As pessoas de aço inesquecível, um cantinho ao qual sempre podemos retornar – A mente é maravilhosa

As pessoas de aço inesquecível, um cantinho ao qual sempre podemos retornar

janeiro 7, 2016 em Emoções 13 Compartilhados
Pessoas de aço inesquecível

Há pessoas às quais sempre podemos retornar. Mesmo que nos afastemos anos-luz delas e estejamos em outra galáxia. Elas são sinônimo de calor e proximidade, são uma conexão à primeira vista. Uma sintonia inabalável e única

Cheiram à casa, aos band-aids que, um dia, suportaram nossas feridas emocionais, a essa pomada que as curou, à voz que nos acalmou. Através delas pudemos assumir que os momentos mais insuportáveis são apenas isso, momentos.

As pessoas de casa cheiram a amor e a aceitação incondicional. Cheiram a carinho, a abraços onde fecha-se os olhos e forma-se um sorriso. Estas pessoas cheiram a amizade, amor e família escolhida.

Cheiram a “estou ao seu lado, então precisamos apertar os dentes” e confiam em você inclusive quando você mesmo deixou de fazê-lo. São aquelas pessoas que não evitam que você tenha vertigem ou caia, mas oferecem as palavras exatas,  que só podem ser presenteadas por alguém que costurou aprendizados nas feridas.

Reparando asas quebradas.

pessoas

As pessoas mais bonitas que conheço

As pessoas de casa, as de aço inesquecível, são essas pessoas que te abraçam tão forte que unem novamente todos os seus pedaços, as que fazem com que seus medos e suas tristezas vão embora. As que lhe ensinaram pelo lado bom, demonstrando que o mundo é completamente maravilhoso.

Graças a elas encontramos razões diárias pelas quais vale a pena se esforçar e ser feliz. É que, através de sua paciência, nós pudemos compreender que as coisas boas acontecem para aqueles que sabem esperá-las.
Compartilhar

Porque a paciência, sua paciência, é a virtude que molda nossa liberdade emocional. E é que soprar nossas feridas só anestesia a dor, e assim perdemos o medo de olhar cruamente a realidade.

Sabemos que embora seja duro, nós não conhecemos o valor de sermos fortes até que não nos sobra outra opção. Caindo onde cairmos, nos levantaremos, porque uma vez uma pessoa de casa nos fez ver que a força e a coragem são coisas de gente como nós.

Mas, se em algum momento, não somos capazes de incorporar tais forças, elas estão aí como uma bengala, como pontos de apoio, nos lembrando que sempre haverá um lugar ao que podemos acudir para nos recompormos.
Compartilhar

bondadeSeu coração tem um único motor, a bondade

Você pode reconhecê-las facilmente pois, desde que as conheceu, você é uma pessoa melhor, elas lhe fortaleceram e enriqueceram seu interior.
Compartilhar

Certamente você conhece mais de uma pessoa de aço inesquecível, uma daquelas cujo motor só funciona com uma mistura de combustíveis: o amor e a compreensão.

Não conheço um calor mais reconfortante que o das minhas pessoas de casa. Elas não são só nossa família, nossos amigos ou nossos conselheiros; elas são nosso fogo, nossa chaminé. É que através de seu carinho compreendemos que tudo pode queimar se aplicarmos a chama necessária.

Nos protegem das quedas, nos ajudando a tecer asas cada vez maiores. Restaurando nossos sonhos, consertando nossos medos, escolhendo as tristezas pelas quais valem a pena viver e se desfazendo do resto.
Compartilhar

São pessoas bonitas, que cheiram à brisa e que sabem amar. Têm a capacidade de abraçar com palavras e olhares as pessoas que amam, fazendo desaparecer as feridas mais feias, transformando-as em preciosas cicatrizes.

Porque podem fazer com que os sorrisos com os quais mascaramos nossa dor não nos quebrem por dentro e se transformem na felicidade mais absoluta. E é que estas pessoas nos conhecem de uma maneira assim tão profunda que sabem perfeitamente quando um “tudo está bem” não é sincero nem real.

É por toda a riqueza emocional que compartilham conosco, que nunca conseguiremos expressar o que são e o que significam. É que, em termos de gratidão, sempre estaremos em dívida. De todas as maneiras, nunca é suficiente dizê-lo: OBRIGADO. PARA SEMPRE.

Recomendados para você