Anorexia sexual: características, causas e tratamento

Anorexia sexual: características, causas e tratamento

Maio 16, 2018 em Psicologia 0 Compartilhados
Anorexia sexual: características, causas e tratamento

A anorexia sexual também é conhecida como desejo sexual inibido. Quando falamos de anorexia sexual, nos referimos a um transtorno relacionado com o baixo interesse pelo sexo, o baixo apetite sexual. As pessoas que sofrem com isso relatam pouca vontade de manter relações sexuais.

Essa falta de desejo sexual pode ocorrer igualmente em homens e mulheres. Na maioria dos casos, podemos encontrar sua causa em vivências de traumas psicológicos, físicos ou inclusive na autoestima baixa.

Características da anorexia sexual

A anorexia sexual se caracteriza pela ausência ou redução significativa do interesse ou excitação sexual. Manifesta-se por pelo menos um dos critérios diagnósticos a seguir:

  • Interesse ausente ou reduzido pela atividade sexual
  • Fantasias ou pensamentos sexuais e eróticos ausentes ou reduzidos
  • Iniciativa da atividade sexual reduzida ou ausente e falta de abertura para as iniciativas realizadas pelos parceiros
  • Excitação ou prazer sexual ausente ou reduzido durante a atividade sexual em quase todas as ocasiões vividas em casal (aproximadamente de 75 a 100% dos casos)
  • Excitação ou prazer sexual ausente ou reduzido em resposta a qualquer convite sexual ou erótico, interna ou externamente (por exemplo, escrito, verbal, visual)
  • Sensações genitais ou não genitais ausentes ou reduzidas durante a atividade sexual em quase todas ou em todas as ocasiões vividas em casal (aproximadamente de 75 a 100% dos casos).

Esses sintomas devem haver persistido por pelo menos seis meses.

Além disso, devem provocar um mal-estar clinicamente significativo na pessoa em questão. Por fim, a disfunção sexual não deve ser melhor explicada por um transtorno mental ou sexual, nem como consequência de uma grave alteração da relação nem como efeito de uma substância ou condição médica.

Casal com problemas sexuais

Causas da anorexia sexual

Há autores que apontam que o fator de risco mais comum para sofrer de anorexia sexual é a experiência de abuso físico ou psicológico no passado. No entanto, essa não é a única causa. A falta do desejo sexual também pode ser determinada por outros fatores.

O estresse, uma vida em casal monótona, discussões com o(a) companheiro(a) e problemas de convivência, entre outros, também podem fazer com que a anorexia sexual se desenvolva. Da mesma forma, a disfunção erétil, a impotência ou a anorgasmia podem levar ao aparecimento desse transtorno.

A anorexia sexual também pode ter sua origem em alguns âmbitos religiosos, políticos e culturais. Esses “cenários sociais” podem recriminar a livre expressão sexual até o ponto de reprimi-la. Igualmente, a educação sexual recebida na infância e adolescência pode causar anorexia sexual no futuro.

Podemos encontrar outra causa nos meios de comunicação. Isso ocorre porque esses meios nos bombardeiam todos os dias com imagens explícitas, mensagens e estímulos que sexualizam cada aspecto de nossas vidas. Esse fato pode nos fazer ter uma educação sexual inadequada e crenças erradas a respeito do sexo.

Quando a falta de desejo sexual se transforma em um problema

A falta de desejo sexual frequentemente se associa a dificuldades para experimentar o orgasmo e à dor durante a atividade sexual. Isso leva à baixa frequência da atividade sexual e a discrepâncias em relação ao desejo do(a) parceiro(a).

As dificuldades na relação e os transtornos do estado de ânimo também são características que se associam frequentemente com a anorexia sexual. As expectativas e os padrões pouco realistas a respeito do nível “apropriado” de interesse ou excitação sexual podem ser evidentes em pessoas afetadas por esse problema.

Também influenciam nesse problema técnicas sexuais precárias e a falta de informação acerca da sexualidade. Esses fatores, junto com as habituais crenças acerca dos papéis dos gêneros, são circunstâncias importantes para se ter em conta.

Casal enfrentando disfunções sexuais

Fatores que podem ser relevantes em relação ao tratamento da anorexia sexual

Existem 5 fatores que não devem ser ignorados. Esses fatores são relevantes para a etiologia ou tratamento do baixo desejo sexual. São os seguintes:

  • Fatores do casal (por exemplo, problemas sexuais dos cônjuges, estado de saúde do casal)
  • Fatores da relação (por exemplo, comunicação escassa, divergências no desejo em manter atividade sexual)
  • Fatores de vulnerabilidade individual (por exemplo, imagem corporal negativa, antecedentes de abuso sexual ou emocional, depressão, ansiedade, estresse, perda do emprego, luto)
  • Fatores culturais ou religiosos (por exemplo, inibição em relação a proibições da atividade sexual, atitudes acerca da sexualidade)
  • Fatores médicos relevantes para o prognóstico, o desenvolvimento ou o tratamento

Tratamento da anorexia sexual

A primeira coisa que a pessoa afetada deve fazer é tomar consciência do transtorno. Em segundo lugar, o mais importante é mudar as atividades habituais que o casal realiza em seu dia a dia.

O segredo reside em reviver novamente o desejo sexual. Para isso, é preciso que o casal crie um ambiente relaxado e íntimo, livre de preconceitos e pressões. Um aspecto importante a se ter em conta é que o sexo não implica necessariamente a existência da penetração. É possível desfrutar do sexo de muitas maneiras.

De todas as formas, o ideal é consultar um psicólogo especializado. Ele poderá ajudar com o melhor tratamento disponível até o momento.

Recomendados para você