Onde há vontade, há um caminho

· março 20, 2018

Antes de percorrer nosso caminho, nós éramos o caminho. O compêndio de todos os valores, esforços, objetivos e sonhos. De modo que se há uma árvore para plantar, plantemos; se há um erro para consertar, consertemos, e se há um esforço para fazer, esforcemo-nos. O poder da vontade é o que separa a pedra do caminho. Se tivéssemos vontade suficiente, quase sempre teríamos meios suficientes…

Hermann Hesse, escritor, poeta, romancista e pintor alemão, dizia que quando alguém necessita de verdade de algo, o encontra, não é o acaso que o procura, mas ele mesmo. Seu próprio desejo e sua própria necessidade o conduzem a isso. Em outras palavras, não há nada, por mais difícil que seja, que na maioria das vezes não possamos conseguir se colocarmos empenho. A perseverança é o que dá valor às coisas.

Acreditar é o segundo poder e querer é o primeiro. As montanhas proverbiais que a fé move não são nada ao lado do que a vontade é capaz de fazer. O homem não se dá conta do quanto pode fazer até que tenta, medita e coloca vontade.

“Dizem que sou um herói, eu, frágil, tímido, quase insignificante, se sendo como sou fiz o que fiz, imagine o que vocês todos juntos podem fazer”.
-Mahatma Gandhi-

Mulher observando pôr do sol

A escolha do próprio caminho

Ninguém perde as forças, na verdade é a constância que se torna escassa. As grandes dificuldades encolhem quando a vontade entra cena. Qualquer caminho será transitável onde ela estiver. Já dizia Rudyard Kipling: se você pede a um homem mais do que ele pode fazer, ele o fará. Se só pede o que ele pode fazer, ele não o fará.

Estamos só meio despertos. Utilizamos apenas uma pequena parte dos recursos físicos e psicológicos dos quais dispomos, e o mesmo acontece com a nossa capacidade de empenho. Sabemos mais sobre como esconder-nos do que sobre como olhar para frente para enfrentar os problemas e buscar soluções. Esquecemos que, no momento em que confiarmos em nós mesmos, descobriremos como desfrutar e viver.

Ser autênticos em um mundo que constantemente tenta nos transformar em uma outra pessoa é nosso maior desafio. Os caminhos são análogos às nossas decisões. É nosso desejo esconder nossos sonhos debaixo de uma almofada para conseguir uma suposta e supervalorizada conformidade? Se assim for, transitemos os caminhos marcados. Caso contrário, escolhamos sair desse traçado, seremos nós mesmos em um mundo criado pela nossa vontade.

“Se todos fizéssemos as coisas que somos capazes de fazer, nos surpreenderíamos. Tudo é uma questão de vontade.”
-Thomas Alva Edison-

Mulher correndo em estrada

O poder da vontade a transforma em uma força motora

A força de vontade é o impulso para alcançar nossos desejos. Uma pessoa com muita força de vontade fará valer suas decisões, inclusive frente a uma forte oposição e obstruções de todo tipo. No entanto, uma pessoa com pouca força de vontade cederá facilmente frente à adversidade.

Essa força está relacionada com o desejo. Se não queremos muito alguma coisa, é provável que a vontade que utilizamos para ter sucesso em tal tarefa seja frágil. Por outro lado, se temos um forte desejo e uma grande vontade, então certamente vamos persistir até alcançar nosso objetivo.

Como vemos, querer não é tudo na vida, é preciso vontade para transpor montanhas, para seguir adiante e plantar a semente da autoconfiança.

“As pessoas de sucesso têm medo, as pessoas de sucesso têm dúvidas e as pessoas de sucesso têm preocupações. Elas simplesmente não permitem que esses sentimentos as detenham.”
-T. Harv Eker-

Pessoa observando paisagem em lago