Seja forte diante das críticas - A Mente é Maravilhosa

Seja forte diante das críticas

agosto 12, 2015 em Emoções 6 Compartilhados
críticas

Todos os dias nos deparamos com as críticas. É algo muito habitual e, entretanto,não conseguimos nos acostumar com elas. São sempre difíceis de encarar, especialmente as que vêm de pessoas que são importantes para nós. 

As críticas são inevitáveis

A aceitação é o primeiro passo. Se não nos dermos conta de que as críticas são normais, a frustração acabará conosco. A não ser que vivamos em uma ilha, separados do resto da humanidade, sempre haverá alguém que dirá algo negativo sobre nós.

Ao mesmo tempo, também é preciso aceitar que, uns mais e outros menos, todos tivemos esse comportamento em algum momento. Podem ter sido comentários mais inocentes ou mais destrutivos. Pode ser que tenhamos falado algo só porque os outros estavam falando também. O fato é que às vezes seremos os críticos, mas em outras, seremos os criticados.

Cultive a paciência

A paciência requer a utilização de todos os nossos recursos para manter a tranquilidade. Consiste em não ser impulsivo e manter a calma, deixando que as emoções imediatas se esfriem para poder analisar a situação e agir de forma mais racional.

Essas ferramentas são, entre outras, respirar fundo, obrigar-se a ficar calado durante alguns momentos, contar até 10 quando preciso, ou focar em alguma coisa diferente, como uma imagem ou recordação agradável.

Esse exercício permitirá que os problemas pareçam mais simples e que não pioremos a situação dizendo ou fazendo a primeira coisa que nos venha à cabeça. Sem dúvida, é a forma mais inteligente de agir.

Aprenda a perdoar

Sempre encontraremos pessoas que nos causem mal. Em alguns casos, serão pessoas tóxicas. Em muitos outros, o farão sem más intenções. Mas seja qual for o motivo, a decepção e a dor são inevitáveis.

Se não formos capazes de perdoar, essas emoções negativas irão se acumulando até o ponto de atrapalhar a nossa felicidade. Não podemos mudar o mundo para que seja perfeito, mas podemos mudar a nós mesmos.

Perdoar significa aceitar o que aconteceu e deixar para trás. Implica em situar as coisas no passado e não deixar que afetem o nosso presente. Ainda que não seja fácil fazê-lo, é o mais benéfico para nós mesmos. É a forma de seguir em frente.

Reconheça os tipos de críticas

Nem todas as críticas são iguais. Pode ser que alguém nos critique de forma justa, porque fizemos algo inapropriado, e essa pessoa só pretende ser sincera e nos ajudar. Essa crítica seria justa e construtiva, porque é um veículo para melhorar. 

crítica destrutiva, por outro lado, é feita com má fé.

A sua intenção é fazer mal e pode ser que seja com base em mentiras, ou que tome algum dado sobre o nosso caráter e o exagere ou distorça. São, geralmente, fruto da inveja e do ressentimento. 

aprenda a enfrentar as críticas

O que fazer diante de uma crítica justa?

Se acabamos de receber uma crítica construtiva, ainda que não gostemos, teremos que reconhecê-la como algo positivo. Se nos colocarmos na defensiva negando a situação e, inclusive, atacando a outra pessoa com mais críticas, provocaremos uma discussão. A solução está em ser valente e racional.

Temos que aceitar a crítica com sinceridade, reconhecendo as nossas falhas e propondo uma solução: “Se for verdade o que está me dizendo, entendo perfeitamente. Não havia visto dessa forma até que você me disse. A partir de agora vou me esforçar para mudar essa atitude”.

O que fazer diante de críticas destrutivas?

Essa é que a que dá mais trabalho para enfrentar. É preciso entender que constituem uma provocação e, portanto, se respondermos a ela, entraremos em uma guerra. Provavelmente, será produzida uma série de desqualificações na qual não ganharemos nada além de um bom desgosto ou talvez uma imagem ruim de outras pessoas.

Nesses casos, o recomendável é armar-se de paciência e mostrar indiferença. Melhor não entrar no jogo porque, como diz o refrão “não há maior desprezo do que não ter apreço”. A outra pessoa está tentando nos fazer mal e, se tivermos uma armadura e não deixarmos que nos afete, ganharemos a batalha.

Geralmente são pessoas medíocres, com baixa autoestima, que têm inveja do que somos ou do que conseguimos.

A crítica é a sua forma de desafogar a inveja e uma tentativa de recuperar a sua autoestima reduzindo a nossa. Saiba que se alguém chegar a lhe criticar dessa forma é porque você está fazendo alguma coisa bem. 

aprenda a enfrentar as críticas

E se somos nós quem criticamos?

Quando nós somos os críticos, o primeiro passo é refletir sobre esse comportamento. Por que estamos criticando? É porque os nossos amigos criticam e tentamos nos integrar na conversa? É porque sentimos inveja? Ou porque temos vergonha dos nossos defeitos e queremos fazer com que vejam que o outro também tem falhas?

A reflexão nos servirá para poder mudar. Nunca é tarde demais para melhorar e nem para mudar aquilo que não gostamos em nós mesmos.

Trabalhar a empatia e aprender a nos colocar no lugar do outro será um exercício que, sem dúvida, fará com que nos sintamos melhores.

Viver longe das críticas

Sem dúvida, a crítica está tão arraigada na sociedade que seria uma utopia pensar que ela poderá desaparecer. Mas introduzindo pequenas mudanças na nossa vida, podemos nos liberar dos seus efeitos mais negativos.

Aprenda a aceitar as críticas construtivas e utilizá-las como um trampolim para melhorar. Ignore as críticas injustas e afaste-se das pessoas tóxicas que as promovem. Evite ao máximo fazê-las e não participe desse tipo de conversas. Sem dúvida, isso irá melhorar a sua paz mental e você terá uma vida mais tranquila e feliz.

Imagem cortesia de Chichi Huang

Recomendados para você