Como ajudar as crianças com dificuldade em matemática

· agosto 3, 2018

A dificuldade em matemática é um dos problemas mais comuns no sistema educacional. Estima-se que aproximadamente 60% dos alunos sofrem esse problema de forma recorrente. Sem dúvida, essa disciplina é a que mais gera emoções negativas entre todas as que os alunos têm que enfrentar.

No entanto, e devido à aprovação nesta disciplina ser necessária para se formar na escola, os alunos precisam superar esse problema. Por esta razão, neste artigo vamos nos concentrar em alguns pontos fundamentais para gerenciar e superar a dificuldade em matemática.

Por que algumas crianças sentem ansiedade em relação à matemática?

Quando um medo é tão comum, isso significa que deve haver situações ou formas de pensar que o provoquem. No caso de ansiedade em relação à matemática, alguns dos fatores envolvidos são os seguintes:

  • Expectativas de encontrar problemas e não conseguir resolvê-los.
  • Falta de motivação.
  • Problemas na aprendizagem básica.
Criança com dificuldade em matemática

Todas essas dificuldades podem fazer com que as crianças criem um grande medo do fracasso que as impedirá de avançar. De fato, nos casos mais graves, elas podem desenvolver distúrbios psicológicos, como ansiedade ou depressão.

Fatores que influenciam a dificuldade em matemática

1- Expectativa de encontrar problemas

A matemática tem fama de ser extremamente complicada, tanto entre os estudantes quanto entre a população em geral. Essa ideia é reforçada em todos os lugares, então os alunos vão para a aula com medo.

O problema é que, muitas vezes, damos tanto poder ao medo que ele acaba se tornando verdade. Isto é devido a um efeito conhecido como profecia autorrealizável. De acordo com muitos estudos, as pessoas que acreditam que vão fracassar em uma determinada área tendem a fazê-lo. No caso da matemática, que requer que um aprendizado muito específico seja dominado, isso se torna duplamente verdadeiro.

O verdadeiro problema não é que a disciplina seja complicada demais. Segundo a professora Jo Boaler, que tem dedicado toda a sua vida a estudar o assunto, apenas 3% da população tem dificuldades sérias para entender matemática. Para o resto das pessoas, é perfeitamente possível entendê-la. Então, como podemos ajudar crianças com dificuldade em matemática?

O primeiro passo é explicar aos alunos que se trata de uma habilidade como qualquer outra. Assim como todos podem aprender a andar de bicicleta se você propor, quase todo mundo é capaz de dominar a geometria ou a álgebra com um pouco de esforço.

No caso da criança se sentir totalmente incapaz (algo comum se ela tiver baixa autoestima), ainda é possível encontrar soluções. Uma delas é propor exercícios matemáticos que possam ser resolvidos para gerar alguma confiança. A partir daí, só seria necessário subir o nível pouco a pouco. Isso, a propósito, também ajudará com a falta de motivação.

2- Falta de motivação

Outro problema mais sério relacionado à matemática é que muitos alunos a odeiam. Isso acontece principalmente por dois motivos: porque não encontram sentido e porque a veem como algo muito complicado. A solução para o segundo obstáculo é regular a dificuldade do ensino, começando pelo mais básico. No entanto, o primeiro é mais complicado de resolver.

O fato é que a matemática geralmente é dada em sala de aula sem qualquer conexão com os problemas reais dos alunos. Uma criança ou um adolescente, cujas preocupações podem envolver mais seus relacionamentos ou o que querem fazer no fim de semana, acreditam que não precisam aprender essa disciplina. E o principal problema é que eles estão parcialmente certos.

Aprender matemática, a menos que uma pessoa queira estudar algum tipo de engenharia ou ciência, não é realmente necessário. Pelo menos os níveis mais complexos. No entanto, essa disciplina faz parte do sistema educacional. Portanto, o papel dos pais e dos professores é ajudar as crianças a encontrar alguma utilidade.

Uma das mais óbvias é que é necessário passar em matemática para ter um futuro melhor. Portanto, devemos fazer com que o aluno a veja como um desafio, como uma espécie de jogo para superar a si mesmo. Desta forma, sua motivação aumentará.

3- Problemas na aprendizagem básica

Finalmente, os dois elementos anteriores são misturados com o fato de que muitos alunos não entendem a matemática básica quando estão em cursos avançados. Dessa maneira, a ansiedade deles em relação a essa disciplina aumenta ano após ano.

Menina estudando

A solução para este problema, felizmente, é muito simples. Só é necessário rever com eles os conceitos fundamentais da disciplina. Isso pode ser feito com a ajuda dos pais, de um professor particular ou até mesmo por conta própria. O importante é que revisem todo o conhecimento aprendido.

Como vemos, a dificuldade em matemática é um problema muito comum provocado por várias causas. Neste artigo, vimos algumas delas, além de diversas soluções possíveis para elas. No entanto, no final, o mais importante é a perseverança. Lembre-se de que praticamente todas as pessoas são capazes de enfrentar este assunto e sair vitoriosas.