Ioga Nidra: uma prática para desbloquear e purificar a mente

· setembro 30, 2018

A ioga nidra é uma disciplina muito poderosa desenvolvida por Swami Satyananda Saraswati, e tem suas origens na tradição do tantra ioga. Trata-se de aprender a relaxar de maneira consciente, liberando as nossas capacidades criativas e desenvolvendo o nosso potencial interior.

A ioga nidra é uma prática fisicamente passiva realizada deitada e em silêncio. No entanto, uma das suas condições essenciais é ficar acordado através da atitude de testemunho e consciência ativa.

Através da ioga nidra, a mente atinge um estado inconsciente que geralmente está associado ao sono profundo. Além disso, chega-se a um estado de calma e tranquilidade que permite alcançar o silêncio interior, em sânscrito antar mouna. Vamos nos aprofundar nessa maravilhosa disciplina.

O que é ioga nidra?

A palavra ioga vem do sânscrito e significa “unir”, “esforço” ou “união”. O objetivo desta disciplina tão ampla é nos conscientizar de que estamos unidos com tudo o que existe no universo e, portanto, conseguimos mudar a maneira como percebemos o mundo ao nosso redor, bem como o nosso estilo de vida.

Aula de ioga nidra

A ioga nidra é uma das variantes da ioga e, entre outras coisas, nos ajuda a entender o que é a mente. O termo nidra significa em sânscrito “dormir”. A partir da perspectiva da ioga nidra, estamos adormecidos quando percebemos que o mundo é feito de objetos sólidos e separados.

Assim, quando sonhamos, tomamos as imagens dos sonhos como reais. Quando acordamos, percebemos que esses objetos sonhados são vazios de substância e eram apenas invenções da mente.

Durante a consciência desperta, acreditamos que os pensamento e os objetos sólidos do mundo são tão reais quanto as imagens dos sonhos. Agora, os pensamentos e objetos que aparecem no estado de vigília são tão vazios quanto as imagens dos sonhos. Dessa forma, a ioga nidra é um processo que nos ajuda a explorar essa experiência e, acima de tudo, a descobrir a verdade desse fato.

O que acontece durante a prática de ioga nidra

Quando praticamos a ioga nidra, investigamos cuidadosa e sistematicamente a natureza das estruturas e crenças que definem a nossa identidade pessoal. Estas estruturas são: o corpo físico, a energia, a sensação, as emoções, os corpos de pensamento e imagens e a identidade pessoal do ego.

Em geral, chegamos a acreditar que esses elementos são estruturas sólidas e reais. Durante a prática da ioga nidra, investigamos a realidade dessas crenças para examinar profundamente cada uma delas. O objetivo é desenvolver uma experiência profunda e de primeira mão sobre a estrutura da nossa identidade real.

Além disso, também se aprofunda no campo da consciência, do qual surgem todas as crenças. Assim, esse tipo de ioga é uma investigação sobre a substância real e sobre a natureza da qual tudo é feito. O seu objetivo é responder à pergunta final sobre a essência da nossa identidade espiritual intrínseca.

A ioga nidra pergunta: “Somos entidades separadas ou finitas, ou somos algo que é infinito e eterno? E se formos, podemos nos reconhecer como “Isso”, não intelectualmente, mas como uma experiência real totalmente incorporada e em todos os momentos? ”

A experiência que ocorre durante a ioga nidra leva inevitavelmente à desconstrução das nossas crenças básicas sobre quem somos. À medida que elas se dissolvem, vislumbramos a nossa natureza essencial como presença e chegamos à convicção de que não somos criaturas limitadas e finitas que erroneamente nos consideramos ser.

Em vez disso, descobrimos que somos uma imensidão insondável para a mente, um ser alegre que está sempre presente, mesmo no meio da maior dificuldade.

Os benefícios da ioga nidra

Swami Digambarananda Saraswati (Danilo Hernández), um dos professores mais reconhecidos no mundo da ioga, explica alguns dos benefícios da ioga nidra. São os seguintes:

  • Ajuda na purificação e dissolução de bloqueios mentais.
  • Aumenta a criatividade.
  • A memória fica mais clara e fortalecida.
  • A imaginação é desenvolvida pelos canais apropriados.
  • A criatividade e o aprendizado são potencializados.
  • A intuição e o conhecimento profundo se manifestam.
  • A consciência tem a oportunidade de se desidentificar do corpo físico e da mente, bem como de mergulhar na experiência do ser.
Mulher praticando ioga nidra

Além disso, podemos ressaltar que, a partir de diferentes estudos e pesquisas com pessoas que praticam a ioga nidra, sabe-se que este ramo da ioga tem uma série de benefícios fisiológicos. Estes são os seguintes:

  • Diminuição do metabolismo corporal.
  • Redução do consumo de oxigênio.
  • Aumento da resistência da pele.
  • Diminuição do ritmo cardíaco.
  • Aumento na atividade das ondas alfa do cérebro.
  • Diminuição da pressão arterial.
  • Aumento do fluxo sanguíneo através do corpo.

Além disso, a prática da ioga nidra favorece e fortalece a conexão com os nossos órgãos internos e com a nossa musculatura externa. Isso nos permite desenvolver uma percepção cada vez mais definida do estado em que se encontra cada parte do nosso corpo. Dessa forma, você pode ter mais consciência corporal. Isso implica um aumento da consciência do ser, o que estimula comportamentos orientados, sobretudo, para o autocuidado.