Por que amamos os narcisistas – A mente é maravilhosa

Por que amamos os narcisistas

janeiro 14, 2016 em Psicologia 0 Compartilhados
Por que amamos os narcisistas

Os narcisistas são egocêntricos, arrogantes, exploradores, e ainda assim cativam e apaixonam.

Uma pesquisa psicológica recente descobriu que nos sentimos estranhamente atraídos pelas pessoas narcisistas, pela sua personalidade egocêntrica, pelo seu domínio situacional e inclusive pela sua hostilidade.

Até os psicólogos sofrem desta fascinação em relação aos narcisistas, perguntando-se como conseguem ter tamanha influência sobre as pessoas e por que encarnam tantos paradoxos.

Por que amamos os narcisistas?

Os narcisistas e os seus encantos

A psicóloga social Mitja Back e seus colegas decidiram pesquisar o narcisismo.

Pediram a 73 estudantes, que não se conheciam entre si, que se apresentassem uns aos outros, um por um. Cada pessoa foi avaliada pelos outros com relação à sua simpatia; completaram vários questionários, incluindo uma avaliação de traços narcisistas da personalidade.

Os resultados mostraram que:

1. Os narcisistas são mais populares. São muito mais apreciados pelos outros do que os não narcisistas.

2. Os participantes perceberam o senso de autoridade dos narcisistas. Nos questionários de avaliação, os estudantes levaram em consideração quatro aspectos do narcisismo: liderança/autoritarismo, admiração de si mesmo/egocentrismo, a arrogância/superioridade e a tendência à exploração.

3. Os narcisistas agradam pela sua aparência, o seu tom de voz e o seu domínio dos movimentos. Costumam ter um espírito atraente que encanta quando os conhecemos.

A razão pela qual os narcisistas são mais populares é porque sabem como usar a expressão facial, como colocar um tom de voz que inspire confiança, se vestem e tem um corte de cabelo na moda e são mais divertidos.

Obviamente, esse efeito ocorre somente a curto prazo. Os narcisistas são, em geral, descobertos com facilidade e são imediatamente rejeitados. Poucas pessoas suportam um amigo que se aproveita dos outros, que é egocêntrico, autoritário e arrogante.

Os paradoxos dos narcisistas

Existem muitos paradoxos no comportamento narcisista e na forma como agem. A pesquisa psicológica lançou algumas perguntas:

  • Por que as pessoas narcisistas continuam a se comportar de forma egoísta, mesmo sabendo que podem estragar o seu relacionamento com as outras pessoas?
  • Por que os narcisistas tendem a subestimar os outros quando passam de admirados a rejeitados?
  • Por que os narcisistas não sabem identificar quando é o momento de interromper o seu comportamento antes de serem abandonados?

Por que amamos os narcisistas?

As duas primeiras perguntas podem ser parcialmente explicadas considerando que este comportamento é, no início, atraente para os outros.

Para os narcisistas, comportar-se de forma egoísta provoca a admiração dos outros, tornando-os dependentes.

Por outro lado, subestimar aqueles que o rejeitam é uma forma de esconder o fato de que já estão procurando outras “vítimas” que os sigam.

Além disso, este é o motivo pelo qual os narcisistas não detectam quando é o momento de parar antes de perder o companheiro ou seus amigos: a atração que provocam nas pessoas não dura muito tempo. Quem deseja criticar um narcisista pela sua atitude foge antes de enfrentá-lo.

Narcisistas e reality shows: um casamento perfeito

A melhor mostra para os narcisistas, hoje em dia, é um reality show. Este estudo mostra claramente porque os narcisistas são os concorrentes perfeitos para estes programas.

Capturam imediatamente a nossa atenção e simpatia com seu comportamento e segurança em si mesmos. Além disso, são chamativos e arrogantes.

Mais tarde, quando conseguimos descobrir a sua verdadeira natureza, tendemos a desprezá-los. Todos estes sentimentos fazem com que não possamos nos desgrudar da tela da TV.

Aplicando os ensinamentos deste estudo, podemos dizer que não se deve encorajar os narcisistas dando-lhes muita atenção ou provocando-os.

Eles não apenas podem nos prejudicar, como também nos manter implacavelmente bloqueados no círculo vicioso da atração e da rejeição.

Recomendados para você