7 frases de Piaget sobre a infância a aprendizagem

· maio 25, 2018

Jean Piaget foi um psicólogo construtivista muito reconhecido nos campos da psicologia infantil e da aprendizagem. Seus estudos e pesquisas foram extremamente influentes tanto na psicologia evolutiva quanto na pedagogia moderna. As frases de Piaget são um exemplo claro de sua paixão pelo estudo do desenvolvimento.

Piaget teve filhos, com os quais aprendeu muito. Através da observação detalhada de seu crescimento, ele elaborou uma teoria sobre a inteligência e estabeleceu certos estágios do desenvolvimento cognitivo infantil.

Neste artigo, selecionamos 7 frases de Piaget que falam sobre os dois assuntos que ele mais amava: a infância e a aprendizagem. Vamos nos aprofundar.

Frases de Piaget que vale a pena conhecer

1. A importância de não fazer sempre o mesmo

“O objetivo principal da educação nas escolas deveria ser a criação de homens e mulheres que são capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações fizeram; homens e mulheres que são criativos, inventivos e descobridores, que podem ser críticos, verificar e não aceitar tudo o que lhes é oferecido”.

De que serve repetir as mesmas coisas? Piaget lança uma crítica muito grande ao sistema educacional com essa frase. É algo que poderia se aplicar até hoje. Em quantas escolas a criatividade é incentivada? Em pouquíssimas, pois a maioria se concentra em um plano de estudos e na avaliação das notas das provas para determinar o nível dos alunos.

Os jovens passam muitas horas sentados e entediados ouvindo seus professores. A dinâmica é a mesma de sempre. Fazer exercícios, estudar e fazer a prova. Não há aprendizado, nem crítica, nem raciocínio, ninguém questiona nada. Isso é realmente o que queremos?

Menina tendo uma ideia

2. O verdadeiro significado da educação

“Educação, para a maioria das pessoas, significa tentar levar a criança a parecer com o típico adulto de sua sociedade… Mas para mim, a educação significa fazer criadores… Você precisa torná-los inventores, inovadores, não conformistas”.

Desde a infância ouvimos coisas como “pare de pular” ou “comporte-se como um homenzinho”. Não nos deixam nem ser crianças. Nos empurram para nos tornarmos, com pressa, o estereótipo de um adulto na sociedade que vive em grande velocidade através do automatismo.

Tudo isso nos limita, nos classifica e nos impede de nos destacarmos. Como diz Piaget, a educação deveria incentivar adultos criativos, cheios de novas ideias e não conformistas. No entanto, todos os dias observamos o oposto…

3. As crianças podem descobrir coisas novas

“Como podemos, com nossas mentes adultas, saber o que será interessante? Se você seguir a criança… pode descobrir algo novo… “.

Esta é uma das frases de Piaget que mais refletem seu interesse pelo mundo das crianças e, acima de tudo, sua grande admiração por elas. Piaget sabia que, graças às crianças, podemos aprender coisas novas, mesmo que não sejamos conscientes disso.

As crianças ainda não estão contaminadas pela sociedade. São livres, criativas, inventivas e curiosas. Mas à medida que crescemos, perdemos esse interesse em descobrir o mundo e mergulhamos em uma série de paradigmas que nos limitam e nos prendem. Talvez devêssemos aprender um pouco com os pequenos…

4. O professor não é um orador

“O que se deseja é que o professor deixe de ser um orador, satisfeito com a transmissão de soluções já prontas. Seu papel deve ser mais como o de uma iniciativa e pesquisa estimuladora de mentores”.

Muitos professores chegam às aulas, explicam a matéria, mandam exercícios para casa e vão para a próxima sala de aula. Este não é o verdadeiro papel de um professor. Seu papel deveria ser mais ativo, e ele teria que estar mais envolvido em estimular seus alunos.

Piaget diz isso de uma maneira muito sábia, explicando que o professor deveria promover a iniciativa de seus alunos e aumentar sua curiosidade. É assim que a verdadeira aprendizagem é alcançada.

Crianças aprendendo na escola

5. Brincar é o trabalho das crianças

“A brincadeira é o trabalho da infância.”

Esta é outra das frases de Piaget que se refere à infância e à importância do brincar para o desenvolvimento infantil. É por isso que é tão importante promovê-lo nos menores, em vez de impor restrições. Brincar é precisamente o trabalho das crianças. Através da brincadeira, um mundo inteiro de possibilidades começa a aparecer tanto a nível individual quanto social.

6. Deixar que as crianças descubram o mundo

“Quando você ensina alguma coisa para uma criança, lhe tira para sempre a oportunidade de descobrir por conta própria.”

Os adultos já sabem tudo, mas as crianças não. Por isso, não é necessário explicar tudo a eles. Você tem que dar uma margem para permitir que eles possam descobrir o mundo por si mesmos, que possam se fazer perguntas e experimentar do seu próprio jeito.

7. Ser um pouco como uma criança

“Se você quer ser criativo, permaneça em parte como uma criança, com a criatividade e a inventividade que caracterizam as crianças antes de serem deformadas pela sociedade adulta”.

Você quer potencializar sua criatividade? Deseja aumentar sua capacidade de criatividade? Então, seja um pouco como uma criança. Porque elas são livres e os seus pensamentos não são distorcidos nem contaminados pela sociedade adulta.

Deixar a criatividade fluir

Com essa última das frases de Piaget, podemos pensar em quantas vezes julgamos e como nos limitamos por isso. Por que nós sentimos falta de curiosidade? Talvez devêssemos voltar nosso olhar para os pequenos e começar a desaprender o que aprendemos e tanto nos limita.

Cada uma das frases de Piaget é um reflexo de seu olhar, de sua maneira de perceber o mundo e, especificamente, as crianças. Uma série de críticas que parecem não ter sido resolvidas na atualidade. Esperamos que tenha gostado e que nos diga qual delas mais marcou você, embora seja possível tirar um ensinamento muito sábio de cada uma.