4 sinais de uma baixa inteligência emocional

4 sinais de uma baixa inteligência emocional

maio 23, 2016 em Psicologia 807 Compartilhados
Mulher com baixa inteligência emocional

Ter uma baixa inteligência emocional é um problema que pode ter uma influência importante em todo tipo de relação social. Alguns especialistas sugerem, inclusive, que a inteligência emocional pode chegar a ser mais importante que o quociente intelectual para determinar o sucesso. Pense que, se há um sucesso que realmente vale a pena e que realmente faz você se sentir feliz, é o que você obtém dos seus relacionamentos com os demais.

Por isso, as pessoas com baixa inteligência emocional têm tantas dificuldades para triunfar. Seus relacionamentos com os demais se caracterizam por serem problemáticos e por carecerem de uma série de ingredientes fundamentais para que possam sair a frente de forma saudável.

Características das pessoas com baixa inteligência emocional

A inteligência emocional pode ter um papel importante na forma de interagir com o outro. Com uma baixa inteligência emocional pode ser difícil lidar com situações com os companheiros de trabalho, por exemplo, ou com os chefes, os subordinados, os amigos, o parceiro, os familiares e com qualquer outra pessoa.

Ter problemas com as habilidades emocionais pode fazer com que as situações sociais tornem-se difíceis e fiquem carregadas de tensão.
Compartilhar

jovens com baixa inteligência emocional

Para identificar uma pessoa com baixa inteligência emocional ou determinar se você mesmo carece destas habilidades, observe na seguinte lista quais podem ser os bons indicadores dessa circunstância. Por outro lado, se você fizer um exercício de sinceridade e realmente se identificar com algum deles, não deixará de ser um bom sinal, já que de alguma maneira você já saberá no que pode se concentrar e trabalhar para melhorar.

Não entendem como os demais se sentem

As pessoas com baixa inteligência emocional permanecem alheias aos sentimentos das outras pessoas. Paradoxalmente, elas se sentem incompreendidas e entendem – seja verdade ou não – que os demais não se esforçam o suficiente para compreendê-las. Isso faz com que se exasperem cada vez mais, mostrando-se irritadiças.

Essa situação faz com que as pessoas com baixa inteligência emocional discutam com muita frequência, na maioria das vezes movidos por um sentimento de incompreensão. Um dos problemas que existe por trás disso é que essas pessoas não sabem expressar corretamente suas emoções, canalizando-as, frequentemente, em forma de raiva, o que causa situações sociais muito complicadas.

Consideram os demais muito sensíveis

Sua incapacidade de entender as emoções dos demais faz com que as pessoas com baixa inteligência emocional considerem os demais muito sensíveis diante de suas demonstrações de raiva, tristeza, chateação e outras reações. Essa falta de empatia faz com que permaneçam insensíveis e ajam de forma pouco apropriada.

Essa forma de reagir cria ou complica conflitos e dá espaço para mal-entendidos, já que as pessoas com baixa inteligência emocional não são capazes de interpretar a reação dos demais e, consequentemente, agem de forma inapropriada.

casal com baixa inteligência emocional

Por outro lado, por não serem capazes de entender os sentimentos dos demais e considerá-los muito sensíveis, as pessoas com baixa inteligência emocional não só defendem seu ponto de vista a tapas, mas também se negam a aceitar outros pontos de vista.

Essa incapacidade se acentua a medida que o componente emocional está presente em determinado ponto de vista. Além disso, as pessoas com baixa inteligência emocional se mostram, frequentemente, pessimistas e excessivamente críticas sobre os sentimentos dos outros.

Não sabem lidar com fortes emoções

As fortes emoções, sejam próprias ou de outras pessoas, são difíceis de compreender para as pessoas com baixa inteligência emocional. Por isso, estes indivíduos costumam se afastar desse tipo de situação, para evitar terem que lidar com as consequências emocionais, ocultando suas verdadeiras emoções.

Mas fugir nem sempre é possível. Por isso, quando a incapacidade de regular as emoções torna-se evidente diante de situações de tensão, as pessoas com baixa inteligência emocional explodem em reações emocionais fora de proporção e incontroláveis. 

raiva por baixa inteligência emocional

Têm dificuldade para manter todo tipo de relação

Toda relação pessoal requer um dar e receber, habilidades para escutar, trocas de emoções e empatia. Quanto mais íntima é a relação, mais necessário é o que foi dito acima, além de outras habilidades como a compaixão ou a capacidade de dar apoio emocional.

A falta de habilidades sociais relacionadas com a inteligência emocional faz com que esses indivíduos tenham dificuldade para ter relações saudáveis com as pessoas que os rodeiam, em todos os níveis. No entanto, como são incapazes de reconhecer qual é o motivo do problema, as pessoas com baixa inteligência emocional costumam se sentir como vítimas. Esse vitimismo não faz mais do que complicar ainda mais suas relações.

Recomendados para você