Como obter o respeito dos outros? - A Mente é Maravilhosa

Como obter o respeito dos outros?

Janeiro 14, 2018 em Psicologia 624 Compartilhados
Como obter o respeito dos outros?

Você não pode obter o respeito dos outros se não tiver uma ideia clara do que é o respeito. É mais fácil entender o que significa esse valor se trazemos à nossa consciência memórias, em meio a exemplos, nos quais ela se manifesta. Nesse sentido, respeitamos alguém quando o reconhecemos como um igual e o aceitamos como é.

Isso significa que toda conduta destinada a depreciar o outro é uma falta de respeito. Como também é qualquer ação destinada a rejeitar, negar ou anular o que pensa ou sente. É possível não compartilhar, ou não concordar com isso. Mas a partir daí a tentar desvalorizá-lo ou mudá-lo, há uma grande diferença.

Você não pode obter o respeito dos outros se não se respeitar primeiro. Isso significa que você deve se perceber como igual diante dos outros, em termos de valor. Em outras palavras, não se sentir nem mais nem menos do que ninguém. Além disso, é claro, aceite-se.

“Sempre é mais valioso ter o respeito do que a admiração das pessoas”.
-Jean Jacques Rousseau-

Casas em tronco de árvore

O que você precisa para que os outros o respeitem?

A aceitação e valorização de si mesmo são expressadas através de atitudes e ações. Não são uma realidade abstrata, e você não precisa dizê-la para que os outros saibam que isso é o que você sente. Quem respeita a si mesmo tem três qualidades: autoestima, assertividade e autenticidade.

A autoestima, se queremos defini-la de forma simples, é ter uma boa opinião de si mesmo. Tem muito pouco a ver com o narcisismo. Trata-se de sentir simpatia pelo que você pensa, diz e faz, sem que isso signifique pensar que você é melhor do que os outros. Tão especial como apenas você é e tão igual como qualquer ser humano.

A assertividade, por outro lado, tem a ver com a capacidade de defender seus direitos e expressar suas opiniões. É especialmente importante quando estamos rodeados por um contexto desfavorável, no qual pensamos o contrário do que pensa a maioria ou a figura de autoridade. Por outro lado, esse atributo é um filho direto da autoestima e uma condição necessária para obter o respeito dos outros.

Além disso, a autenticidade se refere ao fato de manter nossa essência, valores e crenças, mesmo que de forma egoísta não seja o melhor para nós naquela situação. Ou seja, expressar o que pensamos e o que sentimos em qualquer contexto. Não simular ou falsificar para causar uma determinada impressão. Agir de forma espontânea. Pense que você só pode ser autêntico se tiver consciência do seu valor como pessoa.

Mulher com bolas flutuando ao seu redor

Recomendações para obter o respeito dos outros

O respeito começa em casa. Portanto, você não conseguirá obter o respeito dos outros se não for respeitoso também. Por outro lado, entenda que o respeito não significa medo ou reverência, mas aceitação e apreciação.

Há algumas chaves para fazer com que os outros o respeitem. Estas são algumas delas:

  • Aceite que você nem sempre tem que agradar a todos. A aprovação ou desaprovação dos outros não deve condicioná-lo. Sempre haverá gente que não gosta de você.
  • Aprenda a diferenciar a bondade da condescendência. A cortesia não é submissão. Nós não viemos ao mundo para fazer os outros se sentirem bem.
  • Fortaleça e pratique o amor próprio. Não deixe de reconhecer todos os seus valores e seus sucessos. Não negligencie suas realizações, por menores que pareçam.
  • Introduza o “não” no dicionário da sua comunicação. Definir limites não significa ofender o outro ou não ter consideração. É uma maneira saudável de preservar o respeito mútuo.
  • Reconheça que você não é responsável pelo que os outros sentem ou pensam. Se a forma como você pensa, como você fala ou como você age perturba ou irrita outro, não é seu problema. Deixe que seja essa pessoa quem resolva sua inconformidade.
  • Requeira reconhecimento quando necessário. Se você faz muito para os outros, é normal que parem de apreciá-lo. Caso isso aconteça, suspenda a colaboração.
  • Aprenda a se defender. Talvez você seja vítima do “desamparo aprendido“. Portanto, é hora de superar isso e aprender a se defender. Não é fácil no início; no entanto, uma vez implementado o costume, o esforço não é tanto para mantê-lo.

Fazer com que os outros respeitem você não é um objetivo alcançado a curto prazo, especialmente se lhe faltaram com respeito em diversas ocasiões. Você precisa da decisão firme de obtê-lo e uma vontade de ferro para se manter nesse propósito. No entanto, vale a pena. A falta de respeito traz apenas males maiores e muitos sofrimentos desnecessários.

Recomendados para você