6 dicas de como fazer networking

18 Maio, 2020
Fazer networking é algo essencial para conseguir um emprego ou melhorar sua condição de trabalho atual. É sempre melhor chegar a tempo do que ser convidado. Aqui vão algumas dicas para gerir seus contatos adequadamente.
 

Você saber como fazer networking? É muito importante saber gerir seus contatos para conseguir um emprego ou mesmo para melhorar sua condição profissional atual. De uma forma ou de outra, todos fazemos networking. No entanto, realizamos essa gestão de modo espontâneo e casual, e é por isso mesmo que muitas vezes ela não surte o efeito desejado.

Para fazer networking adequadamente, é importante criar um modelo de gestão de contatos que seja coerente e funcional. Não é algo complexo; implica, na verdade, conhecimentos de senso comum, muita capacidade de organização e pensamento estratégico.

Ainda não chegamos em um ponto no qual a meritocracia realmente ocorre plenamente. Muitos dos cargos e das oportunidades que circulam por aí são preenchidos no boca a boca. Você pode chegar a essas oportunidades fazendo networking. Por isso essa atividade é algo tão importante. Estas são seis estratégias que irão ajudá-lo a ser mais eficiente nesse terreno.

“Fazer negócios sem marketing é como piscar para uma garota no escuro. Você sabe o que você está fazendo, mas ninguém mais sabe”.
-Stwart H. Britt-

Conselhos úteis a respeito de como fazer networking

1. Tenha objetivos profissionais claros

Para fazer networking da forma adequada, é necessário que você tenha muito claro quais são os seus objetivos profissionais. A partir daí, você poderá definir a sua estratégia. Trata-se de ser o mais preciso e específico possível na definição dos seus propósitos.

 

Evite generalidades. Seu objetivo não é simplesmente conseguir um emprego ou crescer na sua profissão. Coloque sobrenome nesses nomes. Por exemplo, não diga simplesmente “quero conseguir um emprego”. Descreva as principais características do trabalho que você quer alcançar. Isso vai deixar o panorama bem mais claro.

Garota estudando

2. Desenvolva uma marca pessoal

Tanto para seu desempenho profissional quanto para fazer networking, é importante criar e implementar uma marca pessoal. Isso pode ser traduzido em fazer uma apresentação de si mesmo, enfatizando suas particularidades. O que te faz diferente dos demais.

A pergunta é: como você quer ser percebido no seu ambiente profissional? Obviamente, todos nós queremos que nos vejam como os melhores. Mas temos que ir um pouco além e detalhar o que nos torna especialmente fortes em algum aspecto. Isso deve ser refletido em todos os elementos de imagem que formos usar.

3. Crie seus elementos de apresentação

É melhor que você tenha um perfil pessoal e outro profissional nas suas redes sociais. Seu perfil profissional deve estar de acordo com a sua marca pessoal e deve potencializá-la. Comece pela foto. Não use fotos de qualidade ruim ou muito casuais com os seus contatos profissionais. Deixe que vejam o lado que você quer que eles vejam.

 

É aconselhável ter cartões pessoais que incluam sua foto e seus dados básicos. Leve-os sempre com você e entregue sempre que puder. Também é conveniente ter um CV impecável e muito profissional. Mantenha-o atualizado com seus dados em plataformas como LinkedIn e similares.

4. Fazer networking envolve ter contato

É importante juntar todos os contatos profissionais que for possível, de acordo com os objetivos que você tiver em mente. Nenhum contato é ruim, você nunca sabe qual será o dia de amanhã e qual deles poderá ser uma ajuda valiosa. Se você for advogado, tente criar um vínculo com todos os advogados e juristas com quem você entrar em contato.

Também é muito importante buscar os grupos relacionados com a sua profissão. Há muitos grupos ou fóruns que reúnem as pessoas da mesma especialidade. Também há uma infinidade de grupos privados nos quais pode ser muito positivo entrar. Crie vínculos com todos eles. Estes costumam ser espaços nos quais é possível conseguir informações importantes que não estão em nenhum outro lugar.

Pessoas fazendo networking

5. Não perca o contato

De tempos em tempos, envie uma mensagem para os contatos que considera estratégicos. Tente não ser invasivo ou insistente. Basta que envie uma mensagem curta de cumprimento, compartilhando algum conteúdo ou fazendo uma pergunta específica. Isso irá manter o foco atencional dos seus contatos. Não se esqueça de parabenizá-los toda vez que obtiverem uma conquista profissional.

 

Além disso, não deixe passar nem uma semana sem participar de um desses grupos, fóruns ou reuniões nos quais você se envolveu. Deixe que vejam que você está lá. A participação age como um alerta de atenção para os outros e reforça a sua marca pessoal.

6. Revise e reavalie

É conveniente que você faça uma revisão periódica de si e da sua rede. Ajuste os pontos obscuros na sua marca pessoal, atualize e melhore o que pode ser melhorado em seu perfil, mude o design dos seus cartões pessoais, etc. Isso cria uma imagem de profissionalismo.

Do mesmo modo, procure novos contatos, novos grupos, novas ferramentas no setor do seu interesse, etc. Faça-se presente nas conferências, seminários e outros eventos que são realizados no contexto da sua profissão. Você nunca sabe onde pode obter espaço e, além disso, esses eventos também trazem informações e conhecimento.

Fazer networking sempre vale a pena. Não espere que sua gestão de contatos traga frutos imediatos, ainda que às vezes isso aconteça. O importante é que você crie uma rede ao seu redor e que abra o caminho para novas trocas.

 

Alastruey, R. (2010). El networking:(edición actualizada) (Vol. 33). Editorial Uoc.