O que é uma árvore de valores na educação infantil?

junho 21, 2020
Educar em valores é essencial na educação infantil. No entanto, quais recursos temos para fazer isso? Hoje vamos falar sobre a árvore de valores, uma ferramenta muito útil, divertida e educativa.

Uma educação em valores é essencial desde a mais tenra idade. Por esse motivo, não devemos prestar atenção apenas ao desenvolvimento da linguagem na educação infantil. É preciso incentivar a autonomia, desenvolver as habilidades de comunicação e as capacidades afetivas, os padrões de convivência… Tudo isso pode ser adquirido e trabalhado com recursos agradáveis ​​e divertidos. A árvore de valores é um deles.

Quando falamos de educação infantil, estamos nos referindo às crianças com idades entre zero e seis anos. Essa faixa etária é ideal para trabalhar com a árvore de valores.

Graças a esta ferramenta, elas serão capazes de entender o significado dos valores, para que servem e quais são importantes para elas. Trata-se de uma atividade que deve estar presente em todas as salas de aula infantis.

A árvore de valores na educação infantil

As 3 partes da árvore de valores

Embora você possa trabalhar com a árvore de valores de várias maneiras diferentes, há três partes distintas que devem ser seguidas para que este recurso tenha a utilidade que você está buscando.

O importante é que, durante a elaboração dessa árvore, todas as crianças participem colaborativamente. Assim, além de trabalhar com os valores, o aprendizado cooperativo também estará sendo trabalhado.

1. Apresentação de comportamentos e valores

Em primeiro lugar, para criar a árvore de valores é preciso fazer uma apresentação de diferentes comportamentos e valores. As crianças, a princípio, não sabem o que é criatividade, honestidade ou empatia

Embora existam alguns valores com os quais estão familiarizadas, como amizade ou respeito, é normal que a grande maioria não os conheça – embora possa praticá-los. Portanto, eles devem ser apresentados.

Uma boa maneira de fazer isso é colocar exemplos de valores na árvore. Como as crianças adoram histórias, podemos adaptá-las para apresentar um determinado valor. Além disso, um curta-metragem pode ser usado se esse valor for algo difícil de entender. O curta Porco Espinho pode ser uma opção para apresentar valores às crianças, por exemplo.

2. Identifique os valores por trás dos comportamentos

Agora que as crianças já tiveram um primeiro contato com os valores, especialmente com aqueles que eram novos para elas, é o momento de identificá-los através de diferentes comportamentos.

Para isso, também é possível usar histórias ou curtas-metragens. Para tornar a atividade mais divertida, as crianças podem formar grupos.

Também é possível usar imagens para que as crianças identifiquem os valores. Cada imagem se refere a um deles, para que depois elas possam identificar todos os valores que puderem. Por fim, a história pode ser um dos últimos exercícios, pois elas terão que prestar muita atenção e, dessa forma, trabalhar a sua compreensão

3. Construção da árvore de valores

Depois que as duas etapas anteriores forem concluídas, é hora de criar a árvore de valores. Para isso, todos os grupos devem colocar sobre a mesa todos os valores que identificaram nas imagens, no curta ou na história, dependendo da atividade que foi realizada.

As crianças têm a tarefa de classificar os valores de acordo com a sua importância. Isso é interessante porque será necessário negociar e dialogar, pois cada criança terá uma visão diferente. Os de maior relevância serão colocados nos galhos superiores da árvore, e aqueles que elas considerarem que têm menos valor serão colocados na parte inferior.

Essa atividade pode ajudar os grupos a dialogarem entre si e a justificarem por que certos valores são de grande importância para alguns e menos importantes para outros. É um exercício muito interessante no qual outros tipos de valores podem ser desenvolvidos, como a tolerância, por exemplo.

Professora com alunos

A árvore de valores é uma atividade completa

Podemos concluir que a árvore de valores é uma atividade bastante completa. Além disso, ela admite muitas variações. Pode ser feita em grupo, mas também individualmente. No entanto, não é recomendável escolher esta segunda opção sem trabalhar com a árvore de valores anteriormente, pois é um exercício que pode ser muito complicado no início.

O interessante é que, embora a árvore de valores seja uma ferramenta muito útil na educação infantil, os pais também podem brincar com ela em casa, se assim desejarem. Um entretenimento com o qual os pequenos começarão a entender que os comportamentos representam valores e princípios, e que muitas vezes não estamos conscientes das suas consequências.

  • Ferrer Pérez, C. (2019). La literatura infantil como instrumento para educar en valores.
  • Gómez Escudero, C. (2020). Enseñanza de valores mediante cuentos en Educación Infantil.
  • Pradas-Rojano, D. (2019). La Navidad como propuesta didáctica para educar en valores en Educación Infantil.