6 razões para o fracasso de um relacionamento amoroso

6 razões para o fracasso de um relacionamento amoroso

agosto 13, 2015 em Psicologia 47 Compartilhados
relacionamento amoroso

O principal motivo da maioria dos problemas dos relacionamentos humanos é a falta de reconhecimento mútuo.

O fracasso nas relações amorosas causa estresse e infelicidade. O interessante é que a maioria dos relacionamentos falha pelas mesmas razões. Conhecer essas razões é uma boa maneira de enfrentar os problemas e conseguir lidar com um relacionamento para torná-lo bem sucedido e duradouro.

Quer saber quais são as razões mais comuns para o fracasso de um relacionamento amoroso? Listamos abaixo algumas delas.

Cuidado com estas atitudes no seu relacionamento amoroso

1- Os ciúmes

Pode parecer um pouco irônico, mas os ciúmes em muitos casos acabam com uma relação. Muitas vezes, não é somente o ciúme por insegurança de perder a pessoa amada, mas também inveja do seu sucesso. Portanto, é necessário saber aceitar o sucesso do outro, conviver com ele e desenvolver um relacionamento em um clima de confiança.

relacionamento amoroso

2-O apego

Uma coisa é o amor e outra o apego. O apego emocional é muito prejudicial em um relacionamento. Quando somos muitos apegados, precisamos da presença e da atenção constante da pessoa; isso nos leva a ser muito ciumentos e exigentes. O apego é baseado em um forte sentimento de insegurança.

Nesses casos, é necessário desenvolver a autoconfiança, acreditar em si mesmo e estar ciente de que não podemos depender do outro para viver bem. Os relacionamentos saudáveis precisam de um certo distanciamento.

3- O egoísmo

O egoísmo é a raiz de todos os problemas em um relacionamento. O egoísta pensa nele em primeiro lugar, ignorando as necessidades do outro e concentrando-se em seu próprio ego. Deseja reconhecimento e apoio constante, sem dar nada em troca. Não é fácil conviver com uma pessoa egocêntrica.

Devemos aceitar as pessoas como elas são, em vez  de esperar toda a sua atenção.

O verdadeiro amor é altruísta, dá sem esperar nada em troca.

4- Focar nos defeitos do outro

Vivendo com uma pessoa descobrimos seus defeitos e fracassos. Os relacionamentos bem sucedidos, exigem uma certa tolerância com as fraquezas do outro. Se um dos parceiros focar somente nos defeitos do outro, quiser mudá-lo conforme o seu gosto, o relacionamento está fadado ao fracasso.

relacionamento amoroso

É claro que não podemos ignorar os erros o tempo todo, mas temos que ser tolerantes e conhecer bem o outro. O problema é que muitas pessoas focam somente nos defeitos e falam disso o tempo todo.

Se acredita que o outro pode mudar algum comportamento indesejado, converse e ajude-o nessa tarefa. Uma relação forte deve ser capaz de lidar com críticas e sugestões.

5- A dominação

É muito importante valorizar a liberdade de cada um. É inevitável que os problemas surjam quando um parceiro tenta dominar o outro. Esperamos que o outro seja como desejamos, e muitas vezes não percebemos que estamos agindo dessa forma.

Esquecemos que devemos amar uma pessoa real e não aquela que imaginamos. É muito fácil se apaixonar por uma ideia e é difícil descobrir que as coisas não são como imaginamos em nossos sonhos.

No entanto, ninguém tem o direito de dizer ao outro como deve viver, o que pensar ou como deve ser. Se a relação for baseada em uma expectativa ou dominação, inevitavelmente haverá conflito em algum momento. As relações devem se basear em compreensão mútua e permanecer livres de expectativas.

6- A falta de tempo

Muitas relações terminam porque um não dedica tempo suficiente ao outro. É inevitável que o outro se sinta negligenciado e esquecido. Se você não pode dedicar a esse relacionamento todo o tempo que gostaria, é importante reservar momentos especiais e intensos.

Isto não é para compensar a falta de tempo, mas sim para mostrar ao seu parceiro que ele é muito importante na sua vida.

Recomendados para você