9 dicas para aprender a falar em público - A Mente é Maravilhosa

9 dicas para aprender a falar em público

julho 18, 2017 em Psicologia 200 Compartilhados
9 dicas para aprender a falar em público

Ao longo da nossa vida, vamos nos deparar com situações nas quais precisaremos falar em público. Seja no âmbito acadêmico, quando estivermos realizando nossos estudos, seja no âmbito profissional, quando estivermos trabalhando.

Costumam ser momentos em que a ansiedade chega às nuvens, atingindo um nível que nos bloqueia. O que podemos fazer? Há uma série de dicas que podemos seguir para controlar os momentos de exposição ou de discursos pelos quais precisaremos passar em frente a um grande público… Continue lendo e descubra essas dicas!

“Se você conseguir falar brilhantemente sobre um tema, dará a impressão de que o domina.”
-Stanley Kubrick-

Prepare-se para falar em público

Se a ansiedade dispara no momento de falar em público, ela vai se transformar em um diabinho que vai jogar contra você (e com suas próprias armas porque o conhece muito bem). Mas se estivermos com a ansiedade em um nível moderado, essa emoção vai fazer com que prepararemos melhor o discurso que teremos que fazer. De fato, a primeira dica a se levar em consideração é se preparar para a apresentação.

Para isso, é necessário determinar o tempo que temos para preparar e praticar.  Dessa forma, dividiremos o tempo de forma a dedicar metade para cada tarefa. Assim, conseguiremos fazer com que a nossa interpretação esteja bem vinculada ao nosso discurso, que também temos que preparar.

“Todo discurso bem preparado já está nove décimos proferido.”
-Dale Carnegie-

Portanto, o segundo conselho é que o discurso seja claro e fácil de ser acompanhado pelo público. Para isso, precisamos ter bem claro o objetivo que queremos alcançar e quem compõe a nossa plateia. Dessa maneira, vamos saber como poderemos estruturar nosso discurso e escolher as ferramentas adequadas. O auditório vai determinar nosso ponto de partida e o nível de profundidade ao qual podemos chegar com a base que possuímos.

Em terceiro lugar, para ter sucesso com a nossa exposição, é importante evitar ler todo o tempo. Como? Empregando e desenvolvendo um método de suporte adequado. Esse método pode ser desde um esquema em um papel até uma apresentação audiovisual com a qual ir guiando nosso discurso.

Praticar para aprender a falar em público

Na hora de falar em público é importante praticar

As dicas do que podemos fazer para melhorar nossa apresentação não param por aí. Uma vez que já preparamos de forma adequada a exposição que vamos realizar e o material que vamos utilizar, temos que praticar. Esse é o quarto passo, ensaiar nosso discurso em casa. E em voz alta. Dessa maneira, vamos saber o que precisamos melhorar antes de expor para a nossa plateia.

Mas não temos que praticar apenas em casa.  Uma quinta dica seria, antes da exposição, ir ao lugar onde ela vai ser realizada e ensaiar ali. Fazer isso vai nos ajudar a lidar com a nossa ansiedade, nos familiarizando com o lugar em que vai ser realizada a exposição. Além disso, vai nos permitir confirmar que a apresentação está bem editada e que ao passar de um computador para outro ela não vai se desconfigurar.

Sala de reunião para falar em público

Depois disso, resta apenas uma coisa a se fazer antes de realizar nosso discurso frente a um grupo de pessoas: relaxar. Colocar em prática alguma técnica de relaxamento, como a respiração abdominal, vai nos ajudar para que o discurso que preparamos não seja bloqueado por causa do nervosismo. Dessa maneira evitaremos problemas de recuperação da memória.

Chegou o momento. O que fazer na hora de falar em público?

Uma vez que já tenhamos começado a apresentação, é importante colocar em prática algumas estratégias. O sétimo aspecto a levar em consideração é o contato visual. É extremamente relevante distribuir nosso olhar entre as pessoas que estão assistindo, sem fixar o olhar em apenas uma pessoa ou em um ponto da sala, pelo menos nos momentos de pausa. Também não devemos tirar conclusões precipitadas sobre como as pessoas estão avaliando somente pelo rosto delas, pois isso nos deixará mais nervosos.

“Às vezes falamos muito, mas dizemos pouco. Para se expressar melhor, é conveniente pensar mais.”
-Honoré de Balzac-

É melhor nos concentrarmos naquilo que estamos dizendo. E em como estamos fazendo isso. A oitava dica que vai fazer com que nossa exposição seja bem-sucedida vai ser precisamente cuidar da nossa comunicação não verbal. Para manter a atenção do nosso público, vai ser importante que o volume, a velocidade e o tom da nossa voz se mantenham em níveis médios, variando sutilmente.

Por último, uma nona dica que vai nos ajuda a manter essa atenção e a dominar a arte de falar em público é utilizar o humor para provocar sorrisos na nossa plateia. Não uma gargalhada, não queremos fazer um stand-up. Além disso, lembre-se de que todos nós cometemos erros, assim, se você tiver um lapso e tiver um branco, não dê muita importância e continue com o seu discurso… Coloque como seu objetivo!

Imagens cortesia de Charles Forerunner, Craig Garner e Breather.

Recomendados para você