As 9 fobias sexuais mais frequentes

· agosto 16, 2015

“Conte-nos as suas fobias e lhe diremos o que é o medo

(Robert Benchley)

Ainda que nos pareça estranho, as fobias sexuais existem e são mais comuns do que parecem. Por que desconhecemos essas informações? Por que as pessoas escondem este tipo de fobia? Talvez seja por vergonha, timidez e assim por diante.

Existem muitas fobias, mas neste artigo iremos falar sobre nove delas que são muito comuns e também desconhecidas.

1- Vaginismo

O vaginismo é a fobia sexual mais conhecida; é um problema inconsciente que dificulta as relações sexuais. A mulher que sofre de vaginismo contrai involuntariamente os músculos da vagina, dificultando a penetração.

as fobias sexuais mais comuns

Essa fobia pode chegar a um grau tão elevado que a mulher não consegue utilizar absorventes internos e nem se consultar com o ginecologista, o que é muito necessário e recomendado.

2- Gimnofobia

Este tipo de fobia é muito grave. Desde criança nos incutem a vergonha da nudez e isso é muito difícil de superar. Se além da vergonha da nudez, a pessoa tiver algum complexo por não ter um corpo perfeito, as coisas se complicam.

As mulheres e os homens que sofrem de gimnofobia idealizam um corpo perfeito que só existe na ficção e isso causa um bloqueio no momento de intimidade com seu parceiro.

3-Genofobia

É o medo do sexo em geral. Nos momentos em que um encontro sexual deveria ser agradável e erótico, as pessoas se bloqueiam. É uma rejeição extrema que poderia até ser chamada de repulsa.

4- Eretofobia

Medo de falar sobre sexo? Sim, existe. Muitas pessoas evitam falar sobre sexo, porque ainda hoje o sexo é considerado um tabu.

as fobias sexuais mais comuns

Essa fobia não é só vergonha, mas pânico de abordar estas questões ou estar presente onde se está falando sobre isso.

5- Falofobia

Como o próprio nome sugere, essa fobia é o medo do pênis. Tanto os homens como as mulheres podem ter essa fobia. No caso dos homens, a fobia é ter uma ereção e no caso das mulheres é tocar ou ver o pênis de um homem. Dependendo do grau da fobia, ela pode impossibilitar o ato sexual.

6- Medomalacufobia

É a fobia à possibilidade de ser incapaz de manter uma ereção. Os homens são muito cobrados em relação a duração e qualidade da ereção.

Diante desse estresse, muitos homens preferem não ter qualquer contato sexual, para evitar uma possível perda da ereção.

7- Agrafobia

Esta fobia se manifesta nas pessoas que sofreram ou presenciaram abusos sexuais. Ela pode aparecer em qualquer idade e se caracteriza pelo temor de ser vítima de abuso sexual.

as fobias sexuais mais comuns

As pessoas que sofrem dessa fobia não conseguem manter uma intimidade saudável com seus parceiros; qualquer contato sexual parece uma violação.

8- Venustrafobia

Venustrafobia é o medo de mulheres bonitas. Não podemos encontrar uma explicação real para isso, mas talvez seja porque muitas vezes, acreditamos que não somos dignos de tanta beleza. E agora? O que faço com uma mulher tão bonita?

Idealizamos tanto a beleza que isso nos impede de ter um relacionamento saudável com ela. O estresse de “nunca estar à altura” fica na nossa mente.

9- Androfobia

Semelhante a fobia anterior, esta se apresenta como o medo dos homens, medo do sexo masculino em geral. Não tem nada a ver com a beleza, normalmente é o resultado de algum evento traumático em uma idade precoce, quando algum homem tenha sido a causa desse trauma.

Muitas pessoas possuem algum tipo de fobia sexual. São normais e você pode encontrar a solução. Não hesite em procurar ajuda e encontre um especialista que possa ajudá-lo a encontrar a origem dos seus medos. Não desista de ter uma vida sexual satisfatória e gratificante!