Praticar o perdão – A mente é maravilhosa

Praticar o perdão

Fevereiro 18, 2015 em Emoções 0 Compartilhados

O perdão é a liberação das limitações autoimpostas e dos padrões de conduta autodestrutivos que nos atam ao passado de maneira insana. Além disso, ele permite liberar a ira, o medo, a dor, o ressentimento e outros sentimentos negativos, abrindo o coração para a alegria, a paz e o amor.

Embora não seja fácil, não se deve permitir que o passado tenha poder sobre nossa vida. Temos que liberar a dor que sentimos e as amarras que nos impedem de vivê-la plenamente.

Razões para praticar o perdão

– Eliminar o rancor

– Ter uma boa saúde física, psicológica e emocional

– Liberar todos os sentimentos negativos

– Encontrar a paz

– Aprimorar a vida social, pois deixamos de ver hostilidade nas pessoas

Como fomentar o perdão? 

Abaixo estão alguns conselhos para desenvolver a habilidade de perdoar:

Encontre tempo no dia-a-dia para meditar e explorar sua mente, para liberar qualquer ressentimento guardado. Imagine-se com um grande nó, respire lentamente e imagine que pouco a pouco ele vai se derretendo e fazendo com que se sinta livre e leve; o poder da imaginação é enorme.

– Perdão não significa reconciliação, você não deve desculpar a outra pessoa, nem tolerar seus comportamentos; apenas deve deixar de lado seu próprio sofrimento.

 – Se você sente uma profunda hostilidade em relação a alguém do passado, escreva uma carta de perdão em que seus sentimentos sejam demonstrados. Se não deseja enviá-la, não o faça, mas é uma forma de imaginar que os sentimentos de vingança da outra pessoa também desaparecem; se repetir diariamente a escrita de cartas de perdão, pode ser uma válvula de escape útil para sua recuperação.

Não deixe que o ambiente negativo de pessoas grosseiras e insensíveis recaia sobre você. Frequente ambientes de bem-estar, onde possa manter sua mente saudável e não se deixar contaminar pelas energias negativas.

– Lembre-se de que você não deve ficar de fora do círculo do perdão, você deve perdoar a si mesmo por não ser perfeito e por cometer erros como os demais; você merece a mesma compreensão e compaixão que os demais para poder encontrar a positividade e a liberdade para viver em paz.

A capacidade de perdoar não funciona igualmente para todas as pessoas, algumas tardam mais que as outras, mas é uma meta que pode ser alcançada. Quem não é capaz de perdoar fica propenso a padecer de ansiedade, depressão, dor de coluna crônica, ter problemas cardiovasculares e sofrer alteração em suas funções neurológicas e no seu sistema imunológico, tornando-se incapaz de aproveitar a vida plenamente.

Fotografia cortesia de Kiezuz

Recomendados para você