5 razões para gostar de si mesmo do jeito que você é

5 razões para gostar de si mesmo do jeito que você é

agosto 21, 2017 em Psicologia 0 Compartilhados
5 razões para gostar de si mesmo do jeito que você é

Quando foi a última vez que você se comparou com alguém? Certamente não faz muito tempo. Vivemos em uma sociedade que nos convida a nos compararmos com os outros, mas não só isso, também nos convida a depender da aprovação externa para nos sentirmos bem com o que fazemos ou decidimos. Contudo, tudo isso vem destruindo pouco a pouco nossa própria autoestima.

Gostar de si mesmo do jeito que você é não significa renunciar a melhorar, na verdade implica entender e sentir que temos valor agora, no presente, acima de nossas potencialidades. A comparação neste sentido pode nos dar informação, inclusive motivação, mas se transforma em negativa quando a praticamos com muita frequência, transforma-se em uma fonte de insatisfação permanente ou alimenta a inveja.

“É preciso saber gostar de si mesmo, e não só isso, cada dia um pouco mais.”
-Noche de letras-

1. Usemos nossos próprios recursos para alcançar o que desejamos

Parece irônico que sempre fiquemos com a boca aberta diante das pessoas que têm uma personalidade forte, que são muito originais, que se destacam porque não se escondem nem tem a pretensão de se transformar no que não são. Curiosamente, admiramos essa qualidade nelas, contudo, não reparamos que nossas próprias qualidades são outras e que só aplicando-as de forma diferente poderemos conseguir o efeito que desejamos. Você não pode ser natural como outra pessoa.

Observemos os outros como fonte de inspiração. Podem nos dar ideias, inclusive podemos imitar parte do caminho, mas com nosso jeito de caminhar e parando em função de nossas próprias necessidades. Você não é como os outros e isso é positivo! Pare de esconder tudo que o torna diferente por medo, vergonha e inseguranças diversas e experimente gostar de si mesmo do jeito que você é. Transforme-se em você mesmo.

Homem que quer gostar de si mesmo

2. Por mais que nos comparemos, nunca conseguiremos ser outra pessoa

Por mais comparações que fizermos e que nos convidem a sofrer constantemente, se pensarmos bem nunca poderemos nos transformar em outra pessoa. Você tem outra vida, possui outras experiências e é muito diferente em muitos aspectos. Mesmo que você finja, a sua personalidade não poderá ser a mesma que a dos outros.

Pare de ver seus desejos frustrados, de topar mais uma vez contra essa parede que nunca irá se mexer. É difícil porque ao nosso redor muitas pessoas nos comparam com outras, mas nós não devemos fazer isso!

Quando internalizarmos que, por mais que nos compararmos, não conseguiremos o que tanto desejamos, voltaremos ao ponto anterior e começaremos a dar nossos primeiros passos para gostar de nós mesmos do jeito que somos. Somos especiais, únicos. Por que queremos perder tudo isso? Não tem sentido…

3. É preciso aceitar as luzes e as sombras

Ninguém é perfeito e nós também não. Contudo, às vezes acreditamos perceber, de forma errônea, que os outros são perfeitos, quando na verdade não é assim. Pense nas vezes que você segurou as lágrimas até poder ficar sozinho, para não se demonstrar vulnerável. Então, os outros podem ter a sensação de que estamos bem, quando na verdade desabamos constantemente e será muito mais complicado nos darem sua ajuda.

“O olho sempre é atraído pela luz, mas as sombras tem muito mais para contar.”
-Gregory Maguire-

Isto é exatamente a mesma coisa que pode acontecer com os outros que vemos. Porque cada pessoa tem suas luzes, mas também suas sombras. Gostar de si tal como é ensinará você a se aceitar, a não se recriminar para ser uma pessoa perfeita, a se permitir cometer erros. Gostar de si mesmo é libertador.

Gostar de si mesmo

4. Assuma seus próprios valores

Quando você é pequeno, adota os valores das pessoas mais próximas a você, por exemplo, seus pais. Contudo, estes não são os seus mesmo que você os tenha adotado como tal. Como você pode perceber isso? Quando não concordam com o que você faz da sua vida.

Por exemplo, você pode não ser nada pontual, mas você tem o valor da pontualidade. Talvez você continue morando com seus pais com 30 anos de idade, mas tem um desejo enorme de ser independente. Quando você sente que duas forças opostas o puxam, existem valores em você que não são seus.

Perceber isso lhe permitirá assumir seus próprios valores e se desprender daqueles que não lhe pertencem sem se sentir mal. Porque nem todos temos os mesmos valores. Então, você começará a fazer o que você quer e não o que os outros querem que você faça. Não é preciso ser igual a ninguém, nem sequer aos membros da sua família. Você é diferente, não se esqueça.

Gostar de si mesmo

5. Gostar de si mesmo criará a oportunidade de gostar dos outros

Se você não gostar de si, do jeito que você é, será que poderá gostar dos outros? Este é um grande engano, assim como pensamos que podemos amar, valorizar ou ser sinceros com alguém se não formos com nós mesmos.

Para poder oferecer alguma coisa aos outros, é preciso primeiro começar por nós mesmos. Então, por exemplo, se gostarmos de nós mesmos do jeito que somos, seremos muito mais tolerantes com a forma de ser e de pensar dos outros, uma coisa muito positiva e que será devolvida a nosso favor.

“Quanto menos nos aceitamos, mais precisamos da aceitação dos outros.”
-Alfredo Hoffman-

Você quer outro motivo para gostar de si do jeito que você é? Como você pode comprovar, fazer isso nos livra de muito sofrimento, um sofrimento que não escolhemos e que de alguma forma alimentamos. Nos tratando com dureza, nos castigando de forma severa por nossas falhas e omitindo o bom costume de nos compensarmos por nossos próprios acertos.

Mulher aprendendo a gostar de si mesmo

Às vezes é difícil adotar um novo ponto de vista das coisas, principalmente quando todo o nosso entorno continua ancorado a essa visão que tanto nos machuca, que tanto destruiu a nossa própria autoestima. Contudo, quando nos aceitamos, percebemos o quanto somos fortes e que haverá pouquíssimas circunstâncias que poderão quebrar nossa vontade. Gostar de si mesmo do jeito que você é é um grande passo para se sentir livre e cheio de bem-estar. O que você está esperando?

Recomendados para você