O irremediável passar do tempo - A mente é maravilhosa

O irremediável passar do tempo

maio 8, 2015 em Emoções 0 Compartilhados
passar do tempo

“Voltar às paisagens da infância. O quadro se faz na Romênia, no trem de Bucareste para Baia Mare, em uma manhã de neblina, no outono de 2012.” (Foto e comentário de Tamas Hajdu, Romênia, 2013.)

Quando uma pessoa vai envelhecendo, ela vai se dando conta de muitas coisas. Primeiro, de que a infância é uma das melhores etapas que existem, sem nenhum tipo de preocupação, e onde a única coisa que importa é aproveitar bem com os amigos. Também, na adolescência, a pessoa se dá conta de que o amor não é tão bonito como falam e que, muito cedo, pode-se ter uma decepção com uma pessoa que idealizamos completamente.

Por fim, quando alguém consegue certa maturidade, também se dá conta de que colegas de festas existem aos montes, mas amigos que estão “lá” quando realmente precisamos, realmente são poucos.

Não resta outra alternativa a não ser aceitar o passar do tempo

Bom, como tudo nessa vida, o passar do tempo tem o seu lado bom. Todas essas situações nos ajudam a nos conhecermos melhor, amadurecer e, sobretudo, a aprender a não cair na mesma pedra. E você? Acha que gosta cada vez menos do irremediável passar do tempo? Então não se preocupe porque isso acontece com as mais de 6 bilhões de pessoas que há no mundo.

Quando alguém chega a certa idade, dá-se conta de que começa a ficar “velho”, mas isso é completamente irremediável. Dessa forma, por que não aceitar a situação tal como é? Todas as idades possuem as suas fases boas e ruins e, por isso, não há outro remédio a não ser o otimismo.

Por exemplo, ao completar quarenta anos, com certeza muitos de vocês são independentes economicamente e não dependem de ninguém, algo que não é possível quando se é jovem. Então, aproveite essa idade para viajar, conhecer pessoas e se cultivar em todos os sentidos. Você poderá se surpreender ao ver do que é capaz!

Dessa forma, fazendo coisas distintas, e estabelecendo novas metas na sua vida, vai realmente se dar conta de que continua vivo. Pode acreditar que não há presente melhor na vida que esse, e que nem com dinheiro é possível comprá-lo. Definitivamente, tenha certeza de que se você cuidar do “seu tempo” e souber como deixá-lo passar, terá momentos inesquecíveis. E assim disse o mítico ator do século XX, Charles Chaplin, “O tempo é o melhor autor: sempre encontra um final perfeito.”

Recomendados para você