Pratique a arte de saborear a vida para melhorar a sua saúde

08 Agosto, 2020
Se você dedicar tempo de qualidade às coisas que importam, sua saúde vai melhorar. Pratique a arte de saborear a vida e de apreciar cada pequeno detalhe. Tente encontrar magia e felicidade nas pequenas coisas.
 

Você deve saborear a vida, levar as coisas lentamente e abraçar completamente o momento presente. Mantenha seus olhos e seu coração abertos para o que está ao seu redor. Quando você vive no momento presente, suas experiências o ajudam a se manter positivo quando as coisas ficam difíceis. Não esqueça que dedicar tempo de qualidade para as coisas que mais importam afeta positivamente a sua saúde física e mental.

À primeira vista, isso parece óbvio. Você já deve saber que provavelmente se sentiria melhor se pudesse ir um pouco mais devagar e apreciar as coisas mais simples do seu dia a dia. No entanto, como o escritor e pesquisador Nassim Taleb aponta, o senso comum das pessoas está falhando.

Esquecemos de como saborear a vida. Muitos de nós estão presos nesses estranhos labirintos de pressões, medos e ansiedades. Existem tantas coisas a serem alcançadas e tanta incerteza que fixar nosso olhar no presente e apreciá-lo é bem complicado.

Além disso, existe o fato de que o cérebro está sempre ciente de possíveis ameaças e riscos. Ele não se importa se você está feliz ou não. Seu principal objetivo é mantê-lo vivo. Portanto, você deve fazer um esforço consciente para aprender a apreciar a vida.

O controle consciente da atenção também cria um tipo de reserva cognitiva e emocional que afeta diretamente a sua saúde. Isso é algo importante a se ter em mente.

A arte de saborear a vida e a memória autobiográfica
 

A arte de saborear a vida e a memória autobiográfica

Todos nós fizemos isso em algum momento das nossas vidas. Quando você se sente bem, feliz e realizado, você tenta tirar uma “foto mental”. Você provavelmente até disse a si mesmo: “vou me lembrar desse momento para sempre”. Essa memória não inclui apenas as coisas que estavam acontecendo naquele momento, mas também as coisas que você estava sentindo e pensando.

Algo tão simples (e maravilhoso) como guardar essas memórias é mais do que apenas garantir a si mesmo que você será capaz de se lembrar da experiência maravilhosa. Esse processo também é um ato cognitivo e emocional voluntário que torna o momento presente útil para o futuro. Você espera, de alguma maneira, sentir a felicidade de hoje no futuro.

É um exercício baseado no mindfulness. Ocorre numa mente consciente cheia de emoções positivas. A arte de saborear a vida é precisamente esta: ser capaz de criar momentos de bem-estar e integrá-los à sua memória. Com isso, elas se tornam “pílulas de felicidade” para o amanhã.

O exercício psicológico de saborear a vida e a nostalgia positiva

Em 2018, Marios Biskas, da Universidade de Southampton, no Reino Unido, realizou um estudo sobre a nostalgia. Ele descobriu uma série de aspectos que devemos considerar:

  • “Saborear a vida” é mais que apenas uma frase e uma mensagem positiva para o desenvolvimento pessoal. É, na verdade, um exercício psicológico muito saudável para o cérebro.
 
  • De acordo com esse estudo, a arte de “saborear a vida” é um exercício que envolve prestar muita atenção ao que acontece ao seu redor. É uma atividade mental deliberada que permite capturar a experiência presente e retê-la. Essa atividade, por sua vez, cria o que os cientistas chamam de “memórias nostálgicas”.
O exercício psicológico de saborear a vida

O Dr. Biskas e sua equipe mostraram que criar esse tipo de memória possibilita recuperar esses fragmentos no futuro e sentir essas emoções positivas novamente. É um tipo de nostalgia enriquecedora. Assim, consiste em ter uma janela aberta pela qual você pode olhar de vez em quando para respirar e se envolver em sensações agradáveis.

Construir essa memória autobiográfica baseada em momentos de equilíbrio, paz interior e bem-estar afeta positivamente o seu equilíbrio psicológico.

A importância de ter um controle consciente sobre a sua memória

Para saborear a vida, você precisa primeiro criar o momento. Muitas pessoas pensam que a felicidade vai e vem e que os momentos de bem-estar são casuais e nem sempre dependem de nós mesmos. Isso é um erro.

Você desempenha um papel na sua própria felicidade. Todos nós devemos promover esses bons tempos em nossas vidas. Isso implica saber desacelerar, dedicar momentos para descansar, e passar bons momentos com as pessoas que amamos, além de um tempo de qualidade sozinhos para nos conectarmos com nós mesmos.

 

Você não precisa de grandes eventos ou viagens caras para isso. A melhor forma de saborear a vida é através da simplicidade. Veja a vida com um olhar aberto e humilde que lhe permita apreciar as coisas mais básicas. Quando você vivenciar esses momentos de bem-estar, procure ativar um controle consciente da sua memória e manter esse momento em sua mente.

Quanto mais disposto você estiver e mais controle tiver para acumular esses momentos de equilíbrio e felicidade, mais seu cérebro vai cooperar. Assim, será mais fácil guardar essas memórias de bem-estar. É uma tarefa que vale a pena e que o ajudará a criar uma reserva cognitiva e emocional.

 
  • Biskas, Marios (2018) A prologue to nostalgia: Savoring creates nostalgic memories that foster optimism. Cognition and Emotion 47 (12), 1564- doi.10.1080/02699931.2018.1458705
  • Cheung, WY, Wildschut, T., Sedikides, C., Hepper, EG, Arndt, J. y Vingerhoets, AJJM (2013). Regreso al futuro: la nostalgia aumenta el optimismo. Boletín de Personalidad y Psicología Social , 39 (11), 1484-1496. https://doi.org/10.1177/0146167213499187