Narcisismo sexual: o que é?

março 15, 2019
Descubra o que é o narcisismo sexual. Identifique quem poderia apresentar essa característica e descubra seu modus operandi para evitar cair em suas garras.

Você se sente usado pelo seu parceiro ou parceira sexual? Ele ou ela só o procura quando quer sexo? Se preocupa exclusivamente com seu próprio prazer, deixando de lado os seus sentimentos? Se você já passou por isso, preste atenção no que temos a dizer sobre o narcisismo sexual.

O narcisismo sexual compartilha muitos aspectos com o transtorno da personalidade narcisista. Além disso, é caracterizado especificamente pelo seguinte:

  • Egocentrismo sexual (buscam seu próprio prazer).
  • Falta de empatia (não se colocam no lugar da outra pessoa, nem se preocupam com suas necessidades físicas ou emocionais).
  • Necessidade de controle e de domínio sobre o outro.
  • Gosto por relacionamentos sem compromisso.
  • Grande senso de superioridade.
  • Preocupação excessiva com a imagem física.

Narcisismo sexual

Em primeiro lugar, as pessoas com alto grau de narcisismo sexual tendem a ser muito competentes na arte da sedução. Geralmente, são dotadas de uma boa aparência física, capacidade dialética e, aparentemente, atentas e carinhosas com os outros, sobretudo com aqueles que não as conhecem muito bem.

Outra característica do narcisismo sexual é que, a princípio, as pessoas que o possuem podem ser muito atraentes. Desta forma, sua aparência, confiança em si mesmos, suas ações determinadas podem agradar as pessoas ao seu redor, especialmente aquelas com perfil mais dependente ou com baixa autoestima.

O outro lado do narcisismo sexual

Atualmente sabemos que os narcisistas sexuais aparentam um falso senso de competência ou valor pessoal. De fato, o fato de serem tão egocêntricos impossibilita que se concentrem nos outros. Desta forma, nunca se colocarão no lugar dos outros, podem ser muito insensíveis e carecer de empatia.

O outro lado do narcisismo sexual

Quando alguém cai nas garras do narcisista sexual, a princípio só há bons momentos, risadas e prazer. No entanto, com o passar do tempo, a vítima descobre que as coisas não vão bem. De repente, descobre o outro lado do narcisismo sexual.

Com o tempo, esse sedutor vai deixando um vazio cada vez maior. No que diz respeito aos encontros sexuais, só ocorrem quando essa pessoa quer e da maneira que ela quer. Além disso, não se preocupa com as necessidades sexuais da sua parceira. Desta forma, o que antes era paixão, agora é sofrimento. Em suma, as relações sexuais se transformam em algo humilhante.

Neste caso, você pode reprovar a atitude da pessoa com narcisismo sexual, mas ela nunca reconhecerá seus erros ou sua falta de empatia. Pelo contrário, poderá chegar a se defender com frases como estas:

  • O problema é que você é muito exigente.
  • Isso nunca aconteceu comigo antes.
  • Minhas ex-namoradas sempre me disseram que eu sou o melhor.
  • Talvez você tenha problemas físicos que a impedem de chegar ao orgasmo.
  • Etc.

Em suma, ele sempre culpará o outro, e nunca assumirá sua responsabilidade ou a possibilidade de estar errado em seus argumentos. Isso é especialmente sério porque, no sexo, grande parte da nossa satisfação está em saber como satisfazer o outro. Os narcisistas sexuais não têm interesse em satisfazer seus parceiros.

O sexo se torna uma punição

O sexo é um elemento perigoso quando entra nas relações de poder do casal. Neste sentido, as pessoas com narcisismo sexual utilizarão o sexo como arma. Desta forma, se querem punir o parceiro – pelo motivo que for – podem utilizar a sexualidade para fazê-lo.

Assim, o acesso às relações sexuais fica submetido às condições impostas pelo narcisista sexual. Acima de tudo, ele evitará manter um vínculo forte para se proteger emocionalmente de um possível abandono. Cada vez mais o eixo do relacionamento gira em torno das relações sexuais. Esses relacionamentos, em geral, não são satisfatórios.

Relação sexual

Diferenças sexuais

Existem determinadas manifestações relacionadas ao narcisismo sexual que são diferentes em homens e mulheres:

  • A mulher narcisista sexual geralmente exige que seu parceiro a admire. Ela vai considerar o parceiro mais ou menos atraente dependendo da admiração que desperta no outro. Além disso, será mais propensa a punir seu parceiro deixando-o sem sexo. O acesso ao sexo estará relacionado com o grau com que o parceiro se submete às suas demandas.
  • O homem com narcisismo sexual geralmente é indiferente à satisfação sexual da parceira. Pode ser mais propenso a aproveitar-se fisicamente de sua parceira.

Conclusão

A modo de conclusão, devemos alertar nossos leitores de que as pessoas com este perfil dificilmente contribuem com algo de valor para a vida dos outros. Além disso, tenderão a nutrir-se do que as pessoas ao seu redor produzem. Dificilmente participarão de um diálogo em que o foco seja colocado sobre elas de maneira crítica. Assim, será muito difícil que alguém possa fazer com que identifiquem sua visão de mundo como equivocada.

  • Bleichmar, H. (2000). Aplicación del enfoque Modular-Transformacional al diagnóstico de los trastornos narcisistas. Aperturas psicoanalíticas5.
  • Dio Bleichmar, E. (2002). Sexualidad y género: nuevas perspectivas en el psicoanálisis contemporáneo. Aperturas Psicoanalíticas. Revista Internacional de Psicoanálisis, (11).
  • Freud, S. (1992). Introducción al narcisismo. Alianza.
  • Trechera, J. L., Millán Vásquez de la Torre, G., & Fernández Morales, E. (2008). Estudio empírico del trastorno narcisista de la personalidad (TNP).