Se puder, mude; se não, a solução é fluir

Se puder, mude; se não, a solução é fluir

9, maio 2016 em Psicologia 7208 Compartilhados
Mulher que se deixa fluir

Em chinês, o termo Wu Wei descreve um aspecto da filosofia taoísta que diz que a forma mais adequada de agir é não forçar, mas tendo em conta que não forçar não é o mesmo que não fazer nada. Wu Wei também significa “sem esforço” e “crescimento”, algo que pode ser comparado a fluir como um rio.

Ele parte da ideia de que as plantas crescem por Wu Wei, não fazem esforços para crescer, simplesmente crescem. Portanto, se trata de fazer as coisas de uma forma natural, sem forçá-las e sem desvirtuar sua harmonia. É o mesmo que dizer: mude se puder, senão flua.

Em muitas ocasiões nós queremos que as coisas aconteçam de uma forma ou de outra, ou então forçamos as situações ao invés de deixar tudo fluir, seguir seu ritmo com harmonia, nos deixando levar sem resistência, crescendo sem esforço. É humano tentar se opor a algo que nos incomoda ou que não gostamos, mas a sabedoria da experiência deve nos guiar para o estado de simplesmente fluir.

“O conflito em qualquer forma indica resistência. Em um rio que flui rapidamente não há resistência, flui ao redor de grandes pedras, flui através de vilas e cidades. O homem o controla para seus próprios propósitos. Depois de tudo, a liberdade não implica que a resistência que o pensamento construiu em torno de si mesmo está ausente?”
-Krishnamurti-

A felicidade como um estado em que se flui

O fluxo é um estado mental no qual uma pessoa está completamente imersa na atividade que está executando. A pessoa foca toda a energia na tarefa e existe uma implicação total na mesma. O conceito de fluxo foi proposto pelo psicólogo Mihály Csíkszentmihályi no ano 1975 e, desde então, foi desenvolvido em muitos campos.

Mãos ao alto atirando pétalas de flores

Mihaly Csikszentmihalyi é diretor do “Quality of Life Research Center” da Claremont Graduate University, na Califórnia. Ele se dedica a pesquisar a base e as aplicações dos aspectos positivos do pensamento, como o otimismo, a criatividade, a motivação intrínseca e a responsabilidade. Suas teorias tiveram tanto êxito que foram utilizadas por diversos líderes mundiais. Seu livro “Flow: The Psychology Of Optimal Experience” (em tradução livre: Fluxo, a psicologia da experiência otimizada), foi convertido em um grande sucesso de vendas.

“Aceite. Não é resignação, mas nada faz você perder mais energia do que resistir e lutar contra uma situação que não pode mudar.”
-Dalai Lama-

Segundo Csikszentmihalyi, os componentes de uma experiência de fluxo são os seguintes:

  • Concentração e foco. Um alto grau de concentração é um campo de atenção limitado. Uma pessoa que desenvolve uma única atividade terá a oportunidade de se concentrar nela e aprofundá-la.
  • Objetivos claros. Os objetivos devem ser atingíveis com o conjunto de competências e habilidades que se tem e, desta forma, a pessoa verá que os objetivos são possíveis e se esforçará para atingi-los.
  • Feedback direto e imediato. Os sucessos e os fracassos na atividade são óbvios. A pessoa deve receber um feedback que lhe permita saber quando está realizando a atividade corretamente e quanto não está.
  • Equilíbrio entre o nível de habilidade e o desafio. A atividade não pode ser nem muito complicada (porque a pessoa irá desistir rapidamente), nem muito fácil (porque ela pode se cansar da atividade e abandoná-la). Deve existir um equilíbrio.
  • A atividade é intrinsecamente gratificante, assim, o esforço não é notado quando se executa. Deve se tratar de algo que faça a pessoa se sentir bem, de forma que praticamente não se dê conta do esforço que está fazendo.

Mulher pintando um quadro feliz

Mudar ou fluir

O ser humano passa por situações complicadas ao longo de sua vida que às vezes não pode mudar, mas ele pode agir sobre a forma como lida com essa situação e deixar-se fluir. Trata-se de ver as dificuldades como uma oportunidade de aprendizado e superação pessoal. De pensar que tudo acontece por um motivo, para nos ensinar uma lição importante.

Cada pessoa age de forma diferente diante de uma mesma situação, e é importante procurar o apoio de outras pessoas que sejam importantes para nós nos casos em que estivermos desorientados. Não se trata de se fazer de vítima, mas sim de procurar ajuda se for necessário, falar com outras pessoas, colocar para fora tudo o que nos preocupa. Como existem aspectos que você não poderá mudar, flua, deixe que as coisas sigam o seu curso, não lute contra a maré.

“Não há passado nem futuro, tudo flui em um eterno presente”.
-James Joyce-
Recomendados para você