É possível confiar novamente - A Mente é Maravilhosa

É possível confiar novamente

3, julho 2016 em Psicologia 648 Compartilhados
É possível confiar novamente

Podemos dizer que confiar em si mesmo é muito mais importante do que confiar nos outros. Isto pode soar forte e até diferente do que nossos pais e professores nos ensinaram. Na verdade, quando somos crianças confiamos muito nas pessoas ao nosso redor, mas a vida pode nos tornar desconfiados, muitas vezes com razão, mas muitas vezes sem nenhum motivo especial.

E ficamos mais desconfiados ainda se traírem a nossa confiança, seja por algum motivo relevante ou simplesmente porque falaram de nós pelas costas. Há momentos em que pessoas nas quais confiávamos muito nos decepcionam.

Não somos obrigados a confiar em alguém; é importante manter os olhos e os ouvidos abertos para acompanhar o desenvolvimento de um novo relacionamento. Confiamos porque acreditamos que é algo importante, bonito, e por essa razão é necessário estar alerta e conhecer a pessoa em quem acreditamos.

Ser traído é uma experiência difícil para qualquer pessoa, é um ataque pessoal à nossa honestidade e nossos bons sentimentos. Muitas vezes, diante dessa situação, algumas pessoas preferem se isolar, se tornam antissociais e preferem a solidão, talvez por medo de uma nova traição.

Mas, pense bem. Quantas pessoas conhecemos ao longo da nossa vida? A maioria delas são confiáveis e poucas nos decepcionam. Então por que permitir que elas nos afetem tanto? É injusto com os outros e com você mesmo.

Isto não significa que não ficamos abalados com o comportamento do outro, o problema é como agir depois. Descartaremos todas as pessoas que queiram se relacionar conosco? Ficaremos na defensiva com as pessoas que se aproximarem de nós? Evitaremos as pessoas para sempre? E se com esse comportamento perdermos alguém maravilhoso ou uma situação que mudaria a nossa vida para melhor?

Assim que a tristeza passar, faça um esforço para voltar à “vida normal” para encontrar pessoas que valham a pena. Mas faça isso com os olhos bem abertos e com muita atenção, para entregar a sua confiança nas mãos de quem merece.

A confiança é algo que adquirimos e acumulamos através de anos de experiência e de boas relações com a família, com os amigos, colegas de trabalho, chefes, com o proprietário da loja, e até mesmo com o desconhecido que encontramos no metrô e nos ajuda em um momento difícil, com as pessoas que estão sempre atentas às nossas necessidades e nos darão a mão se estivermos em dificuldades e que rirão conosco quando estivermos felizes.

Muitas vezes vemos o mundo como um lugar grande, estranho, cheio de perigos e sofrimento. Faça o seu próprio mundo e volte a confiar nas pessoas, com os braços abertos, com os sentidos atentos e o coração desperto.

Recomendados para você