É assim que tentam controlar a sua mente quando faz compras

É assim que tentam controlar a sua mente quando faz compras

julho 13, 2015 em Curiosidades 0 Compartilhados
compras

Grande parte das estratégias de marketing estão direcionadas para gerenciar o comportamento do consumidor. Muitos dos estudos nessa área centram-se em pesquisar como reagimos diante das ofertas, o que nos induz a comprar e como compramos. Procuram induzir o consumo nem tanto de artigos básicos, que se vendem sozinhos, mas de todos os produtos que não são de primeira necessidade.

Aqui vamos contar algumas das táticas que são empregadas nos supermercados para conseguir que o seu carrinho saia mais carregado de artigos do que você havia previsto.

Localização do mais necessário

Os produtos de primeira necessidade, geralmente, estão localizados no fundo do supermercado. Artigos como leite, ovos e carne, dentre outros, ficam no final. Dessa forma, você terá que percorrer um longo trajeto antes de chegar até eles. Ao longo do seu caminho, encontrará um mundo de ofertas, que, obrigatoriamente, estarão lá. Se você não tem claro o que irá comprar, poderá sucumbir às promoções, antes de comprar o que precisa.

O carrinho de compras

Os carrinhos de supermercado muitas vezes são pesados e difíceis de serem guiados. Geralmente, as rodas são desenhadas com uma espécie de freio, que dificultam o avanço. O propósito é que você não consiga andar muito rápido. Assim será obrigado a observar vários dos produtos que não está procurando. Também foi estabelecido que os carrinhos costumam estar ligeiramente inclinados para a esquerda; por isso, às vezes, você anda em linha reta e sente que o carrinho toma outra direção.

A altura

Os produtos de marca, que geralmente são mais caros, sempre estão localizados nas gôndolas, de maneira que fiquem no nível dos olhos de uma pessoa de altura padrão. Esse tipo de disposição deixa tais produtos mais visíveis. Aliás, se você não puder demorar muito no supermercado, sempre tenderá a pegar o primeiro produto que encontrar à mão; neste caso, será o mais caro. Se você tiver um pouco mais de tempo, notará que, na parte inferior, e, provavelmente, nas esquinas, estão os mesmos produtos, mas com marcas diferentes e preços menores.

A utilização das cores

As fachadas dos supermercados costumam ser desenhadas em cores vistosas, com a finalidade de deixá-los mais atraentes. Geralmente são utilizados tons cálidos porque alimentam o impulso de entrar no lugar. Dentro, ao contrário, normalmente são utilizadas cores neutras (branco, quase sempre), pois assim o cliente se concentra nos produtos e não na decoração do local.

A música

Em muitos supermercados, utilizam-se músicas de fundo, geralmente suaves e relaxantes, com um toque de modernidade. A intenção é deixar os clientes tranquilos, para que não tenham pressa de abandonar o lugar. Esse tipo de melodia também reduz as defesas racionais. Dessa forma, uma pessoa relaxada e despojada de atitudes defensivas estará mais propensa a comprar. A música clássica tem efeitos similares.

O último momento

Perto dos caixas sempre há estantes que possuem produtos de baixo custo e alto consumo, como por exemplo doces, cigarros e revistas. Os supermercados tentam fazer com que o cliente tenha impulsos de última hora e compre esse tipo de artigo. Afinal de contas, já fez o “maior gasto” e um pequeno gasto adicional não muda muito o orçamento; ou pelos menos querem fazer com que o comprador acredite nisso.

Imagem cortesia de Monica Arellano Ongpin.

Recomendados para você