Cinco ideias para transformar os conflitos em oportunidades

Cinco ideias para transformar os conflitos em oportunidades

22, maio 2015 em Emoções 1 Compartilhados
conflitos

É normal que surjam conflitos entre duas pessoas que mantêm uma boa relação, seja ela em família, de amizade ou em um casal. Entretanto, aprender a lidar com o conflito ao invés de evitá-lo é fundamental para atingir o progresso e a maturidade dessas relações.

Um conflito mal administrado pode causar um enorme dano. No entanto, quando lida-se corretamente com ele, de maneira respeitosa e positiva, ele se torna uma oportunidade para fortalecer o vínculo entre as pessoas. Por isso, aprender habilidades para a resolução de conflitos faz com que as relações pessoais e profissionais sejam fortes e melhorem com o tempo.

O conflito surge a partir das diferenças e é produzido quando as pessoas não estão de acordo sobre seus valores, motivações, percepções, ideias ou desejos.

As necessidades de ambas as partes têm um papel importantíssimo no êxito das relações, e cada uma merece respeito e consideração. Nas relações pessoais, a falta de compreensão sobre a diversidade das necessidades de cada um pode provocar distanciamento, discussões ou términos.

No entanto, quando as pessoas conseguem reconhecer a legitimidade das necessidades em conflito e estão dispostas a examiná-las com uma atitude compreensiva, abrem-se caminhos para a solução criativa dos problemas e para a melhoria das relações.

Um conflito é uma oportunidade

Um conflito é sempre algo mais, além de um desacordo. Trata-se de uma situação na qual uma ou ambas as partes percebem uma ameaça. Essas ameaças fazem com que nosso bem estar seja afetado; por isso, elas permanecem ao nosso lado até que decidamos enfrentá-las para tentar resolvê-las. Assim, não adianta nada ignorar o conflito, já que, longe de desaparecer, ele cresce por conta da incerteza.

Nossas percepções são influenciadas por nossas experiências de vida e nossa cultura, e também por nossos valores e crenças. Normalmente, respondemos aos conflitos tomando como base as percepções que temos das situações, e não necessariamente agimos a partir de uma revisão objetiva dos fatos.

Por outro lado, os conflitos provocam fortes emoções e, caso não sejamos capazes de nos sentir confortáveis com elas, ou se não formos capazes de lidar com o estresse, será muito difícil poder resolvê-los com êxito.

No entanto, os conflitos são uma oportunidade de crescimento, já que, quando somos capazes de superá-los, aumenta a nossa confiança na relação. Isto deve-se à segurança provocada por saber que essa relação pode sobreviver a desacordos e a diferentes desafios que podem vir a aparecer.

Como lidar com os conflitos de maneira saudável

1. Você deve ser capaz de reconhecer e responder o que importa para a outra pessoa, em vez de ficar obcecado em não reconhecer e ignorar situações que possam ser relevantes.

2. Reaja com calma e de forma respeitosa, sem estar na defensiva, em vez de reagir de forma explosiva e se mostrar irritado, ressentido e com uma atitude que irá ferir a outra pessoa.

3. Mostre-se disposto a perdoar e a esquecer, para deixar o conflito para trás sem ressentimentos. Não tente mostrar ao outro que você não liga para o problema e não tem medo de rejeição, fazendo-o se sentir isolado e humilhado. Se fizer isso, você pode até provocar o medo do abandono na outra pessoa.

4. Tente se colocar no lugar do outro e busque o compromisso de que ele faça o mesmo com você. Evite o castigo e os ataques verbais.

5. Enfrente o conflito em vez de evitá-lo por medo de obter resultados não muito animadores.

Recomendados para você