Influenciadores: 5 características interessantes

· setembro 22, 2018

Com as novas tecnologias, a comunicação multiplicou seus canais. Podemos transmitir o que queremos dizer de diferentes maneiras. Em um princípio, fazíamos isso apenas através de mensagens, agora podemos até expressar nossos gestos através dos elaborados emoticons, uma maneira incomparável de mostrar o que sentimos quando não temos a pessoa por perto ou não nos atrevemos a fazê-lo cara a cara.

Com esse novo modo de comunicação, também surgiram novas maneiras de capturar a atenção dos outros. Uma delas é o marketing digital: através de diferentes estratégias publicitárias, busca-se que potenciais consumidores adquiram os produtos que as empresas pretendem vender. Assim, através da comunicação pelas redes sociais, as empresas agem fazendo propaganda.

Agora, uma nova maneira de alcançar as massas surgiu: os influenciadores. Esse método é usado por agências no mundo digital para promover seus produtos, mas eles também podem transmitir mensagens de motivação e desenvolvimento pessoal, ou simplesmente mostrar experiências de vida.

“A única coisa permanente na publicidade é a mudança.”
-Anônimo-

Os influenciadores são criativos

Influenciadores costumam ser pessoas criativas, originais por alguma coisa. Com sua criatividade, eles conseguem capturar nossa atenção. Assim, acumulam seguidores e mais seguidores que querem saber tudo que fazem. Através de vídeos, fotos e comentários, eles captam nosso interesse porque nos mostram ótimas ideias de uma forma original.

Então, os influenciadores se tornam, em muitos casos, porta-vozes poderosos para certas ideias e interesses. Cuidam do que dizem, mas acima de tudo de como dizem. Sabem que seu público procurará reconhecê-los em sua maneira de se expressar, e isso é o que os torna tão característicos.

Influenciadores nas redes sociais

A criatividade nos influenciadores é tão importante quanto sua inteligência para se adaptar ao seu público atual e potencial. Em última análise, o que eles procuram é gerar mais e mais comunicação, para que o público não se desconecte da sua atividade.

Confiança: característica indispensável dos influenciadores

Muitos influenciadores desfrutam da confiança de seus seguidores. Isso é algo muito conhecido pelas empresas que os contratam para promover seus produtos. Elas esperam que seus seguidores sigam o caminho e as recomendações do influenciador, inclusive sendo cientes de que sua mensagem é motivada por um interesse comercial. Nesse sentido, o que muitos influenciadores dizem para não perder a credibilidade dos contratos assinados é que eles só recomendam os produtos dos quais realmente gostam.

É curioso, mas funcionamos assim. Tendemos, por exemplo, a dar maior credibilidade a pessoas que tiveram sucesso ou que consideramos bonitas. Além disso, o oposto também acontece. Por fim, observe que o número de seguidores que um influenciador pode ter reforça esses seguidores a praticar suas recomendações, incluindo as de consumo. É muito fácil pensar: “Se tantas pessoas o seguem, o que ele diz deve ser certo ou verdadeiro”.

Assertividade

Os influenciadores são assertivos porque conhecem seus direitos e os dos outros, e transmitem as informações levando em conta esses princípios (ou pelo menos projetam essa característica em sua imagem). A assertividade lhes permite comunicar o que querem de forma eficaz, tão eficaz que os seguidores acabam seguindo seus conselhos. Essa qualidade lhes favorece e eles cuidam disso porque:

  • Faz com que se sintam empoderados.
  • Aumenta sua sensação de bem-estar.
  • Melhora a comunicação.
  • Dá uma facilidade maior para controlar o meio.
  • Melhora a relação com seus seguidores.

A assertividade, essa aparência de liberdade e força diante de possíveis fatores condicionantes, é uma das qualidades que mais os distinguem. Vamos pensar: quem seguiria alguém que pensa e que diz somente aquilo que os outros lhe dizem? Assim, a independência de critérios e opiniões manifestada pela assertividade é uma das qualidades atribuídas aos influenciadores.

Responsabilidade

A imagem projetada pelos influenciadores também é incluída como responsabilidade. Uma responsabilidade que acompanha o compromisso e a identificação com a mensagem. Os seguidores muitas vezes pensam que o influenciador é plenamente consciente de tudo que diz e do que faz, porque não prejudicará quem não merece.

Por outro lado, a responsabilidade também tende a brilhar nos influenciadores não apenas como um elemento de sua imagem, mas também sob a forma de organização e comprometimento. Eles costumam ter um sentimento de dívida com o público que os segue. Eles geralmente são conscientes de que a renda que recebem deriva justamente de seus espectadores.

Influenciadores nas redes sociais

Sociabilidade

Os influenciadores têm uma facilidade, seja natural ou adquirida com o trabalho, de se relacionar. Assim, as empresas querem seus seguidores como consumidores, mas também sua capacidade de se relacionar para manter os existentes e ganhar novos.

A sociabilidade os ajuda a:

  • Obter mais seguidores. Porque contam com uma grande facilidade para se relacionar com os outros.
  • Serem empáticos. A maioria dos influenciadores é capaz de se conectar com os outros e de se colocar no lugar deles.

Todas essas qualidades lhes permitem criar vínculos com os outros. Nesse sentido, geralmente são muito hábeis em entender os padrões culturais e interpretar os eventos atuais, assim como as necessidades de seus seguidores.

Ser um influenciador não é uma tarefa fácil. Requer tempo, esforço e dedicação, além de ser um processo gradual para obter a confiança e o interesse daqueles que são, em princípio, um público potencial. Nesse sentido, se chegar ao topo é complicado, manter-se por lá é muito mais.

Há muitos que não suportam essa pressão e acabam tentando escapar da notoriedade que tanto procuraram. É uma “profissão” que não deixa de ter, por trás do palco em que os atores se movem, um camarim obscuro cheio de fantasmas com os quais é preciso saber lidar.

“A influência que a vida de uma pessoa exerce sobre a de outra é incalculável”.
-Ralph Bunche-