Julgar a homossexualidade é um erro

Julgar a homossexualidade é um erro

16, abril 2016 em Psicologia 0 Compartilhados
Julgar a homossexualidade é um erro

A homossexualidade é um tema complicado e delicado, como podemos ver ao longo da história da nossa sociedade. Será que nós nascemos com uma determinada opção sexual ou a escolhemos com o passar do tempo? Existem muitas teorias que tentam dar uma resposta à essa pergunta: teorias biológicas, psicológicas, psicanalíticas, antropológicas, etc, e nenhuma delas encontrou a evidência chave para responder com precisão.

O que parece claro é que a homossexualidade ocorre na natureza com uma naturalidade surpreendente. Todas as espécies de animais praticam a homossexualidade.

As consequências de julgar a homossexualidade

Portanto, essa crença que diz que ser homossexual não é natural está totalmente errada. Essa crença equivocada criou um preconceito social que nos fez pensar por um longo tempo que a homossexualidade é uma aberração, algo ruim que não deveria acontecer.

mulher-chorando

Devido a essa crença, muitas pessoas com orientação sexual contrária ao que a sociedade diz que deve ser foram rejeitadas, maltratadas e até mesmo assassinadas, presas e torturadas. Tudo isso, porque algumas pessoas não seguem os padrões inventados pela sociedade, ou seja, por nós mesmos.

Mas, no que acreditamos? Quem somos nós para julgarmos o que os outros fazem?

Mudar a nossa perspectiva em relação à homossexualidade

Atualmente ainda existem pessoas que não se atrevem a “sair do armário” e se sentem reprimidas pelas ideias da nossa sociedade. Não são capazes de aceitar a si mesmos porque infelizmente acreditam na crença equivocada da qual falamos anteriormente: a homossexualidade é anormal, parece uma doença.

Quando os homossexuais não se aceitam como são, sofrem de ansiedade e depressão. Eles se veem como um “verme”, como uma pessoa que não se enquadra nos padrões sociais e mantêm um diálogo interno muito destrutivo. Por que isso aconteceu comigo? Por que não sou normal? Por que não consigo me apaixonar por alguém do sexo oposto? Com certeza eu sou um doente, um desgraçado, etc…

É preciso que todas as pessoas comecem a pensar de uma maneira adequada sobre essa questão. Os homossexuais precisam aceitar-se como são, sem medo, e os heterossexuais devem deixar os preconceitos de lado e parar de excluir e rejeitar essas pessoas pela sua orientação sexual.

Precisamos refletir sobre esse assunto, mudar nossos pensamentos irracionais por outros mais racionais em relação à homossexualidade; vamos nos sentir muito melhor.

A homossexualidade é uma qualidade

A homossexualidade não é apenas uma qualidade, mas uma característica do ser humano. Cerca de 10% dos habitantes do planeta são gays ou lésbicas e isso ocorre em todas as culturas e etnias; portanto não podemos considerá-los anormais. É como ter cabelos ruivos e olhos claros; poucas pessoas têm, mas é perfeitamente normal e natural.

casal-de-homens-de-maos-dadas

O fato da homossexualidade ser avaliada como bom ou ruim foi inventado por nós mesmos. Em outras épocas da história, ser gay era algo completamente normal; era simplesmente uma característica à qual não se dava nenhuma importância.

As coisas não são boas e nem ruins; é a sociedade que as classifica conforme lhe convém naquele momento. Diante disso, percebemos que não podemos nos identificar e aceitar essas crenças falsas.

“A homossexualidade existe em mais de 450 espécies, a homofobia somente em uma. O que você acha mais antinatural “?
Compartilhar

Nossa orientação sexual não determina o nosso valor pessoal

Ser homossexual ou heterossexual não determina o nosso valor pessoal. Ou seja, não sou um verme e nem sou um miserável por ser homossexual. Podemos comprovar isto observando todos os casos de homossexuais que são geniais em muitos aspectos da sua vida, têm uma vida plena e feliz, são bem sucedidos tanto pessoal quanto profissionalmente, e são admirados por muitas pessoas.

casal-de-maos-dadas

Como dissemos, ser homossexual é apenas uma qualidade, e as pessoas são diferentes entre si e com uma infinidade de características próprias. O que deve ficar claro é que são essas características que nos valorizam, independentemente de como a sociedade rotula os comportamentos.

É muito importante aceitar que as ideias homofóbicas vão existir, porque algumas pessoas insistem em transmitir suas ideias erradas e acreditam que estão sempre certas. Isto acontece também com o racismo, com o machismo, sempre estarão presentes, mas não podemos deixar que nos influenciem. Pessoas preconceituosas não precisam fazer parte da nossa vida; felizmente existem muitas pessoas com as quais podemos nos relacionar sem problemas.

Se você está confiante de que ser homossexual é uma simples qualidade que não determina o seu valor pessoal e acredita que pode ser muito feliz, não existe nada que possa lhe afetar ou ofender. Permaneça equilibrado mentalmente e viva feliz como você é, como você quer e como sente.

Recomendados para você