7 dicas para melhorar as relações pessoais - A Mente é Maravilhosa

7 dicas para melhorar as relações pessoais

setembro 22, 2017 em Psicologia 0 Compartilhados
Dicas para melhorar as relações pessoais

Os relacionamentos que mantemos com os outros muitas vezes não são fáceis, o que faz com que uma grande quantidade de pessoas busque dicas para melhorar as relações pessoais.

Algumas pessoas não conseguem interagir adequadamente com os outros por causa da timidez. Outros, por outro lado, trazem a marca do conflito na sua história, talvez por um ambiente familiar onde não existiam boas relações. Isso faz com que nasçam e permaneçam em polêmicas que não levam a nada ou olhem para os outros com desconfiança e apreensão.

Não nascemos com a habilidade ou a incapacidade de estabelecer boas relações pessoais. É verdade que existem algumas predisposições genéticas que o tornam mais ou menos extrovertido, mais ou menos sociável. No entanto, isso não é determinante. Basicamente, interagir adequadamente com os outros é um aprendizado. Isso requer o desenvolvimento de algumas habilidades que estão ao alcance de todos.

Há também alguns truques que facilitam essa aprendizagem. São pequenas dicas para melhorar as relações pessoais, muito fáceis de aplicar e eficazes no seu propósito. Neste artigo, falaremos sobre isso.

Dicas para melhorar as relações pessoais

1- Treinar a capacidade de ouvir

A atividade de ouvir não se limita, ou não deveria se limitar, ao silêncio enquanto o outro fala. Vai mais longe: significa colocar a nossa atenção no conteúdo e na forma da mensagem que o outro está tentando nos transmitir. Não se trata de ficar quieto, mas de percorrer parte do caminho para ir ao encontro do que o outro diz, sugere ou insinua. Tampouco é uma questão de amordaçar o nosso diálogo interior, mas de interpretar o que o outro está nos dizendo.

Para desenvolver a capacidade de ouvir, não há nada melhor do que ouvir. Mas, como? Tente ficar em silêncio, apenas tentando captar o que lhe dizem. No começo, você terá que fazer um esforço consciente para que sua atenção não escape; no entanto, uma vez que você ganha experiência, a tentação de dispersar os pensamentos não será tão grande.

“O ingrediente mais importante na fórmula de sucesso é saber como lidar com as pessoas”.
– Theodore Roosevelt –

Dicas para melhorar suas relações pessoais

2- Pratique a empatia

A escuta ativa e a empatia andam de mãos dadas. Focar a nossa atenção na mensagem que estão tentando nos transmitir abre uma possibilidade, a de entendê-la a partir do contexto do outro e não do nosso. Isso é empatia: ser capaz de colocar-se na pele dos outros, entendendo o processo que os faz pensar como pensam e agir como agem.

A empatia requer uma atitude aberta e não uma atitude crítica. Cada um é como é e faz o que faz por razões que, muitas vezes, não entendemos. Com que direito podemos questioná-los? Nesse sentido, perdemos muito quando não conseguimos estabelecer uma empatia. Perdemos aprendizados, experiências e a oportunidade de melhorar nossos relacionamentos pessoais.

3- Confie no que você faz e diz

Uma atitude confiante gera confiança nos outros. Quando alguém é hesitante ou inseguro, cria uma resposta defensiva naqueles que estão ao seu lado. Não é tão difícil praticar a confiança. Dê uma oportunidade a si mesmo, sem esquecer que, dentro de você, já existe aquela pessoa que você quer ser.

Mulher pensando em suas relações pessoais

O medo é uma das emoções que mais dificultam a comunicação e, em certos contextos, um obstáculo para as relações pessoais. Em muitas ocasiões, afastar-se da sua influência requer apenas um pouco de treinamento. Não deixe que na sua comunicação com o outro predominem as pausas e busque mais conversa do que discurso ou o monólogo.

Você não precisa ser alguém falante, espirituoso ou engraçado. Você simplesmente precisa se comunicar com naturalidade. Nesse sentido, um discurso excessivamente calculado pode ser interpretado pelas pessoas que o escutam como uma tentativa da sua parte de esconder algo… quando a única coisa que você tenta ocultar é que tem medo de se mostrar como realmente é. Por quê?

4- Sorria, sorria sempre

Dizer que um sorriso abre muitas portas é uma frase feita, um lugar comum. Mas na verdade, um sorriso quebra as barreiras, cria um clima agradável e ajuda a reduzir as tensões. Além disso, é grátis.

Como motivação, pense que o sorriso é um sinal de paz e aceitação: um gesto amável que alinha como ninguém uma boa comunicação. É um gesto que quebra o gelo e demonstra confiança. Nada melhor para criar novas relações pessoais do que começar cada novo encontro com um sorriso. Nesse sentido, foi comprovado em várias pesquisas que as pessoas sentem mais confiança para se aproximar de alguém que sorri do que alguém que não o faz.

5 -As boas maneiras

As boas maneiras nunca sairão de moda ou deixarão de ser as principais chaves que abrem todas as portas. Além disso, com a prática, ganharão naturalidade, deixando de dar essa impressão de artificialidade que alguns entendem como falsidade, em vez de respeito e consideração.

Mulheres idênticas

É claro que existem muitas regras de cortesia que não são mais do que enfeites. Outras, no entanto, são fundamentais e não devem ser ignoradas. Por exemplo, o bom hábito de cumprimentar e se despedir, agradecer, não interromper quando o outro fala, permitir que o outro passe primeiro… Pequenos gestos que mostram a sua boa vontade para se entender com os outros.

A este respeito, vale a pena ressaltar a importância de uma das boas maneiras que se perdeu com o tempo. Tem a ver com o celular. A menos que você esteja esperando uma chamada urgente, é melhor deixá-lo longe do seu campo de visão e ação imediata. Certamente, você não perderá nada tão importante se deixar o telefone de lado por um tempo; pelo contrário, você pode ganhar muito.

6- Aprenda a controlar a raiva

Controlar a raiva é como gerenciar qualquer outra emoção, também é algo que podemos aprender. Existe uma regra de ouro que pode nos ajudar nos momentos de raiva. Se você está chateado, no primeiro momento você só precisa fazer três coisas: não dizer nada, não fazer nada e ficar quieto. É bem simples. Dificilmente a raiva facilitará a resolução do conflito.

Aqui, como em outros casos, é apenas uma questão de treinamento. Essa atitude é aprendida pela repetição. Você só precisa esperar a energia que carrega a emoção se dispersar para transmitir a mensagem desejada, na forma e modo que seja melhor para você e para o relacionamento. Ao mesmo tempo, transmitirá uma mensagem de autocontrole e mostrará respeito por si mesmo e pelo outro.

As relações pessoais se deterioram, na maioria das vezes, por uma má gestão da raiva. Quando ela se apodera de nós, mostramos a nossa pior face. Podemos ser muito cruéis, especialmente com as pessoas que amamos, porque conhecemos os seus pontos fracos, onde mais dói.

Relações pessoais entre amigos

7- Tudo (ou a maior parte) está nos detalhes

Há uma série de atitudes ou pequenos detalhes que aumentam significativamente a qualidade das relações pessoais. São gestos simples que falam da generosidade e da boa disposição para com os outros. É uma boa ideia incorporá-los na sua maneira natural de ser. Alguns desses gestos são:

  • Elogie os outros sinceramente. Nesse sentido, não temos o hábito de compartilhar o bem que pensamos dos outros… falar é sempre uma fonte de satisfação.
  • Chame as pessoas pelo nome.
  • A importância de um problema é decidido pela pessoa afetada.
  • Durante uma polêmica, diga ao outro que você valoriza o seu ponto de vista e que quer entendê-lo.
  • Mostre o seu interesse pelo que o outro pensa ou sente.
  • Não tente mudar a forma de pensar de ninguém.

As boas relações pessoais são o resultado de um esforço contínuo. Embora algumas pessoas cheguem neste mundo melhor equipadas para interagir facilmente com os outros, todos nós temos algo a aprender. Isto é particularmente verdadeiro quando já tivemos uma longa história de dificuldades para nos comunicarmos e a nossa lista de conflitos é muito grande.

Se você seguir estas dicas para melhorar as relações pessoais e conseguir aumentar a qualidade dos seus relacionamentos, a sua vida toda será enriquecida. Isso, por sua vez, aumentará a confiança em você mesmo e o seu sentimento de bem-estar geral. Quando as interações com os outros são construtivas, nos sentimos mais motivados e felizes.

Recomendados para você