Melhorar a comunicação: 3 técnicas inovadoras que vale a pena conhecer

Como melhorar a comunicação: 3 técnicas inovadoras

Fevereiro 24, 2018 em Emoções 70 Compartilhados
Como melhorar a comunicação?

Melhorar a comunicação também é uma maneira de tornar sua vida mais fácil e mais gratificante. Muitas das dificuldades com os outros e com nós mesmos são fruto de falhas de comunicação. Essa é uma área determinante porque é através da linguagem verbal e não verbal que contamos ao mundo quem somos.

Uma boa comunicação é aquela que facilita e promove a compreensão mútua. Portanto, isso implica a capacidade de se fazer entendido, mas também de entender os outros. Ou seja, é preciso expressar o que se deseja expressar, no momento certo e de uma maneira que permita que outros interpretem corretamente a mensagem que se deseja transmitir.

“Eu desconfio da incomunicabilidade; é a fonte de toda a violência”.
-Jean Paul Sartre-

Além disso, é claro, é necessário que você possa ouvir e decodificar ou interpretar as mensagens que os outros nos enviam. Isso não é tão simples quanto parece. Para alcançar esse objetivo, é necessário se livrar de preconceitos, julgamentos e filtros que o levam a distorcer o que dizem ou mostram a você.

A melhor razão para investir energia nessa tarefa é que uma boa comunicação aumenta a qualidade de vida. Quando você consegue se expressar de uma maneira genuína, se sente mais livre. Isso também ajuda a aliviar a carga. Nada mais pesado do que ter engasgado algo que você precisa dizer, sem poder fazê-lo. Portanto, a seguir vamos mostrar três técnicas que podem ajudá-lo a conseguir ter uma comunicação melhor.

Técnicas simples para melhorar a comunicação

1. Mudar

Esta estratégia para melhorar a comunicação consiste em substituir expressões, gestos e comportamentos. Todos nós temos um tipo de termômetro interno ou intuição. Ele acende um alarme quando percebemos que estamos nos comunicando mal.

Melhorar a comunicação no ambiente de trabalho

A ideia é identificar quais elementos entraram em jogo quando a comunicação com os outros não foi suficientemente efetiva. Você não deve se concentrar nas possíveis falhas do seu interlocutor, mas nas suas. Em que momento ocorreu o desentendimento? Você usou palavras ou frases que incomodaram a outra pessoa? Qual foi o tipo de linguagem, gestos e posturas que você usou?

Ao fazer essas perguntas, você pode tirar conclusões valiosas para ajudá-lo a ter uma comunicação melhor. O sentido de tudo isso é substituir esses comportamentos que impedem que você seja claro, aberto e assertivo na forma como se comunica.

2. Aumento ou redução

Está relacionado ao item acima. Neste caso, é especificamente orientado para o volume ou quantidade das expressões. Para se comunicar melhor, identifique o que falta ou o que sobra nas suas mensagens.

Em princípio, a ideia é que você se concentre na unidade básica: a palavra. Você usa poucas ou muitas palavras? Você usa mais palavras que o suficiente para ser entendido ou tenta usar apenas as palavras  necessárias? Você desenvolve até os mínimos detalhes para que o entendam melhor? Você estaria se excedendo nesse momento?

Se o que você quer é melhorar a comunicação, também é necessário que você examine sua linguagem não verbalNesse terreno, também pode haver excessos ou defeitos. Se houver pouca expressividade, talvez seja porque você não está envolvido o suficiente com o que diz ou não se sente muito confiante para expressar seus sentimentos. Se a expressividade é excessiva, é possível que sua maneira de comunicação intimide ou impeça a comunicação dos outros.

3. Eliminação

Existem aspectos que fazem parte do nosso modo de ser. Você não pode e não deve erradicá-los porque eles são uma parte essencial da nossa identidade. No entanto, também há comportamentos que devem ser eliminados se seu objetivo é melhorar a comunicação. Entre esses comportamentos está o medo de se expressar diante dos outros.

Homem com gesto de boca fechada

O medo de dizer ou manifestar o que se pensa ou sente tem uma raiz neurótica. Os seres humanos devem poder se expressar em qualquer circunstância. O que pode ser escolhido é a maneira de fazê-lo. É verdade que nem todos têm a mesma facilidade, nem é preciso que seja assim. No entanto, todos devemos mostrar o que está em nosso mundo interior com precisão quando assim quisermos.

Por isso, é melhor eliminar (ou tentar diminuir) os comportamentos que nos levam a manter o silêncio quando não desejamos mantê-lo. É dever de cada um não se deixar silenciar. É uma decisão que exige força e caráter, mas vale a pena o esforço.

Essas três técnicas irão ajudá-lo a se comunicar melhor, contanto que você consiga segui-las e internalizá-las. Vale a pena fazer isso porque sua relação com os outros será muito melhor. Você também poderá melhorar seu diálogo interno e ter comportamentos mais consistentes com seus valores e interesses.

Recomendados para você