Escute a mensagem que suas emoções querem transmitir

Escute a mensagem que suas emoções querem transmitir

julho 31, 2016 em Emoções 11 Compartilhados
Escute a mensagem que suas emoções querem transmitir

As emoções controlam o que você pensa e faz. Podem criar dor emocional e física se não lhes dermos atenção. A boa notícia é que também podem guiá-lo para decidir o que funciona e o que não funciona em sua vida.

Não importa se você se considera uma pessoa muito sensível e emocional ou mais lógica e racional. As emoções sempre estão presentes porque são o resultado das experiências que você viveu.

Elas nos moldam como pessoas. Aproveite o que você sente para melhorar, sem permitir que o dominem por completo.

“Mas os sentimentos não podem ser ignorados, não importa quão injustos ou pouco prazerosos pareçam”.
-Anne Frank-

Não existem emoções negativas

Fomos educados para classificar o que sentimos como bom ou mau. A verdade é que cada emoção tem um papel importante em sua vida.

O que aconteceria se o temor não o levasse a proteger o que mais você ama? Onde você estaria se não tivesse o medo para torná-lo mais cauteloso?

Confundimos as expressões destrutivas ou negativas com a emoção em si.

As expressões podem fazer muito mal a quem o rodeia e a você. Mas se você bloqueia alguns sentimentos, ficará estagnado por muito tempo.

Amor e medo: duas emoções básicas na vida

O amor e o medo regem tudo que você vivencia. O resto das emoções são simples variações dessas duas.

As emoções que derivam do medo são ansiedade, aversão, controle, tristeza, depressão, confusão, dor, solidão, culpa e vergonha.

Entre as emoções que nascem do amor estão a diversão, felicidade, cuidado, confiança, compaixão, honestidade e satisfação.

Essas são as emoções básicas. Todas as demais são variações em sua intensidade. Por exemplo, a raiva pode ser representada como desgosto quando é muito leve, até a exasperação, quando você está no limite.

“É preciso escutar a cabeça, mas deixar o coração falar”.
-Marguerite Yourcenar-

Aprenda a identificar as emoções

Mulher-aproveitando-suas-emoções

Para entender a mensagem que as suas emoções querem transmitir, primeiro você deve saber o que está sentindo.

Quantas vezes lhe ocorre que você não sabe realmente como se sente? Ou seja, que não sabe explicar o que se passa com você e por quê.

Para poder reconhecê-lo, você precisa dedicar a si o tempo que precisar. Dirija sua atenção a como você se sente e faça perguntas sobre si mesmo. Inclusive, pode ser que você identifique aspectos físicos relacionados a suas emoções.

Preste atenção a seus sentimentos e pensamentos

Nossa mente está preparada para pensar seguindo alguns padrões de forma inconsciente. Analise o que passa por ela durante o dia. Isso o ajudará a estar consciente das coisas que você ama e que odeia.

Se for possível, registre esses pensamentos e as emoções que geram. Em alguns poucos meses, será mais fácil para você tomar consciência do que está sentindo.

“Tudo que somos é resultado do que pensamos; está fundamentado em nossos pensamentos e é feito de nossos pensamentos”.
-Buda-

Identifique suas “pequenas e insignificantes tristezas”

Quais são as pequenas coisas que o entristecem, mas que não parecem tão importantes para você?

Muita gente vai pela vida minimizando a importância daquilo que lhe faz mal. Costumamos acreditar que assim lhe tiramos o poder, quando na realidade ficam mais poderosas.

Minimizar e ignorar nosso sofrimento o tornará, com o tempo, maior.
Compartilhar

Algumas dessas “pequenas dores” têm acompanhado você desde criança. São emoções que geram problemas na idade adulta. Não será possível avançar até reconhecê-las e  realmente combatê-las.

menina_triste_emoções

Seja específico sobre as emoções que experimenta

Podemos confundir nossas emoções porque falamos delas em termos muito gerais.

Um exemplo é a depressão. Talvez agora mesmo esteja experimentando um distanciamento de seus entes queridos, solidão espiritual, aborrecimento ou uma falta de sentido em sua vida.

Se alguém lhe perguntar, é provável que responda apenas que está deprimido. Mas, como você pode ver, há muitos tipos e causas. Ao entender os motivos pelos quais esse sentimento o ataca, é mais fácil encontrar uma solução.

Por isso, procure ser concreto e específico sobre suas emoções. Isso ajudará você a se conhecer melhor e a se conectar consigo.

Aprenda a lidar com as emoções

Não tenha medo das suas emoções. Não lute contra elas nem fuja ou as bloqueie.

Dê as boas-vindas a elas, viva-as e entenda-as. Elas são boas nem ruins, simplesmente são parte de nós.

Com o tempo, você se dará conta de que se dissipam até desaparecerem por si mesmas quando você se permite vivê-las e aproveitá-las.

Apenas feche os olhos e sinta-as tão profundamente quanto possível.

Imagens: cortesia de LauriBlank, OfraAmit.

Recomendados para você