A vida não termina ao ser demitido

· dezembro 27, 2018

A maioria das pessoas sabe como é ser demitido. Não é agradável para ninguém passar por essa experiência, mesmo quando as condições do nosso trabalho não nos agradam. Além de ser o nosso ganha pão, não deixa de ser uma situação frustrante que, dependendo das circunstâncias, tem um impacto emocional muito grande sobre a pessoa.

A demissão implica uma rejeição, uma notificação e um passo em direção à incerteza. Rejeição porque implica a exclusão do espaço de trabalho e o que ele representa simbolicamente, uma notificação porque implica uma avaliação negativa da nossa atividade ou comportamento dentro da empresa. E um passo para a incerteza porque, na maioria dos casos, não há outro emprego nos esperando.

É, sem dúvida alguma, um momento delicado. No entanto, somos nós que elaboramos o seu significado. Ou seja, temos a oportunidade de não permitir que uma demissão se torne um trauma ou uma dificuldade séria. A vida não termina ao ser demitido, embora a situação envolva grandes dificuldades em um dado momento. Precisamos administrá-las e evitar que elas transbordem. Aqui estão algumas ideias que podem nos ajudar.

“Às vezes, a única maneira de seguir em frente é deixando tudo para trás”.
-Autor anônimo-

Mantenha a calma e relaxe

Embora pareça difícil de assimilar, a verdade é que, por uma razão ou outra, sempre acabamos saindo dos lugares onde não deveríamos estar. Às vezes é difícil entender, mas provavelmente era o momento certo de sair. Talvez não tenhamos nos encaixado nessa organização, e isso não é necessariamente algo negativo.

No início, é difícil avaliar o que aconteceu. Portanto, a primeira coisa que você deve fazer é manter a calma e não dar atenção para as ideias negativas que aparecem após a demissão. Não crie um filme na sua mente pensando que começou uma má fase na sua vida ou que o mundo está caindo sobre a sua cabeça. Em vez disso, concentre-se no que precisa ser feito a partir de agora.

Homem estressado em seu trabalho

É preciso tomar algumas medidas após a demissão

Após a demissão, começa uma fase de incertezas. A melhor maneira de lidar com isso é se organizando ao máximo. Verifique como estão as suas finanças: é preciso cortar todas as despesas possíveis. Se você tem dívidas, avalie se é necessário conversar com os credores para estabelecer novas condições. Isso costuma ser fácil de conseguir, porque eles também estão interessados ​​em receber o pagamento.

Também é importante fazer uma lista de todas as pessoas que você conhece e que podem ajudá-lo a conseguir um novo emprego. Anote até aquelas que você já não vê há algum tempo e prepare uma mensagem para enviar a cada uma delas. Diga-lhes que você está desempregado e que gostaria de ser informado sobre qualquer opção de trabalho que elas conheçam.

Prepare o seu currículo

Ser demitido irá obrigá-lo a tirar o pó do seu currículo e renová-lo. É uma boa oportunidade para modernizá-lo e lhe dar um toque mais pessoal. Atualmente existem muitas opções. Uma delas é preparar um vídeo de apresentação e incluir o link no seu currículo.

Também é muito importante que você encaminhe a sua candidatura para as ofertas de emprego com as quais se identifica. Destaque as suas melhores virtudes. Aproveite para procurar trabalho em áreas ou setores de que você gosta. Certamente há alguma empresa à procura de alguém para fazer o que você faz bem ou gosta.

Escada representando cargos na carreira

Ser demitido também pode ser uma oportunidade

Enquanto um novo trabalho não aparece, você pode aproveitar esse tempo para considerar uma nova opção: ser o seu próprio patrão. Você sabe fazer algo que lhe permita trabalhar de forma independente? Qualquer habilidade funciona: você pode ensinar o que sabe fazer. Podem ser habilidades manuais ou qualquer outro tipo de conhecimento. A Internet é uma boa fonte de oportunidades para iniciar um novo negócio.

Para abrir uma empresa, você não precisa ser um inventor ou ter um grande capital. O essencial é pesquisar para detectar quais são as necessidades do mercado, ver os exemplos de empresas que prosperaram, aprender a fazer um plano de negócios e começar a trabalhar. É uma questão de decisão. Na verdade, se tudo der certo, você poderá continuar com a sua empresa, mesmo que consiga um novo emprego.

O importante é que você perceba que ser demitido não é o fim do mundo. É claro que o que aconteceu vai tirá-lo da sua zona de conforto e, muitas vezes, gerar uma série de preocupações. Mas se você assumir uma atitude positiva e ativa, certamente será capaz de transformar esse problema em uma oportunidade.