As 5 melhores frases da consciência plena - A Mente é Maravilhosa

As 5 melhores frases da consciência plena

Abril 17, 2018 em Emoções 109 Compartilhados
As 5 melhores frases da consciência plena

As frases da consciência plena vêm principalmente do budismo, pois é precisamente nessa doutrina filosófica e religiosa que esse conceito nasceu. Uma consciência plena também é conhecida como atenção plena ou consciência pura.

A consciência plena é definida como um estado espiritual de concentração absoluta no presente. Implica um foco de todos os sentidos para a realidade que é experimentada e é o fruto da meditação. Supõe uma conexão com o silêncio, com o interior de si mesmo em um estado consciente.

“Seja a testemunha dos seus pensamentos”.
-Buda-

As frases da consciência plena pretendem explicar os detalhes desse estado particular. Seu objetivo é principalmente didático, porque é um conceito complexo que realmente só é entendido quando você o vivencia. Em qualquer caso, as afirmações dos grandes mestres ajudam a esclarecer o assunto.

Frases da consciência plena para refletir

1. O abandono do pensamento

Osho era um filósofo e místico bem conhecido em todo o mundo. Devemos várias das grandes frases da consciência plena a ele. Embora fosse uma figura controversa, suas famosas reflexões deram origem a boa parte da literatura contemporânea sobre a consciência plena.

Mulher feliz de braços abertos

Este texto de Osho descreve muito bem o estado da consciência plena: “Somente quando conscientes, os pensamentos começam a desaparecer. Não há necessidade de lutar. Seu conhecimento é suficiente para destruí-los. E quando a mente está vazia, o templo está pronto. E dentro do templo, o único deus que vale a pena é o silêncio. Então, são essas três palavras que você deve lembrar: relaxamento, desconsideração, silêncio. E se estas três palavras deixarem de ser apenas palavras para você, e assim se tornarem experiências, sua vida será transformada“.

2. Uma das declarações do Dalai Lama sobre a consciência plena

Esta é uma das frases sobre a consciência plena proferida pelo próprio Dalai Lama. Ele diz: “Portanto, não podemos contratar um seguro; a companhia de seguros está dentro de: a autodisciplina, autoconsciência e uma clara compreensão das desvantagens da raiva e dos efeitos positivos da gentileza“.

Sem dúvida, é uma bela frase. Ele falou essas palavras em um discurso sobre segurança e garantias na vida. O caminho para prever catástrofes e grandes males. O texto, então, lembra que isso depende do que levamos dentro de nós, e não das circunstâncias externas. Ainda mais importante é a última parte, onde os efeitos negativos da raiva e os efeitos positivos da bondade são enfatizados.

3. A compaixão

compaixão é um dos valores fundamentais do budismo. Boa parte dessa filosofia é dedicada ao cultivo da bondade e da fraternidade. Essas características são consideradas virtudes superiores porque encerram, em si mesmas, muitas outras, e são o resultado de um trabalho longo e constante.

Mãos com a luz do sol

Essa frase de Thomas Merton descreve muito bem a ideia da compaixão budista e sua relação com a consciência plena. Ele diz: “Toda a ideia da compaixão é baseada em uma forte consciência da interdependência de todos esses seres vivos, que fazem parte um do outro e todos estão envolvidos um no outro“. A consciência também consiste em compreender, aceitar e respeitar essa interdependência mútua.

Deve-se lembrar que nesta filosofia todas as formas de vida são dignas. De um simples inseto à vida humana. Portanto, a compaixão não é exercida apenas entre pares, mas também com todas as formas de vida na natureza.

4. Os atos cotidianos e a consciência

A consciência plena não é alcançada se retirando para meditar em um mosteiro por anos. Quaisquer que sejam as circunstâncias, você sempre pode acessar essa plenitude através dos atos diários mais simples. É isso que Osho nos mostra em um texto que inclui várias frases sobre a consciência plena, que são bastante ilustrativas.

A esse respeito, ele diz: “Ande, mas ande meditando, conscientemente, e respire, deixe sua respiração se tornar uma meditação constante; respire conscientemente. A respiração entra: olhe para ela. A respiração sai: olhe para ela. Coma, mas coma com plena consciência. Dê uma mordida, mastigue, mas continue olhando. Deixe o observador estar presente em todos os momentos, independentemente do que estiver fazendo.”

Permanecer no presente e aguçar todos os sentidos para capturar o momento que está vivendo começa a aumentar a consciência até mesmo do menor ato. É isso que Buda pede: para sermos observadores permanentes de nós mesmos.

5. A consciência e a felicidade

A consciência plena é o resultado da observação constante, do esforço perseverante para separar pensamentos, sentimentos e impulsos, dedicando toda a vontade apenas à contemplação. Na contemplação encontra-se o universo, e esse encontro gera harmonia e felicidade.

Folhas em rio

Osho diz assim: “A consciência é a maior alquimia que existe. Apenas fique cada vez mais consciente, e você descobrirá que sua vida muda para a melhor em todas as dimensões possíveis. Isso lhe trará uma grande satisfação“.

Enquanto muitos filósofos ocidentais assumem a consciência como uma fonte de infelicidade, a filosofia budista vê exatamente o oposto. Isso ocorre porque a consciência ocidental é baseada na razão, enquanto a oriental é baseada na espiritualidade, no silêncio e na ausência de pensamentos.

Todas essas frases da consciência plena nos mostram que ainda temos muito a aprender com as filosofias orientais. Além disso, existem outras formas de alcançar o bem-estar, diferentes daquelas do sucesso pessoal. São bem-vindos aqueles ensinamentos que nos trazem luz.

Recomendados para você