ilumine ao seu redor. Captura o melhor dos outros e ajuda positivamente aqueles que estão à sua volta.

Busque tudo que acalma a sua alma

Não há maneira de despertar a luz que possuímos dentro de nós se não cultivarmos a paz interior. São muitos os estímulos que recebemos e que nos levam a destruir o espírito. A pressa, a raiva, a rejeição… Não são poucas as realidades que conspiram contra a nossa tranquilidade.

Meditação

Por isso é importante que aprendamos a encontrar espaços que acalmem o espírito. Estes podem ser físicos ou abstratos. Seria aconselhável que cada pessoa criasse seus próprios rituais para retornar à calma. Não é possível encontrar a luz se a mente não for um espelho sereno que a reflete.

Todos nós somos luz. Dentro de cada um de nós habita um sábio que é capaz de fazer do mundo um lugar melhor. A realidade nos obriga a olhar muito para fora e pouco para dentro de nós mesmos. Não deixemos que isso ocorra.