Quais são os países mais resilientes do mundo?

· maio 21, 2018

Uma nova pesquisa descobriu quais são os países mais resilientes do mundo. Antes de irmos para a lista, porém, vamos nos lembrar de uma frase de Anthony Robbins: Lembre-se sempre de que você é maior que suas circunstâncias, você é mais do que qualquer coisa que possa acontecer com você“.

Não importa o local em que você more ou o lugar de onde venha, você é você e todas as suas circunstâncias. Então, é claro que há certas características pessoais que se desenvolvem mais ou menos dependendo de como é seu país, sua cultura e sua sociedade. De acordo com essas diferenças, pensando na média da população, podemos classificar os países como mais ou menos resilientes.

“Aquele que tem um porquê para viver pode suportar quase qualquer coisa.”
-Friedrich Nietzsche-

O que quer dizer resiliência?

A resiliência é a capacidade de se adaptar diante de circunstâncias adversas. Ou seja, ser muito resiliente quer dizer que a pessoa terá mais facilidade para lidar com situações complexas, seja por causa do caráter da pessoa – uma característica herdada – ou por recursos que a pessoa desenvolveu ou aprendeu. Uma pessoa resiliente demonstra uma ótima capacidade de gerir o estresse. Costuma também demonstrar uma elevada autoestima e uma forte capacidade para não se frustrar, superando rapidamente situações similares.

A resiliência é muito positiva, já que permite que o indivíduo utilize sua história de experiências negativas como um aprendizado. Superar uma experiência complexa implica criar um conhecimento desse tipo de experiência. Qualquer dificuldade, então, será sempre proveitosa.

Flor nascendo no asfalto

O estudo sobre os países mais resilientes

A pesquisa teve como referência o Índice Global de Resiliência FM, um índice formado pela avaliação de nove fatores que se agrupam em três categorias. Eles determinam a capacidade de recuperação dos habitantes de um país diante de uma crise. As perguntas têm relação com algumas questões como o risco do país ao sofrimento de catástrofes naturais, a infraestrutura da nação e a sua estabilidade política, os valores do povo e os níveis de corrupção.

No teste, as pessoas respondem a questões sobre seu comportamento diante de mudanças. Ou seja, os elementos estudados são as atitudes diante de determinadas situações críticas, altos e baixos emocionais, a capacidade para confiar em outras pessoas, sua tolerância a críticas, capacidade de superação, etc.

Conheça os países mais resilientes do mundo

Temos que lembrar que esse teste para obter o índice é realizado a partir de conceitos empresariais, mas mostra muito das pessoas de um país. Isso porque uma companhia internacional pode saber muito pesquisando como são os habitantes de uma nação, e a partir dessa pesquisa decidir se fará negócios naquele país ou não.

Suíça

Finalmente, chegamos ao momento de falar do país mais resiliente do mundo. Segundo os resultados da pesquisa esse país é  Suíça. Ela tem níveis muito elevados de confiança em sua economia, poucos riscos em relação a catástrofes naturais e uma boa distribuição da produção.

Segundo o resultado, a Suíça é também muito pontual, tanto em relação a pessoas quanto serviços, a exemplo de seus trens e transportes públicos. Além disso, demonstra uma grande força diante de crises internacionais.

Suíça

Noruega

Em segundo lugar está a Noruega. Esse pais nórdico demonstra que, apesar de não ter um nível tão alto quando falamos de assuntos econômicos e de produção como a Suíça, há outros pontos importantes como uma enorme confiança e tranquilidade na reação diante de fenômenos naturais adversos. Isso dá a esse país a segunda posição no pódio.

Irlanda

Em terceiro lugar encontramos a surpreendente Irlanda. Nesse caso, seus habitantes demonstram uma grande capacidade de reação diante de riscos naturais, não tendo uma nota tão alta em assuntos como produção e economia. A capacidade já é o suficiente para colocá-los no terceiro lugar do pódio.

Irlanda

Outros dados de interesse

Os dez países mais resilientes do mundo ainda têm em sua lista Alemanha, Luxemburgo, Holanda, Estados Unidos, Austrália e Dinamarca. Talvez você esteja se perguntando onde está o Brasil. Nossa posição é um pouco mais baixa devido aos altos índices e percepção de corrupção dos habitantes, mas há mais de 100 países nessa lista.

Ao todo são 130 países e quem está pior colocado nesse estudo é a Venezuela. Lá, a suscetibilidade a fenômenos naturais e o alto grau de corrupção foram os responsáveis por deixá-los em último lugar, superando até mesmo países como Cazaquistão e República Dominicana, os outros países mais mal colocados no ranking.

É possível encontrar muitos países na lista, e observamos que essa ordem é determinada por índices de mercado e de negócios, classificando assim os países mais resilientes do mundo. E você, está de acordo com o resultado?