7 hábitos das pessoas emocionalmente inteligentes

7 hábitos das pessoas emocionalmente inteligentes

17, outubro 2015 em Emoções 0 Compartilhados
Pessoas emocionalmente inteligentes

Uma pessoa emocionalmente inteligente é aquela que tem a capacidade de gerir os seus próprios sentimentos e os dos outros. Isto é a inteligência emocional, assunto sobre o qual já falamos diversas vezes.

Pessoas emocionalmente inteligentes têm uma série de hábitos e comportamentos que contribuem para a sua capacidade de gerir as suas próprias emoções e compreender os sentimentos dos outros.

1 – Pessoas emocionalmente inteligentes prestam atenção ao que estão sentindo

Segundo Daniel Goleman, a autoconsciência é um dos principais componentes da inteligência emocional. A autoconsciência é a capacidade de reconhecer os humores, emoções e sentimentos.

Parte da autoconsciência envolve também estar ciente de como as nossas emoções e humores afetam os outros. Esta capacidade de controlar seus próprios estados emocionais é um requisito básico para a inteligência emocional.

2 – Pessoas emocionalmente inteligentes sabem como os outros se sentem

A empatia é outro dos principais elementos relacionados por Goleman em relação à inteligência emocional. A empatia envolve a capacidade de compreender as emoções dos outros.

Para interagir com os outros, em muitos aspectos de nossas vidas, como no trabalho ou na escola, as pessoas emocionalmente inteligentes são capazes de saber o que os outros estão sentindo. Se um colega está chateado ou frustrado, sabendo o que ele sente, você pode ter uma ideia melhor de como responder e de como ajudá-lo.

empatia

3 – Pessoas emocionalmente inteligentes são capazes de controlar as emoções

A autorregulação é absolutamente fundamental para a inteligência emocional. Compreender as suas emoções é uma grande característica das pessoas emocionalmente inteligentes, mas não é especialmente útil se você não souber como fazer uso desse conhecimento. Portanto, as pessoas emocionalmente inteligentes pensam sobre os seus sentimentos antes de agirem. Essas pessoas estão em sintonia com o que elas sentem, mas não deixam que as suas emoções governem as suas vidas.

4 – Pessoas emocionalmente inteligentes são motivadas

Pessoas emocionalmente inteligentes são motivadas a alcançarem seus objetivos e são capazes de gerir os seus comportamentos e sentimentos, a fim de alcançar o sucesso a longo prazo.

Elas podem estar nervosas sobre como fazer uma mudança em suas vidas, mas elas sabem que a gestão desse medo é muito importante. Ao saltarem para realizar alguma mudança, elas sabem que podem tornar suas vidas melhores, e que isso as faz estar um passo mais perto de atingirem os seus objetivos.

5 – Pessoas emocionalmente inteligentes têm grandes habilidades sociais

Pessoas emocionalmente inteligentes também tendem a ter grandes habilidades sociais. Provavelmente isso ocorre pois elas sabem como estar em sintonia com seus próprios sentimentos e com o sentimento dos outros.

Elas sabem como lidar com as pessoas de forma eficaz, mantendo relações sociais saudáveis ​​e ajudando aqueles em torno delas a terem sucesso.

inteligencia-emocional

6 – Pessoas emocionalmente inteligentes são capazes de falar sobre seus sentimentos com os outros

Além de serem capazes de falar sobre seus próprios sentimentos em público, elas também estão dispostas a fazê-lo sempre que necessário. Porque, às vezes, as pessoas são empáticas e estão em sintonia com as suas próprias emoções, mas lutam para não compartilharem esses sentimentos com os outros. As pessoas emocionalmente inteligentes não apenas compreendem os sentimentos, mas também sabem como expressá-los corretamente e, sempre que possível, o fazem.

7 – Pessoas emocionalmente inteligentes são capazes de identificar corretamente as causas de suas emoções

Pessoas emocionalmente inteligentes são capazes de ver uma situação e identificar corretamente a verdadeira fonte de seus sentimentos. A princípio isso pode parecer uma tarefa fácil, mas na realidade não é, porque a vida emocional é muitas vezes complicada. Localizar a fonte exata de sentimentos pode ser particularmente difícil em casos que envolvam emoções fortes, como nos casos de amor ou de raiva.

Melhorar a inteligência emocional

Melhorar a inteligência emocional é algo que dá trabalho, mas que pode ser feito. Além disso, é absolutamente necessário desenvolvê-la se quisermos progredir pessoalmente e melhorar as nossas relações com os outros.

Recomendados para você