Por que estou com sono, mas não consigo dormir?

Às vezes, estar com sono não é uma condição suficiente para conseguir dormir. Mostramos como reverter essa situação desesperadora dependendo de qual é a sua causa.
Por que estou com sono, mas não consigo dormir?

Última atualização: 30 Setembro, 2021

Você tem se sentido cansado e com sono o dia todo, esperando o final do dia para poder se deitar e desfrutar de uma boa noite de sono? No entanto, quando finalmente chega a hora, você não consegue dormir?. Você já passou por isso?

Existem poucas situações tão frustrantes quanto esta e poucas tão devastadoras para o funcionamento do corpo se repetidas regularmente. Portanto, se você é um daqueles que repetem todos os dias “Estou com sono, mas não consigo dormir“, queremos ajudá-lo a entender o que pode estar acontecendo com você.

O sono não é apenas um dos maiores prazeres da vida, mas também uma função fisiológica de vital importância para a saúde. No entanto, cada vez mais pessoas sofrem de insônia e sofrem as consequências de um descanso insuficiente. Acredite ou não, existem várias orientações ao seu alcance para melhorar essa situação, e hoje vamos compartilhá-las com você.

Porque eu não consigo dormir?

Se você se faz essa pergunta com frequência, sabemos que está em uma situação desesperadora e que a insônia não só causa fadiga física, mas também mudanças de humor e deficiências no funcionamento cognitivo.

No entanto, não há uma causa única que possa explicar essa situação. Fatores biológicos, psicológicos e ambientais podem estar relacionados, levando à incapacidade de adormecer e manter o sono.

A seguir, mostramos alguns dos mais comuns para que você identifique quais estão atuando no seu caso.

Mulher acordada na cama

Ritmo circadiano e fase do sono retardado

Quando se trata de adormecer, existe uma substância que desempenha um papel muito relevante: a melatonina. Este é um hormônio que o corpo começa a secretar quando escurece, permitindo-nos pegar no sono algumas horas depois. Assim, o ritmo circadiano da pessoa (o relógio biológico interno ) é sincronizado com os ciclos claro-escuro.

No entanto, cada pessoa tem seus próprios ritmos e há quem tenha um atraso ou um descompasso a esse respeito. Aqueles que sofrem da síndrome da fase do sono retardado têm necessidade de adormecer e acordar pelo menos duas horas mais tarde do que o resto, mas também têm de se adaptar às exigências da sociedade, razão pela qual costumam sofrer privações de sono significativas.

Não importa o quão cansado você está às 10 ou 11 da noite se, para o seu corpo, a hora de dormir só chegará perto das duas da manhã.

Ansiedade e preocupação

Para adormecer é necessário estar em um estado de calma, repouso e tranquilidade, não só a nível físico mas também a nível mental. No entanto, é comum que muitas pessoas passem os últimos momentos antes de dormir pensando no que as preocupa, nas situações pendentes com as quais têm de lidar ou nos acontecimentos que lhes causam ansiedade.

O silêncio da noite, a solidão e a falta de estímulos externos nos deixam a sós com a nossa mente, e se não soubermos como administrá-la, podemos nos ativar cada vez mais refletindo sobre essa série de preocupações. Assim, dormir se torna mais difícil a cada segundo que passa.

Hábitos irregulares de sono

O corpo precisa de uma rotina e de hábitos para funcionar corretamente. Portanto, ir para a cama e acordar todos os dias no mesmo horário é essencial para evitar a insônia. Se você tem horários de sono irregulares, é provável que tenha mais dificuldade para adormecer, mesmo que sinta sono, pois seu corpo não sabe bem o que esperar.

Má higiene do sono

A higiene do sono inclui uma série de recomendações que podemos seguir para melhorar o nosso descanso noturno. Uma grande parte da população não cumpre várias dessas diretrizes; Portanto, se você não consegue dormir, pergunte-se qual desses aspectos você está negligenciando:

  • Se você tirar cochilos, certifique-se de que eles não excedam 45 minutos e que não ocorram depois das seis da tarde.
  • Evite consumir cafeína, teína, chocolate e outros estimulantes várias horas antes de dormir.
  • Tente evitar álcool e tabaco, especialmente antes de dormir, pois isso pode prejudicar seu descanso.
  • Praticar atividade física no dia a dia é positivo, pois ajuda a gastar energia e chegar à noite com uma maior capacidade de adormecer. No entanto, evite fazer exercícios nas últimas horas do dia, pois isso pode ativá-lo e impedi-lo de adormecer.
  • Não use aparelhos eletrônicos à noite e muito menos quando já estiver na cama. A luz das telas e os sons estridentes interferem significativamente e nos mantêm alertas. Em vez disso, procure atividades que induzam relaxamento e calma, como ler um livro, meditar ou visualizar.
  • Procure reservar o quarto, e principalmente a cama, apenas para dormir e fazer sexo. Não trabalhe, coma ou veja televisão neste espaço. Dessa forma, você ajuda seu cérebro a fazer uma associação clara: na cama, você dorme.

Ambiente inadequado

Por fim, é importante cuidar das condições ambientais na hora de dormir. Procure manter o quarto arrumado, a uma temperatura adequada, escuro e silencioso. Escolha um colchão e travesseiro adequados e opte por um pijama folgado e confortável. Essas coisas simples podem fazer a diferença.

Mulher adormecida

Não consigo dormir, mas não perco a calma

É normal que você pense “estou desesperado porque não consigo dormir”. Ainda mais se isso acontecer todas as noites durante várias semanas ou meses consecutivos. É provável que você tenha gerado algum tipo de rejeição ou resistência na hora de dormir por causa do que antecipa que acontecerá. Portanto, enquanto você toma as medidas necessárias para melhorar sua situação, você precisa ter paciência e manter a calma.

Se você sofre de insônia, pode se levantar, sair do quarto e fazer outra atividade por um tempo até se sentir sonolento. Ao fazer isso, você evitará aumentar seus níveis de ansiedade.

Além disso, é importante que você consulte um especialista se a sua situação se prolongar no tempo. A psicoterapia pode ajudá-lo a regular a ansiedade e a ruminação. Além disso, existem tratamentos como a melatonina ou a fototerapia que podem ser úteis para você; no entanto, em qualquer caso, devem ser orientados por um profissional. Não se desespere: melhorar o seu descanso é possível.

Pode interessar a você...
Qual é a relação entre a insônia e as emoções?
A mente é maravilhosa
Leia em A mente é maravilhosa
Qual é a relação entre a insônia e as emoções?

Qual é a relação entre a insônia e as emoções (estresse, ansiedade, tristeza)? Elas podem se retroalimentar? Descubra neste artigo.



  • Giménez Badia, S., Albares Tendero, J., Canet Sanz, T., Jurado Luque, M., Madrid Pérez, J. A., Merino Andreu, M., & Sellés Galiana, F. (2016). Trastorno de retraso de la fase del sueño y del despertar. Síndrome de retraso de fase.
  • Szeinberg, A., Borodkin, K., & Dagan, Y. (2006). Melatonin treatment in adolescents with delayed sleep phase syndrome. Clinical pediatrics45(9), 809-818.
  • Sierra, J. C., Jiménez-Navarro, C., & Martín-Ortiz, J. D. (2002). Calidad del sueño en estudiantes universitarios: importancia de la higiene del sueño. Salud mental25(6), 35-43.