Se você não gosta de alguma coisa, mude-a

Se você não gosta de alguma coisa, mude-a

25, março 2016 em Psicologia 0 Compartilhados
Se você não gosta de algo, mude!

O que você não gosta sobre a sua vida? Talvez seja algo externo, amizades, trabalho, algo que você acredita que não tem o poder de mudar. E você está certo. Mas você pode sim mudar isso de forma indireta. Mude o que não estiver trazendo felicidade!

Imaginemos por um momento que você não gosta de como está agindo uma pessoa com quem você interage ou mantém uma amizade. O primeiro passo é expressar a sua insatisfação, pois talvez você esteja lidando com uma pessoa manipuladora, ou simplesmente com alguém cuja personalidade não é compatível com a sua.

Seja como for, você não gosta e não se sente bem nessa situação. Você não pode mudar essa pessoa, o que pode é mudar a si mesmo, mas neste caso que citamos, isso não é aplicável.

“Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”
-Charles Darwin-

Como devemos enfrentar este momento? Mudando a situação. Se você está desconfortável com uma pessoa, fique longe dela! Você não pode mudar ninguém, mas pode mudar as coisas. 

A mudança nos dá medo. Nos ensinaram a ter medo, a aceitar o sofrimento, a ser conformista. Mas como podemos aguentar uma situação como essa?

Preocupações bobas

Jovem no carro contente porque a vida muda

Não nos ensinaram a mudar as coisas, e sim a lidar com elas, a enfrentá-las e, em todo caso, a “mastigá-las” sem mesmo gostarmos delas.

Nós estivemos preocupados desde a nossa infância com aborrecimentos, atitudes, situações… preocupações que nos afetam negativamente e que não são nada benéficas para nós.

Você é daquelas pessoas que pensam que se preocupam demais? Alguma vez já esteve na posição de se preocupar mais do que os outros? Se você é assim, é hora de mudar essa situação, porque provavelmente você não gosta dela, certo?

Não se preocupar em excesso não implica estarmos livres de preocupações, mas sim aprendermos a não dar tanta importância a elas como temos dado.

Muitas das preocupações que temos são bastante “bobas”. Elas realmente merecem toda a nossa atenção? As outras pessoas não dão e você também não deveria; comece hoje a mudar isso.

É incrível como a sua vida pode mudar quando você decide mudar um pensamento. Há muitas coisas que nos inculcaram desde a nossa infância, considerações que nos atormentam quando somos adultos, porque algo não está funcionando bem.

Mulher com vestido branco

Mude e escolha o caminho certo!

O caminho certo é aquele em que nos sentiremos bem com nós mesmos, aquele em que teremos alcançado o equilíbrio. Mas, para isso, às vezes é preciso fazer mudanças.

Como podemos mudar as coisas das quais não estamos gostando, seja lá o que for? Siga estes conselhos, porque eles ajudarão a acabar com o medo da mudança e a conseguir, finalmente, estar satisfeito com tudo e todos:

  • Aqueles que mudam são os que verdadeiramente alcançam. Eles também tiveram medo, medo de fracassar na sua escolha, medo de superar o “mais vale o mau conhecido que o bom por conhecer”, eles arriscaram e saíram vitoriosos.
  • Use a incerteza para se motivar. Porque muitas vezes essa é a mesma incerteza que te desmotiva, mas pense que o que te espera é algo melhor. Você vai mesmo continuar nesse estado no qual não está satisfeito? Mude, o melhor ainda está por vir.
  • Aconteça o que acontecer, aceite. Seja má ou boa, toda mudança, toda escolha terá suas consequências, mas tudo o que você tem a fazer é aceitá-las! Essa foi a sua escolha e você deve ser coerente com ela e com todas as outras que fizer ao longo da sua vida. Mas você deve sentir orgulho de tê-la tomado. É melhor se mostrar ativo do que passivo perante as circunstâncias. Você está vivo.
  • A mudança ocorre pouco a pouco. Obviamente uma mudança brusca não vai garantir resultados positivos, por isso as mudanças devem ser progressivas, bem pensadas e com calma. Não serve de nada correr demais.
  • É normal que você tenha medo. É tão normal que você deve aceitá-lo, mas não deve permitir que ele te afete. Você deve ser forte o suficiente para superar este medo, para encará-lo e determinar o que realmente é importante aqui. Será isso o medo ou o que você realmente quer?
  • Se você não mudar, as mudanças virão atrás de você. Embora não queira ver, você está mudando continuamente. A sua família muda, seus amigos mudam, sua situação muda, e às vezes essas mudanças não estão nas suas mãos, você não as escolhe! Elas vêm e você precisa aceitá-las!
“Mudar de horizontes, mudar de estilo de vida e de atmosfera faz bem para a saúde e para a inteligência.”
-Gustavo Adolfo Bécquer-

O medo é normal, mas se você não gosta de alguma coisa na sua vida, na sua situação, em algo que você esteja vivendo, mude-a. Isso te fará mais feliz. Viver em uma situação que não te agrada vai fazer com que sua personalidade se torne cada vez mais negativa.

Você já teve que mudar alguma vez na sua vida? Alguma vez você já esteve em uma situação como essa? Se sim, compartilhe conosco como você se sentiu melhor, se foi aceitando ou suportando uma situação da qual você não gostava ou mudando de uma vez tudo isso, fazendo uma mudança drástica.

Folhas de outono representando a mudança

Imagens cortesia de Marie Desbons

Recomendados para você