Cair me ajudará a levantar

· dezembro 20, 2016

Cair possui muitas conotações negativas. Por isso nenhum de nós gosta de estar nesta situação. Acreditamos que, se tropeçarmos devido a casualidades da vida, atingiremos o fundo do poço. Teremos fracassado. No entanto… você já se perguntou alguma vez se as quedas podem ser necessárias?

As emoções negativas não servem para nos esmagar nem para complicar a nossa existência. Assim como as emoções positivas, elas têm uma função adaptativa. Mas, é claro, quem gosta de estar triste? Quem pode suportar essa sensação de estar quebrado por dentro? Fomos ensinados a escapar de tudo isso, inclusive aprendemos a evitar essa sensação.

As emoções respondem às diferentes experiências que vivemos, seja no presente ou em forma de lembrança. Ninguém jamais viverá em uma felicidade eterna e absoluta. O que sentimos se complementa e nos ajuda, mesmo que às vezes pensemos que não é bem assim.

Cair irá ajudá-lo a pedir ajuda

Todos nós precisamos de ajuda em certas situações, mas o nosso orgulho nos faz tentar solucionar sozinhos o que acontece conosco. Não percebemos que isso, em mais de uma ocasião, não funciona. Não é que não sejamos tão fortes como acreditamos, é que nós não sabemos tudo e uma mão amiga pode orientar as nossas decisões da melhor maneira. Inclusive mudar a forma, quando é pouco correta, como estamos enfrentando as circunstâncias.

mulher-verde

Cair não significa que você está acabado. É verdade que você afundou tanto que já não pode ir mais fundo. No entanto, se olhar pelo lado bom, agora não resta outra opção a não ser subir. Mesmo que seja difícil de acreditar, você sabe que mais cedo ou mais tarde é o que você vai fazer. Porque quando você permanece no fundo do poço, o passo seguinte é recomeçar.

Você irá deixar para trás tudo aquilo que contribuiu para que você estivesse nessa situação atual. O tempo que você investiu em se sentir triste, em se lamentar, em aguentar a dor, te ajudou a se recarregar de novas forçasEssas que estão agora permitindo que você repense o fato de se levantar de uma vez, porque não há como cair mais fundo.

Sabe o que acontece quando você sobe? Você deixa o seu passado para trás. Você irá começar um novo percurso, seguro de si mesmo por tudo o que aprendeu e, possivelmente, com um ou vários grandes amigos ao seu lado. Porque quando você deixou a autossuficiência de lado e precisou de apoio, quem esteve do seu lado? Cuide dessas pessoas que estiveram presentes.

Encare de frente as situações difíceis

Não confunda a realidade de cair em um poço de tristeza, dor, angústia e desespero com o medo de enfrentar o problema que está te torturando. Às vezes nos refugiamos na pena, nos compadecemos, nos sentimos vítimas. Tudo isso para não olhar a realidade nos olhos.

Alguma vez você já notou que era mais fácil ficar se sentindo mal do que desafiar as adversidades? Isso é porque lutar é difícil, e muitas vezes não sabemos se sairemos vitoriosos ou perdedores. É um risco que temos que correr. Mas o medo faz com que você não queira sair dessa zona de conforto, repleta de circunstâncias que você mesmo está permitindo que te afetem ao se manter imóvel.

mulher-se-olhando-no-espelho

Vamos pensar, por exemplo, nos duros processos de divórcio. Depois de anos de relacionamento com o seu parceiro, tudo foi arruinado. Você caiu em um grande buraco de decepção, medo da solidão, crenças de que você não irá encontrar mais ninguém, falta de amor… Sua vida acabou com o divórcio. O que você pensa neste caso não é real. É uma consequência do que você sente.

É normal que você fique mal e esteja triste por um tempo. Somos seres emocionais, não pedras. Mas assim como isso nos puxa para trás, também pode nos impulsionar para frente. Você está no lugar mais profundo desse poço. Já faz um tempo considerável em que nada anda para frente ou para trás. É a hora de mudar.

Aproveite este momento em que você está afundado para colocar suas ideias em ordem. Antecipe como você quer que as coisas aconteçam a partir de agora e, acima de tudo, aceite a sua dor. Quando as emoções deixarem de estar tão “à flor da pele”, você vai começar a perceber que nem tudo está perdido. Sua vida não estará acabada, ela irá começar agora mesmo.

mulher-dancando-saia-de-cores

Às vezes precisamos parar para nos recuperarmos de circunstâncias que nos machucaram e afetaram gravemente. Não vai acontecer nada se tomarmos o nosso tempo. Só iremos recobrar as nossas forças, colocar ordem no que podemos controlar do caos e estar preparados para seguir em frente. Sem perceber, você terá se transformado em uma pessoa muito mais forte.