7 conselhos para conseguir encarar tempos difíceis

7 conselhos para encarar tempos difíceis

22, dezembro 2016 em Emoções 1192 Compartilhados
7 conselhos para encarar tempos difíceis

Os conselhos úteis são um presente valioso, que adquire seu valor máximo em tempos difíceis. Quem já não passou por um desses episódios em que a saída estão tão escondida que parece não existir? Em situações assim é inevitável acabarmos nos alimentando de um pessimismo cada vez mais intrometido. Nesses momentos, um bom conselho pode fazer a diferença.

“Toda dificuldade evitada se transformará mais tarde em um fantasma que perturbará o nosso próprio repouso.”
–-Frédéric Chopin–-

Por mais inteligente e aberto que você seja, sempre haverá algum ponto no caminho onde você não saberá por onde seguir. Justamente para encontrar um pouco de luz nestes momentos obscuros, existem 7 conselhos que poderão ajudá-lo.

1. Diante de tempos difíceis:  aceite-os e não crie resistência

Costumamos pensar que se as coisas não acontecem como desejamos, é porque está tudo errado. É difícil aceitar a realidade tal como ela é e conciliá-la com nossas expectativas. Este comportamento, no fim das contas, nos traz sofrimento.

homem-com-mar-nos-cabelos
Os momentos difíceis vêm porque é preciso que assim seja. A saída não está em tentar escapar deles, mas justamente no contrário:  aceitá-los. Com os tempos difíceis também vêm os novos aprendizados, tanto externos quanto internos; são momentos perfeitos para evoluir. Quanto mais você resistir em aceitar as dificuldades, mais longe você estará de solucioná-las.

2. Não se renda, nem se comporte como vítima

A tentação de se colocar no papel de vítima sempre está presente, a cada instante. É uma atitude muito humana, mas ao mesmo tempo muito nociva. De que serve se compadecer de si mesmo, se no fim das contas a única coisa que você consegue é distanciar o momento em que você terá que assumir novamente a responsabilidade pelo que acontece na sua vida?

Em tudo que nos acontece temos uma parcela de responsabilidade. Nenhum problema cai do céu porque sim. Alguma coisa fizemos, ou deixamos de fazer para chegar a essa situação. Colocar-se como vítima é uma forma de potencializar a impotência, de persistir na mensagem de que nada podemos fazer para que aquilo não aconteça novamente.

3. Olhe para dentro de si

Quando estamos cheios de problemas, é comum colocarmos o nosso olhar para fora. Procuramos agir sobre o exterior, com a ilusão ou a intenção de mudá-lo e assim sair das dificuldades. Contudo, esta atitude é pouco produtiva, principalmente porque a realidade é feita de muitas variáveis que fogem ao nosso próprio controle.

Em tempos difíceis precisamos, principalmente, olhar para o nosso interior. Somos nós que precisamos mudar, já que isto irá refletir, cedo ou tarde, uma mudança das circunstâncias externas.

4. Agradeça ao universo e a vida

Esta é uma chave maravilhosa para lidar com qualquer momento de tristeza ou de abatimento. Simplesmente feche os olhos, respire fundo e diga “Obrigado”. Confie na profunda sabedoria da vida. Se você está passando por uma circunstância difícil, é porque você precisa disso.

mulher-com-aguia-na-cabeca
Este pequeno ritual tem efeitos quase mágicos. Só de agradecer em voz alta, imediatamente você se posiciona em um estado emocional diferente. Não importa se em princípio essa gratidão não nasce do seu coração; você verá que, com o tempo, esse “Obrigado” irá se encher de conteúdo.

5. Lembre-se de que tudo muda

Lembre-se dessas sábias palavras que podem ser aplicadas a qualquer situação: “Isto também vai passar”. Tudo no universo é dinâmico e está em constante mudança. Quando passamos por uma situação difícil, ou muito feliz, costumamos pensar que ela durará para sempre. Mas isso não é assim.

Às vezes, você simplesmente precisa esperar um pouco e deixar que as coisas voltem para o seu lugar. Pensando em paralelo e dedicando-se a outras atividades, começarão a emergir as soluções e as respostas. Outras vezes será preciso agir, e então deixar que as suas ações colham seus próprios frutos. Confie.

6. Procure uma nova perspectiva

Diante de uma dificuldade, você pode adotar diferentes perspectivas. Você pode encará-la como uma catástrofe, apenas comparável a um tsunami. Pode encará-la como um obstáculo que é preciso evitar, como uma barreira que precisa transpor, ou como uma prova de quão dura a vida é.

mulher-com-passarinhos
Mas você também pode escolher ver nessa dificuldade um desafio para o seu crescimento, uma oportunidade para aprender mais sobre si mesmo ou para desenvolver a sua paciência. Você é o autor dos seus próprios pensamentos e do seu jeito de olhar o mundo. Depende de você como você quer se posicionar diante de um problema ou vários.

7. Aceite que tudo é possível

Em tempos difíceis o pessimismo parece ter um convite preferencial. A gente inclusive chega a pensar que manter viva uma esperança pode ser a fonte de novas desilusões. É importante pensar na diferença entre esperar o melhor e criar uma expectativa. A primeira leva você a se abrir à possibilidade de que possam acontecer eventos a seu favor. A segunda alimenta uma fantasia obsessiva, sem fundamentos reais.

Nunca se esqueça de que todos os dias acontecem milagres. Nem de que você é um ser humano capaz de superar todo tipo de adversidade. Você também leva dentro de si a possibilidade de criar o inesperado. Às vezes, são essas grandes dificuldades da vida que nos levam a nos erguermos acima de nós mesmos e nos mostram que podemos continuar crescendo a qualquer idade.

Recomendados para você