Grite, cante ou fale, mas viva a vida no volume máximo

Grite, cante ou fale, mas viva a vida no volume máximo

novembro 25, 2016 em Emoções 8 Compartilhados
Grite, cante ou fale, mas viva a vida no volume máximo

Rir, chorar, pular, rodopiar, retornar, dizer adeus, colocar reticências, lidar com a vida, apaixonar-se, comer chocolate, cheirar um bom perfume, enganar-se, errar, escrever um eu te amo, aliviar o coração em prantos, escutar a sua canção preferida, surpreender-se, aborrecer-se, pensar, suspirar…

Poderíamos continuar com esta lista até ao infinito. Dar rédea solta à nossa imaginação e pensar em todas aquelas coisas que valem a pena e nos dão alegria. No entanto, este texto é sobretudo um “tomara”. Um tomara que você viva todos os dias da sua vida. Mas que os viva de verdade, dias bem vividos.

Deveríamos experimentar arrepios todos os dias. Deveríamos cantar, dançar, falar e gritar. No entanto, o que acontece é que acabamos por nos transformar em robôs. Em máquinas da vida. Em corpos com cabeça de calendário que levam no pulso o relógio que serve mais para combinar com a roupa do que para dar cor à vida.

gif-flores-1

Chega de autoengano, a vida é breve e a desperdiçamos

Não se engane, porque já não lhe faz falta ter a melhor e mais recente tendência do mercado, fazer uma viagem de luxo, ter um enorme sucesso e conseguir o corpo ideal a golpe de bisturi. Ainda mais quando chega a uma certa idade, nada disso vale tanto como antes. O grande problema é que perdemos tempo sem nos darmos conta.

Como disse John Lennon, a vida é aquilo que acontece enquanto você está ocupado fazendo outros planos“. Como se não houvesse um limite de tempo, quando na realidade o tempo é o mais finito que há e que sempre chegará ao fim.

Somos os seres das dúvidas constantes. Nos levantamos todos os dias como se tivéssemos a eternidade para compreender em que consiste realizar os nossos objetivos e dar um passo mais além das nossas metas.
Compartilhar

Nos esquecemos de que a fugacidade da areia passando para o outro lado da ampulheta é a nossa oportunidade de passar para o outro time e continuar a escalar a montanha. Também nos esquecemos que neste momento essa é a única vida que temos a certeza que podemos compartilhar. 

coracao-com-teia-de-aranhas

O que aprendemos com o tempo

Mas começar a construir esse trajeto é um questão, muitas vezes, de tempo e de amor próprio (ainda que seja por necessidade). Há um texto, da autoria de Jorge Luis Borges, que nos fala precisamente disto, da necessidade de sermos conscientes de que o passar do tempo é, muitas vezes, o que nos dá maior consciência da nossa vida.

Com o tempo aprendi a sutil diferença que existe entre pegar na mão de alguém e acorrentar uma alma. Com o tempo aprendi que o amor não significa se apoiar em alguém e que a companhia não significa segurança.

Com o tempo comecei a entender que os beijos não são contratos, nem os presentes são promessas. Com o tempo aprendi que estar com alguém só porque oferece um bom futuro apenas significa que mais cedo ou mais tarde você irá querer voltar ao seu passado.

Com o tempo você se dá conta de que se casar apenas porque “está na hora” é uma clara advertência de que o seu matrimônio será um fracasso.

mulher-nuvem-vermelha

Com o tempo compreendi que apenas quem é capaz de amá-lo com os seus defeitos, sem querer mudar nada, pode lhe dar toda a felicidade que você deseja. Com o tempo você se dá conta de que se está ao lado de uma pessoa só para não se sentir sozinho, irremediavelmente acabará desejando não voltar a vê-la.

Com o tempo você percebe que os amigos verdadeiros valem muito mais que qualquer quantidade de dinheiro. Com o tempo entendi que os verdadeiros amigos se contam nos dedos das mãos, e que quem não luta pela amizade, mais cedo ou mais tarde irá ficar rodeado de amizades falsas.

Com o tempo aprendi que as palavras proferidas em um momento de fúria podem continuar angustiando para toda a vida a pessoa que magoamos. Com o tempo aprendi que qualquer um consegue desculpar, mas perdoar está apenas ao alcance das almas grandiosas… 

Com o tempo compreendi que se magoamos severamente um amigo, provavelmente a amizade jamais voltará a ser igual. Com o tempo você percebe que ainda que seja feliz com os amigos que tem, um dia irá chorar por aqueles que deixou fugir. 

maos-com-flor

Com o tempo você percebe que cada experiência vivida com cada pessoa é única. Com o tempo você constata que aquele que humilha ou deprecia um ser humano, mais cedo ou mais tarde irá sofrer as mesmas humilhações ou depreciações multiplicadas ao quadrado.

Com o tempo você aprende a traçar todos os seus caminhos para hoje, pois o amanhã é muito incerto para fazer planos. Com o tempo compreendi que apressar as coisas ou forçá-las a acontecer irá fazer com que no final não seja aquilo que esperávamos. 

Com o tempo você percebe que na realidade o melhor não é o futuro, mas sim o momento que estava vivendo precisamente naquele instante. Com o tempo você verá que ainda que seja feliz com aqueles que estão ao seu lado, um dia irá sentir uma nostalgia tremenda em relação a aqueles que já estiveram consigo, mas que agora já não estão mais. 

Com o tempo aprendi que tentar perdoar ou pedir perdão, dizer que ama, dizer que sente falta, dizer que precisa, dizer que quer ser amigo… em frente a uma sepultura… já não tem nenhum sentido…

Mas infelizmente… só percebemos isto com o tempo.

rosto-mulher

Adiamos a nossa vida para uma época melhor, onde o dia tenha mais horas, ou para quando seja possível cumprir os nossos objetivos. E com isto esquecemos que o nosso relógio não conhece o mundo que vai além das 24 horas que ele consegue marcar e que a opção que temos atualmente é a de lutar pelos nossos sonhos.

Nos esquecemos que viver é entender que o tempo passa sem rodeios e que ele nos dá a opção de apreciar as pequenas coisas que o fato de nos amarmos de verdade nos oferece. Viver consiste precisamente nisto, em saber reconhecer e apreciar os caminhos que nos dão pistas para compreender que a nossa alma gêmea está dentro de nós próprios, e que não faz muito sentido procurar lá fora a coisa mais importante que a vida nos dá.

Recomendados para você