A relação entre leitura em família e compreensão leitora da criança

junho 28, 2020
A compreensão leitora das crianças também se desenvolve a partir do vínculo que elas estabelecem com a família, por isso é muito importante ensiná-las a escolher o que ler e dar sentido a essas histórias.

As crianças querem aprender. Toda a sua realidade é uma constante descoberta de um mundo novo para elas. Durante todo esse processo, os livros, letras e palavras desempenham um papel fundamental, pois atrairão toda a sua atenção. Embora a compreensão leitora ainda leve um tempo para aparecer, a leitura em família pode ser uma ferramenta maravilhosa para trabalhá-la.

Provavelmente, você já viu crianças pequenas diante de um livro inventando histórias, porque elas ainda não sabem ler. Nesses momentos, elas interpretam os desenhos e imaginam universos fabulosos, sem limites, muito além da sua capacidade criativa.

No entanto, durante esse desenvolvimento inicial, a criança aprenderá gradualmente a ler, ou seja, a interpretar os símbolos que são as letras e que, juntos, produzem palavras que têm um significado claro para ela.

Quando a criança já sabe ler, inicia outro processo que nem todos os pais levam em consideração: a compreensão leitora. Qual é o papel da família neste estágio? Como veremos a seguir, a família desempenha um papel fundamental.

Pai lendo para os filhos

A compreensão leitora da criança no ambiente familiar

As pesquisas de autores como Stevenson e Rasinski mostram que a inclusão dos pais na melhoria da fluência leitora das crianças durante os estágios iniciais do aprendizado da leitura está justificada e deve ser apoiada.

Rasinski e Stevenson estudaram os efeitos do envolvimento dos pais em um projeto de desenvolvimento da compreensão leitora, no qual envolveram familiares de alunos de primeira série durante um curso de educação primária.

Nessas análises, estudaram o progresso de crianças com várias habilidades nos níveis de leitura. Além disso, todas elas foram distribuídas aleatoriamente entre grupos experimentais e grupos de controle.

Os pais com filhos no grupo de controle realizaram tarefas de apoio. Eles receberam instruções das escolas para realizar, entre outras tarefas, leituras ocasionais, mas não sistemáticas com as crianças.

Por sua vez, as crianças do grupo experimental receberam treinamento de seus pais para melhorar a sua compreensão leitora, usando materiais expressamente recomendados pelos pesquisadores e dedicando 15 minutos por dia ao trabalho.

A importância da leitura em família

De acordo com o estudo citado, os alunos que receberam ajuda específica de seus pais durante o período do experimento obtiveram resultados positivos duas vezes maiores do que os das crianças que não receberam essa ajuda.

As crianças que foram ajudadas pelos pais mostraram uma maior habilidade no reconhecimento de palavras, uma tarefa que elas também fizeram mais rapidamente. Também demostraram um melhor entendimento e fluência nas suas leituras.

Além disso, convém destacar que as crianças que participaram da pesquisa demonstraram um grande entusiasmo pela experiência, sentindo um prazer significativo. De fato, alegaram ter aprendido a ler melhor, a entender palavras mais difíceis com mais facilidade e a aprender com cada nova leitura.

“Aprender a ler foi a coisa mais importante que me aconteceu na vida”.
– Mario Vargas Llosa –

Mãe lendo para a filha

Como a família pode colaborar

Já comprovamos a importância da família na colaboração para melhorar a compreensão leitora das crianças. Então, o que podemos fazer? Vejamos uma possível proposta de atuação.

  • O professor criará fórmulas de comunicação com a família por meio de anotações informativas, contato pessoal e reuniões periódicas que servem para aprimorar o trabalho de leitura em casa.
  • Os pais não costumam ter muito tempo livre. Por isso, é necessário que o trabalho a favor da compreensão leitora seja limitado a cerca de 10 ou 15 minutos por dia, mas de forma constante.
  • Como não são professores, os pais receberão treinamento e assistirão a várias demonstrações para estabelecer o programa de desenvolvimento da compreensão leitora de seus filhos.
  • Os pais receberão materiais específicos para trabalhar a compreensão leitora. Será o caso de poemas, livros de canções, adivinhações… tudo com o material apropriado. A melhoria será progressiva e constante.
  • É interessante realizar tarefas de leitura compartilhada que sejam simples, agradáveis ​​e curtas, para gerar interesse nas crianças.
  • O professor deve preparar folhas de registro para que pais e educadores conheçam a evolução do trabalho realizado.

Agora já sabemos que a relação entre família e compreensão leitora da criança é muito importante. Então, cabe a nós, como pais e cuidadores de nossos filhos, trabalhar na direção certa para promover o desenvolvimento ideal dos pequenos.

Rasinski, T., Stevenson, B. (2005). The Effects of Fast Start Reading: A Fluency-BasedHome Involvement Reading Program, On the Reading Achievement of Beginning Readers. Kent State University.