Por que as crianças gostam de dinossauros?

14 Janeiro, 2021
Algumas crianças têm uma verdadeira paixão por dinossauros. Elas sabem quais são as características das diferentes espécies, o que comiam e até distinguem as eras geológicas. Por quê?

Seja qual for a espécie, os dinossauros atraem a atenção das crianças (e de muitos adultos também). Na verdade, é provável que você também gostasse deles durante a sua infância, ou que talvez um dos seus amigos fosse um grande fã de dinossauros… Agora, o que há nesses animais que os torna tão interessantes? Por que as crianças gostam tanto dos dinossauros?

A devoção aos dinossauros que muitas crianças experimentam é mais do que apenas um hobby. Elas conhecem o nome científico de diferentes espécies, apesar de serem raros, sabem o que comiam, onde ficavam e quais eram as suas peculiaridades. Seu interesse é tão grande que conseguem distinguir as diferentes eras geológicas pelo tipo de dinossauro que vivia nelas. Incrível, não é? Mas por que isso acontece?

Vamos ver os motivos pelos quais esses animais atraem tanto a atenção das crianças.

“Um dos maiores erros que as pessoas cometem é criar um entusiasmo forçado. Você não escolhe suas paixões; as paixões te escolhem”.
-Jeff Bezos-

Paixão e curiosidade: a importância dos interesses intensos

Na psicologia, um conceito conhecido como interesses intensos é usado para se referir à preferência, motivação ou paixão por parte das crianças por objetos, atividades ou tópicos muito específicos. Este fenômeno geralmente se desenvolve em uma idade muito jovem e, além disso, costuma ser mais comum em meninos do que em meninas.

Os interesses intensos não consistem um gosto geral e passageiro por um objeto específico, como uma fantasia, um avião de brinquedo ou, neste caso, dinossauros. Em vez disso, eles são caracterizados pela experimentação de uma certa atração, com grandes doses de paixão, em relação àquele objeto.

É como se as crianças sentissem uma curiosidade exagerada de saber tudo sobre algo muito específico. Em alguns casos, essa atração pode até ter certos traços obsessivos. Esses tipos de interesses geralmente têm uma série de características comuns:

  • Eles são relativamente duráveis. Não desaparecem em questão de horas ou dias.
  • Eles se concentram em objetos diferentes com características semelhantes ou traços em comum.
  • Eles favorecem um domínio conceitual daquele tópico específico.
Menino brincando com dinossauro

Os pais costumam identificar esse tipo de comportamento em seus filhos rapidamente, pois as crianças, assim que aparece algo relacionado ao seu tema de interesse, imediatamente desejam investigar e se aprofundar na questão. Fazem várias perguntas para saber mais, procuram informações que estejam ao seu alcance para satisfazer esse tipo de curiosidade intelectual ou, depois de coletar informações suficientes e aprender algo novo sobre o assunto, explicam às pessoas ao seu redor.

As crianças gostam de dinossauros porque experimentam uma grande curiosidade com doses de paixão conhecidas como interesses intensos.

Crianças com interesses intensos são como aqueles pesquisadores que buscam constantemente informações para aprender mais sobre um determinado assunto. Geralmente estão atentas para aumentar o conhecimento que possuem sobre seu objeto de interesse, têm interesse em se manter atualizadas e, além disso, querem que os outros conheçam suas “novas descobertas”.

Segundo algumas pesquisas, quase um terço das crianças mostra esse tipo de interesse entre os 2 e 6 anos, embora em alguns casos demore mais tempo. Portanto, se levarmos em conta esse fenômeno, o fato de as crianças gostarem de dinossauros não é por acaso.

“A juventude de um ser não se mede pela idade, mas pela curiosidade que guarda.”
-Salvador Paniker-

Por que as crianças gostam de dinossauros? Benefícios cognitivos

Os resultados do estudo The development of conceptual interests in young children, realizado pelas Universidades de Indiana e Wisconsin, revelou que interesses intensos que exigem domínio conceitual, como os dinossauros, são muito benéficos para o desenvolvimento cognitivo infantil.

A razão é que, além de enriquecer o vocabulário e aumentar o conhecimento sobre um tópico específico, ajuda a melhorar o desenvolvimento de habilidades complexas relacionadas com o processamento de informações, a atenção, a concentração e a perseverança.

Além disso, o interesse das crianças por dinossauros também fornece informações sobre quais estratégias elas usam para abordar os tópicos do seu interesse e aqueles que ainda não foram descobertos. E isso fornece pistas a respeito de como enfrentarão os desafios que a vida apresenta no dia a dia.

De certa forma, as crianças que apresentam essa paixão não se limitam ao conhecimento superficial, mas preferem ir mais longe e investigar. Eles tendem a ser mais autônomos e têm mais facilidade para desenvolver o pensamento crítico.

Esses tipos de interesses tendem a desaparecer entre 6 meses e 3 anos, de acordo com pesquisas realizadas pelas universidades de Virginia, Yale e Queensland. Na verdade, apenas 20% das crianças mantêm ativamente seus interesses intensos ao longo dos anos.

Como curiosidade, deve-se notar que as crianças mais velhas que mantêm esses interesses intensos tendem a ter níveis de inteligência acima da média.

Fóssil de dinossauro

Os motivos costumam ser a redução do tempo livre das crianças para a pesquisa e a demanda por um conhecimento mais amplo de várias disciplinas por parte da escola, embora ao mesmo tempo menos profundo.

Os pais podem manter essa grande paixão em casa, pois podem continuar a alimentar a curiosidade dos filhos, bem como incentivá-los a ter tempo para investigar o que os atrai.

  • Para isso, os pais podem criar espaços ou utilizar recursos com os quais a criança pode aprender sobre o que lhe interessa.
  • Incentivar conversas sobre tópicos pelos quais as crianças são apaixonadas. Por exemplo, falar sobre os diferentes tipos de dinossauros, explicar como eles diferem, etc.
  • Incentivar a aprendizagem sobre outros tópicos. Nesse caso, você pode começar com tópicos relacionados ao tema principal.
  • Mostrar interesse pelo que elas dizem. A criança tem que perceber que ouvimos e estamos atentos. Essa é uma forma de alimentar seu interesse e desejo de saber para continuar crescendo.