Exijo estrelas no meu caminho emocional

Exijo estrelas no meu caminho emocional

agosto 24, 2015 em Emoções 0 Compartilhados
caminho

“Seja como for, eu não sei se sou estrela, planeta ou buraco negro, mas em meu caminho emocional, exijo estrelas. E quanto mais velho fico, mais rápido identifico as que não são. Esse é um dos privilégios de ficar mais velho, você vê tudo há anos luz.

Há amores de cinema e há amores de propaganda. Amores de cinema e amores que quase não chegam à 20 segundos. A diferença é que os primeiros são vividos apenas uma vez. E os segundos, goste ou não, está condenado a vê-los repetidas vezes, até mesmo contra a sua vontade.”

Extrato de um texto de Risto Mejide para Elperiodico.com

Conformar-se é uma das palavras mais feias e tristes que existem. É dolorosa porque denota que deixamos de trabalhar nosso lado sonhador, que nos conformamos com qualquer coisa. Esta é uma verdade incômoda que precisamos assumir. Temos medo de ficar só, de ficar para titia, do que a sociedade vai dizer…

Diante destes dilemas, é normal que nos precipitemos em escolher a todo custo um candidato ou uma candidata que nos ajude a obter uma combinação perfeita .

estrelas em meu caminho

Você merece o que faz você se sentir melhor, sem preconceitos

É provável que você já tenha tido muitas relações fracassadas. Não procure culpados; normalmente são nossas ideias errôneas sobre o amor que nos fazem fracassar.

Não consiste em esperar por um galã de Hollywood para nos dar um beijo de cinema, que nos leve para passear em seu conversível e a cruzar o mundo com uma paixão desenfreada como bandeira. Exigir estrelas em nosso caminho tem apenas uma leitura: o amor que você merece é aquele que queira lhe fazer feliz e que seja feliz com você.

E, quando encontrar essa pessoa, você se dará conta de que não há nada comparado a ter uma pessoa disposta a solucionar as diferenças e os conflitos ao seu lado.

Porque, quando encontramos a pessoa adequada, simplesmente sabemos. E sabemos porque quando ela nos abraça fortemente, recompõe todas as partes soltas.

As estrelas são estes astros que têm luz própria e, como nunca deixam de brilhar, destroem toda a escuridão em seu caminho. Como Risto diz, é uma luz que apaixona porque é livre e não depende de nada nem de ninguém.

estrelas em meu caminho

Não preciso de ti, só te prefiro

O amor não se nutre de necessidade, mas da preferência. Ou seja, a independência emocional é o ideal em casais e é isso que temos que conseguir. É que preferir é imensamente mais enriquecedor e saudável do que precisar.

Nossa estrela ilumina qualquer lugar e a qualquer momento, é assim independentemente de onde estiver. No entanto, devemos ter em conta que nosso astro se consome somente por iluminar e que pode ficar sem energia se a estrela que estiver ao seu lado não colaborar, se não emprestar  sua intensidade e der razões para continuar brilhando.

Portanto, talvez outra de nossas ideias errôneas seja pensar que, porque um amor é limpo e luminoso, será eterno. A realidade é que nós devemos fazer nossa parte, trabalhar, cuidar e iluminar de maneira conjunta.
Compartilhar

Formar um par é construir uma equipe de trabalho. E trabalhar em equipe não significa criar dependência, mas cooperar com o mesmo entusiasmo com o que vemos as estrelas brilhando a cada noite. E elas nunca falham, sempre estão aí no céu, nos acompanhando, apesar das nuvens atrapalharem sua visão.

Temos que ficar com a ideia de que não há momentos nos quais devemos iniciar uma relação. O que temos que fazer naquele momento é apenas exigir que o que nos acompanhe seja o complemento ideal para iluminar nosso caminho.

Créditos da imagem: AJ Cass 

Recomendados para você