O mais forte não é quem suporta mais

O mais forte não é quem aguenta mais, e sim quem é capaz de “soltar”

janeiro 14, 2016 em Psicologia 4 Compartilhados
Ser forte

Quanto peso seu corpo arrasta? Quantas preocupações sua mente armazena? Na vida só valem as essências, o amor por si mesmo e pelos demais, os sentimentos oferecidos com respeito e altruísmo. Os demais são cargas que nos tornam prisioneiros em um mundo que é muito breve para o sofrimento cotidiano…

Sabemos que não é fácil. Que frequentemente nos repetem aquilo de “Então deixe tudo e faça o que você realmente deseja” Entretanto, como fazer algo do tipo? Às vezes, algo assim seria um pouco mais que um ato dramático, no qual nos desprendemos de muitas coisas e, inclusive, de pessoas.

Como tudo na vida, é preciso saber manter um equilíbrio saudável. Cada um de nós tem uma essência básica, pilares aos quais não podemos renunciar: a família, os filhos, o trabalho que garante casa e alimento…

Não podemos romper com tudo para dar “restart” se, em algum momento, nos sentirmos saturados. Entretanto, dentro desses pilares básicos, há coisas que podemos mudar e, inclusive, “soltar”.

É preciso “deixar ir” a prioridade que você dá mais às outras pessoas do que a si mesmo. É necessário antepor o valor das emoções e os bons momentos às preocupações, às pressões. E, se dentro deste panorama pessoal, deste microuniverso que nos define e nos cerca, há alguém que nos faz mal e que envenena nosso presente, então também deveremos romper o vínculo.

Por nossa saúde, por nosso equilíbrio pessoal… Reflitamos hoje sobre o “conceito real de força”.

Quando caímos prisioneiros da infelicidade

Se procurarmos no dicionário o significado de “força” descobriremos várias definições que devem nos fazer pensar. Temos, em primeiro lugar, o conceito de “força e vigor”.

Também encontramos a imagem “recinto fortificado, como um castelo ou um reino”. Mas, ao mesmo tempo, também lemos que é uma  virtude cardinal que consiste em vencer o medo e fugir do comportamento de medo”, e é aí onde devemos nos deter.

carregar-o-mundo

Frequentemente, quando nos encontramos com alguém e perguntamos aquele comum “Como vai?”, nos contam, por exemplo, que têm um chefe que não lhes trata muito bem, que quase não têm tempo para os filhos, que seu parceiro se tornou alguém exigente e egoísta, e que mal podem se olhar no espelho.

Nós, preocupados, não podemos dizer mais do que um “Se cuida!”, sendo possível ler em nosso rosto muitas coisas além das palavras que são ditas. E, de fato, também podemos vê-los como pessoas fortes, porque enfrentam o dia a dia com coragem, dando tudo pelos demais. Entretanto, o mais possível é que chegue um momento em que acabem caindo.

E pode ser que a queda não seja física, mas sim emocional: a insatisfação, a sensação de estar “paralisado”, sem opção para desenvolver seu crescimento pessoal. São pessoas que deram tudo pelos demais, que amam com sinceridade, mas que não recebem nada em troca. A vida se arrasta frente a eles sem sequer dar-lhes o gosto de uma simples felicidade
Compartilhar

Voltando à definição do dicionário sobre a força como virtude de superar o medo e fugir do sentimento de medo, nós poderíamos adicionar também que uma pessoa não é forte só por fugir ou vencer aquilo que teme.

Ser forte é também dar prioridade a si mesmo e conhecer-se como dono de sua vida, deixando ir o que, às vezes, faz mal, ou impede de avançar com integridade e equilíbrio.

força

Como ser forte no dia a dia

– Ser forte é acordar a cada manhã e encontrar algo que nós dê sentido, algo que nos faça sonhar desde o momento em que colocamos o pé no chão após sair da cama.

– O mundo, embora não acreditemos, também está cheio de “pessoas sem vida”, seres que vagam por aí sem propósitos, sem esperanças ou projetos. Ter um sonho e sonhar por nós mesmos nos oferece um projeto de vida, os oferece força e integridade.

– A força tampouco está em quem tem poder, em quem tem a capacidade de controlar ou dominar os outros. Ser forte também é apreciar nossa liberdade, evitar apegos tóxicos que nos fazem mal e que nos impedem de crescer.

– Ser forte é também saber dizer NÃO a quem prioriza apenas a si mesmo, a quem só vê seu próprio umbigo e seu próprio universo, sem perceber o sofrimento alheio ou o vazio emocional que sua atitude provoca.

– Você será forte se ousar também soltar aquilo que não lhe faz feliz, sejam pessoas, coisas, cenários ou, inclusive, pensamentos. Porque, às vezes, não somente o que está fora nos fará mal, às vezes a nossa própria atitude diante de determinadas coisas pode nos impor muros e barreiras.

romper-força

Rompa com tudo o que cerca a sua vida, com aquilo que tira seu fôlego e que fere seu coração. Você é o protagonista desta vida fugaz, onde somos apenas breves inquilinos, então ame com força quem merece e cultive essa força que dá asas a seus sonhos e raízes a seus valores
Compartilhar

Créditos da imagem: Lucy Campbell, Amanda Cass

Recomendados para você