Por que escrever um diário traz bem-estar

Por que escrever um diário traz bem-estar

31, maio 2016 em Psicologia 474 Compartilhados
Escrever um diário

Quando você caminha pela rua diariamente ou viaja dentro do metrô de uma grande cidade, basta olhar para os rostos das pessoas para ver o estresse deslocando-se de um lado para outro sem parar. Parece que elas têm um destino para essa manhã e que nada mais importa. Assim, os sorrisos desaparecem e os corações ficam paralisados com as rotinas diárias.

Mas nem tudo tem que ser tão obscuro; você pode encontrar a luz que está dentro de você e expressá-la através da escrita. A vida é como um papel em branco, é construída à medida que avançamos, e escrever um diário vai ajudá-lo a fazer um segmento dos seus pensamentos e liberar a sua frustração de forma saudável.

Ter um diário sem se importar com a idade que você tem, além de ajudar a melhorar sua caligrafia, é uma grande ferramenta emocional para gerir suas emoções e se sentir bem com você mesmo e com o mundo que o rodeia. Mas se precisar de mais alguns motivos para se convencer do quanto isso é importante, então continue a ler este texto e depois escolha um belo caderno e uma caneta para transformá-lo no seu diário. Com certeza você vai agradecer por isso!

“Ao escrever você projeta um mundo à sua medida.”
-Jesús Fernández Santos-

O estresse será coisa do passado

Escrever um diário vai ajudá-lo a ter um bem-estar emocional equilibrado; você vai conseguir lidar com o estresse que pode sentir na sua vida e, além disso, escrever os pequenos contratempos que viver dia após dia para retirá-los da sua mente e olhar para eles a partir de outra perspectiva que te faça procurar soluções melhores.

Mulher com cabelo azul

Um diário não tem que conter apenas o que acontece com você no seu dia a dia, pode ser um lugar onde você escreve sobre as suas preocupações, esperanças ou qualquer coisa que você considere importante. Pode ser um lugar no qual você pode sempre mostrar as suas emoções. E se você sentir vontade de escrever poesia, citações, lembranças ou canções? Esse é o seu diário, e você é livre para escrever tudo o que sair do seu coração.

Vivemos em um mundo cheio de estresse, de prisões, de tecnologias que nos fazem querer tudo rápido e no mesmo instante… chegou a hora de parar, respirar fundo, fechar os olhos e nos fixarmos em nosso interior. Porque só nós somos capazes de abrir a porta para que as emoções saiam e possam ser expressadas em um papel. É preciso tranquilidade para poder conectar-se consigo mesmo.

Você vai melhorar a sua memória e vai se lembrar de tudo com mais clareza

Você pode ter um diário para anotar as coisas que queira recordar, como o telefone de alguém, algo que você tem que comprar, citações importantes que o tenham inspirado a ter um bom dia ou qualquer aspecto que ajude a equilibrar o seu bem-estar emocional.

Além disso, se você mantiver o hábito de escrever no seu diário, vai reparar como a sua mente começa a fluir com mais facilidade. Você vai se sentir mais motivado para poder escrever coisas que, de outra formam ficariam enterradas no seu coração, e que poderiam até mesmo criar raízes.

Talvez você prefira escrever uma frase que venha à cabeça depois de ter vivido uma experiência em concreto e, com o passar do tempo, possa sentir o conforto de voltar a lê-la outra vez, notando que aquele momento foi mesmo agradável. Assim, você pode ter a oportunidade, depois de reler as suas palavras, de recuperar aquele sentimento.

“Apenas a mão que apaga pode escrever a verdade.”
-Eckhart de Hochheim-

Ler para voltar à vida

Um diário vai permitir que você encontre a si mesmo

Quando o tempo passa, é sempre interessante voltar a ler o que você escreveu há algum tempo, para ver se você evoluiu, para saber se aquilo que o preocupava foi solucionado, e também para lembrar de como você agiu nos momentos mais difíceis.

Assim, nos dias emocionalmente obscuros nos quais você sente que não fez nada com a sua vida, dê uma olhada para trás lendo o seu diário e permita-se recuperar bons caminhos e passos grandes e difíceis.

E por último, mas não menos importante, escrever um diário é uma espécie de “autoterapia” que vai servir para que você encontre a si mesmo, conheça-se melhor, saiba quais são os seus sentimentos e perceba se você realmente quer continuar pensando assim ou se prefere mudar de perspectiva e melhorar o seu bem-estar emocional.

Quer escrever um diário? Vá em frente, deixe que as suas emoções ganhem vida no papel!

Texto de María Jose Roldan