Fechado para férias! A sua mente também precisa descansar

Fechado para férias! A sua mente também precisa descansar

16, fevereiro 2017 em Psicologia 1400 Compartilhados
Fechado para férias! A sua mente também precisa descansar

É impossível viver constantemente estressado e com pressa, porque nem o nosso corpo e nem a nossa mente estão preparados para viver em um alto nível de ativação por um longo tempo. Isso nos desgasta e diminui o nosso rendimento com o passar das horas e dos dias. No entanto, o mundo onde vivemos é tão competitivo que, mesmo que precisemos, nós não sabemos e não nos permitimos parar para descansar. Quando isso acontece, estamos a um passo de sofrer um transtorno de ansiedade.

É inútil praticar diferentes técnicas de relaxamento ou fazer ioga três vezes por semana se você não for capaz de colocar outras pausas para descansar no meio da sua rotina diária. Às vezes, é difícil parar os pensamentos de preocupação que passam pela nossa mente, entre outras coisas, porque ninguém nos ensinou. No entanto, você se lembra de algum dia em que ficou sem falar no celular? Quando foi a última vez que você realizou aquela atividade de que tanto gosta?

Desconectar-se dos problemas cotidianos não é um luxo, é uma necessidade.

A sua mente precisa descansar

Você não precisa de férias para relaxar, um simples final de semana, um dia ou uma hora podem ajudá-lo a se desligar da agitação que o rodeia, ou melhor, de tudo o que o preocupa. O problema reside na forma como você aproveita essas pequenas pausas. Você realmente é capaz de se desligar?

Com certeza, a sua mente fica pulando de um pensamento para outro; pensa nos projetos futuros, no que terá que fazer na segunda-feira, nas pessoas para as quais irá telefonar, e muitas outras responsabilidades.  Esses pensamentos estão impedindo que você desfrute esses dois dias que você tem para relaxar. É como se você acreditasse que se deixar de lado as preocupações, mesmo que seja por um momento apenas, se transformará em alguém irresponsável. Na realidade, você não pode fazer nada até segunda-feira quando chegar no escritório. Dessa forma, o final de semana torna-se uma constante antecipação desse momento, com o devido estresse associado.

dar-ferias-para-a-mente

Ser capaz de descansar bem e aproveitar o tempo livre implica uma mudança de atividades e formas de pensar diferentes dos dias em que temos a responsabilidade de ir para o trabalho. Ou seja, não precisamos levantar em um determinado horário ou tomar o café apressadamente para ir trabalhar. No entanto, como estamos acostumados com esta rotina, achamos difícil relaxar. Por isso, no nosso período de descanso cometemos alguns erros.

Para começar, nós tentamos planejar tudo sem deixar espaço para a improvisação, o que faz com que qualquer imprevisto se transforme em  um conflito. E além disso, não conseguimos deixar o celular de lado, desligado ou em modo avião, não nos atrevemos a fazer coisas novas, loucuras, e a grande pergunta é “por quê”?

Um exemplo claro disso tudo é encontrado nos dias próximos ao Natal, quando a maioria das pessoas tem alguns dias de descanso. No entanto, o que deveria ser uma alegria acaba se tornando uma provação. As reuniões de família, as viagens para estar com nossos entes queridos, determinar lugares que pretendemos visitar para tirar proveito dessa “mini férias” … Chega!

    O simples fato de ter férias não é, por si, só reparador.
Compartilhar

Lembre-se de que você está em seu período de descanso. Se não liberar o estresse quando não precisa trabalhar, quando o fará? Você está sobrecarregando o seu tempo porque tem medo de não saber como agir sem ter coisas para fazer. No entanto, deixe-se levar. Talvez você queira dedicar um dia para ficar em casa lendo, assistindo televisão ou fazendo algo totalmente improdutivo. Não se sinta mal por isso; você merece.

mente-descansar

Os benefícios do descanso

Talvez você acredite que descansar é uma perda de tempo e que “trabalhar sem parar” é o que nos leva à produtividade e ao trabalho bem feito. Você está errado: estar constantemente “ligado” não trará melhores resultados, mas encurtará o tempo para virem à tona os problemas mencionados no início (estresse, ansiedade, depressão). Você quer descobrir quais são os benefícios de descansar  de verdade?

– Aumenta significativamente a criatividade: Se seu trabalho exige criatividade e imaginação, não estar inspirado traz muitos problemas. Tentar com teimosia não vai lhe ajudar. É necessário que você relaxe, pratique uma atividade que gosta e se desligue dos problemas. Você não está perdendo tempo, porque quando voltar ao trabalho estará mais tranquilo. Tudo vai começar a fluir melhor e com mais rapidez.

Melhora a capacidade de julgamento e decisão: tomar decisões é muito importante em nossas vidas; através delas conseguimos ou não tudo o que queremos. Quando a nossa mente está saturada, é impossível ver as coisas claramente para poder analisar todas as opções possíveis e nos sentirmos satisfeitos com o resultado da nossa decisão.

Reduz o estresse e a ansiedade: um bom descanso diminui o estresse. Quando você está estressado o cortisol aumenta, e isso traz consequências para o seu corpo, especialmente se estes níveis elevados se tornarem crônicos. Dores de cabeça, diminuição da imunidade, problemas digestivos e fadiga permanente são alguns deles.

– O descanso nos deixa mais felizes: quando os padrões de pensamentos negativos desaparecem da nossa mente, ela libera endorfinas, o conhecido hormônio da felicidade. Graças a isso, podemos apreciar o que acontece ao nosso redor e nos sentimos em equilíbrio, em um estado de paz e tranquilidade.

Descansar promove o aumento da produtividade e da concentração, enquanto diminui o bloqueio intelectual.
Compartilhar

mente-ferias

Se você conseguir descansar, o seu desempenho no trabalho também será melhor. Você estará cheio de energia e otimismo para seguir em frente. No entanto, você se lembra de que quando voltava à sua rotina tinha a sensação de estar esgotado? Isto acontece quando a pessoa não descansa de verdade. Ficar obcecado com as férias e querer fazer muitas coisas ao mesmo tempo nos impede de aproveitá-las ao máximo. Não planeje demais, deixe fluir e, acima de tudo, desfrute.

Se você não desperdiça o seu tempo quando tem coisas para fazer, por que não aproveita quando merece um descanso? Você não conseguiu aproveitar o final de semana ou as férias como esperava? Talvez as suas expectativas tenham sido muito elevadas; o seu tempo livre tem um começo, mas também tem um final.