5 filmes para entender como funciona a mente dos criminosos

5 filmes para entender a mente dos criminosos

10, maio 2017 em Filmes 285 Compartilhados
5 filmes para entender a mente dos criminosos

Os criminosos são protagonistas de muitos filmes de todo tipo. Os personagens malvados causam temor, mas também fascinam muitos espectadores. Suas histórias revelam que a mente humana tem caminhos enigmáticos, e que dentro do ser humano também habita um monstro que, às vezes, desperta e nos aterroriza.

Alguns dos filmes remetem, exclusivamente, às atrocidades que podem caber dentro da mente dos criminosos e às ações que são capazes de realizar. Outros, no entanto, aprofundam as motivações, a forma de operar e as particularidades do caráter dos criminosos.

“Olhe-me com desprezo, verás um idiota. Olhe-me com admiração, verás um senhor. Olhe-me com atenção, verás a si mesmo”.
-Charles Manson-

Seven – Os Sete Crimes Capitais

Este filme tem uma trama inteligente, onde quase todo argumento centra-se em decifrar como funciona a mente criminosa de um assassino que se chama “John Doe” (sem nome). Trata da intolerância, expressa nas convicções religiosas, que chegam a crimes abomináveis.

filme-seven

Um elemento notável desse filme é o jogo de manipulações que o criminoso estabelece. Um jogo que, no final, faz com que seus perseguidores convertam-se em vítimas. Assim, o assassino fanático e intolerante ganha o jogo: triunfa sobre a razão.

O Silêncio dos Inocentes

Um clássico baseado em um livro com o mesmo nome, desenvolve a ideia de dois gênios do crime enfrentando um ao outro. Por um lado, um perigoso presidiário que, além disso, é psiquiatra, e converte-se em uma peça para entender a mente de um assassino que assola o lugar.

Por outro lado está o assassino, que o filme praticamente não deixa falar: o conhecemos mais por suas ações do que por seu discurso. Um sujeito com um grave transtorno de personalidade, que recorre às ações criminosas para transformar-se em alguém diferente do que realmente é.

Zodiac0, baseado em uma história real

Zodíaco destaca um dos traços mais comuns entre criminosos sociopatas e psicopatas: o profundo desejo de manipular os outros. Baseado na história de um assassino em série que se fazia chamar de “o assassino do zodíaco” e que operava em São Francisco (EUA).

filme-zodiaco

Esse assassino burlava as autoridades e as desafiava. Enviava cartas e mensagens codificadas pelos jornais. Desfrutava da ideia de estar jogando com que o estava caçando. Esta é uma característica muito presente em diferentes tipos de criminosos. Isso lhes dá um sentimento de onipotência que satisfaz seu narcisismo sem limites.

Tropa de elite, violar a lei para cumprir a lei

Narra a história de um capitão da polícia que é encarregado de apaziguar uma das mais difíceis favelas do Rio de Janeiro. Este homem vai ser pai e deve deixar a polícia, mas antes tem que encontrar um substituto para seu trabalho.

Sendo assim, ele se dedica a treinar dois policiais honestos de sua inteira confiança. Entretanto, ao entrarem em contato com a realidade do crime nas favelas, os protagonistas mudam. O que eram dois policiais honrados pouco a pouco vão se transformando em sujeitos com instintos mais criminais. Empenham-se em preservar a ordem, custe o que custar, valendo qualquer coisa para conseguirem esse objetivo.

Laranja Mecânica

Nesta seleção não podia faltar um filme clássico como é “Laranja mecânica”, baseado em um romance com o mesmo título. Conta a história de um jovem antissocial que encontra grande prazer em provocar dor extrema em outras pessoas. Ele lidera um grupo dedicado a cometer ilegalidades pelo simples prazer de cometê-las.

laranja-mecanica

A história dá um giro radical quando este delinquente é detido e submetido a um tratamento de condicionamento. Com isso, pretende-se erradicar seu gosto pela violência. São empregados métodos para que ele crie aversão ao crime, submetendo-o a experiências que beiram a tortura.

Todos esses filmes permite que você entre na complexa mentalidade dos criminosos. Deste modo, aumenta sua compreensão sobre o modus operandi, características e condutas que os definem. São filmes para se ver e comentar, para olhar e digerir, bons para esses tempos em que o lado escuro do ser humano está, talvez, mais presente do que nunca.

Recomendados para você